Abrir menu principal

Desciclopédia β

...And Justice for All

Charlemagne-4.jpg Este artigo se trata de um álbum

E já teve milhares de cópias vendidas! (ou não).

Conheça o resto da playlist clicando aqui.

Cquote1.png Já vi esse filme muitas vezes! Cquote2.png
Carla Perez sobre ...All Justice for All, de Al Pacino

A capa do álbum feita por um Desciclopediano treinado no Paint

...And Justice for All ou A Justiça do Forró é o quarto sala e banheiro álbum do Bestallica, lançado em 1988. É um disco que faz referência ao sistema judiciário brasileiro, por tratar de injustiças, supressão da liberdade, guerra e ódio.

O nome do álbum é uma homenagem à Liga da Justiça e seus quadrinhos, da qual James Hetfield era fã quando criança (e olha que isso faz tempo). A imagem da capa representa a Mulher-Maravilha vestida para a missa e amarrada pelo laço mágico enquanto era comida pelo Lanterna Verde-Limão.

O disco se notablizou frente aos anteriores pelos seus chorinhos, cantigas de ninar, sonetos e canções para dormir. Vendeu mais de 8 milhões de cópias nos Estados Fudidos e é o primeiro a contar com a presença do baixista Jason Newsted substituindo Cliff, o Bruto, sendo que Jason até então protagonizava filmes de terror. Devido a ele ainda ser um iniciante no metal o disco não possui um baixo audível, visto que ele ainda não tinha largado o pirulito de criança.

As estruturas musicais do disco são as mais complexas da discografia do Metallica, podendo ser entendidas apenas pelos juízes, advogados, promotores e profissionais da justiça.

...And Justice for All ocupa a posição 114 na Lista dos 200 álbuns definitivamente toscos do Hall da Lama do Rock and Rolla, perdendo apenas para os LPs do Michael Jackson.

IntegrantesEditar

MúsicasEditar

 
Um fã de And Justice for All

A canção que inaugura o disco. Possui 5 minutos de solo de guitarra e apenas um de vocal. Fala sobre o Apagão elétrico de novembro de 2009

Um pagode composto por Caju e Castanha que fala da justiça brasileira, que foi estuprada e morta. Jaime querendo justiça no forró.

O vocalista olhando a vizinha pelada na janela.

Vamos dar as mãos, um dois três. Quem errar o passo perde a vez.

Um rap dos Racionais MC's que fala da realidade, da decadência, a vida, o universo e tudo mais.

Música que fala do tempo em que James trabalhava no campo e plantava e colhia as sementes da tristeza.

Canção falando sobre os últimos resquícios do vaso sanitário da casa da mãe de Hammett.

Uma música ao estilo bossa nova de longos 9:38 onde ele se pergunta: Viver ou morrer, eis a questão.

Hetfield perguntando aos pais se pode ir ao cinema. No mais, é apenas Lars que está destruindo suas baquetas.

  Conheça também a versão oposta de ...And Justice for All no Mundo do Contra: