Abrir menu principal

Desciclopédia β

001 num feriado.

001 era é o porquinho-da-índia e dublê de James Bond. Apesar dele não aparecer muito em nenhum dos muitos filmes da série, ele supostamente é extremamente perigoso e preparado para morrer gloriosamente pelo seu país, ou de preferência, salvá-lo dos vilões.

Índice

Primeiros AnosEditar

 
Detalhe no pôster de Matrix, que foi alterado.

Nascido num orfanato há muitos anos atrás, 001 vivia com um constante medo de ser comido por alguém. Ele jurou para si mesmo que um dia (ou noite)... um dia (ou noite) ele estaria na telona e em filmes de ação, assim como seu grande heroi, Jesus.

Seu talento foi descoberto por um, na época, jovem e obstinado diretor, e após aparições falhas em entretenimentos medíocres, ele foi escolhido para ter o papel de Neo, no filme Matrix. Esse contrato, no entanto, foi negado por ele já que ele tinha acabado de acabar com sua noiva, uma modelo italiana conhecida (que se manterá anônima).

A pressão emocional era muito grande para o porquinho galante, e ele usou de heroína e bebidas para refrear sua imensa dor. As dívidas estavam crescendo, e ele finalmente procurou ajuda. Após limpar seu nome do SPC, ele retornou a sua carreira de ator, estrelando em muitas obras Shakespearianas, como Othello, Romeu & Julieta, e o seu favorito: Sexo oral 3: BEIJE ISSO! Ele finalmente conseguiu sua segunda grande chance, estrelando como o calmo Andy Dufrence em The Shawshank Redemption. E as ofertas de papeis começaram a surgir.

Primeira ApariçãoEditar

Ian Fleming escreveu um livro com tudo sobre 001, chamado Bola de Pêlo. Com mais de nove mil páginas, o livro trata da infância de 001, sua bebedeiras e eventuais entradas no serviço através de uma janela aberta. 001 passa a salvar o mundo derrotandoo o plano de Ernst Stravo Blofeld de destruir Gales com um míssil nuclear. Justamente quando Blofeld está prestes a detonar o dispositivo, 001 gira em torno do vilão com um rangido alto confundindo-o até ele cair bêbado fora de sua plataforma e quebrar o pescoço.

Amigos e conhecidos de Fleming dizem que ele estava muito bêbado quando escreveu o livro, mas eventualmente ficava sóbrio e o jogava no fogo. Desse momento em diante ele decidiu que a coisa de porquinho-da-índia simplismente não estava funcionando e em vez disso fez seu espião se tornar um homem durosuperlabiado da Inglaterra.

Os Números 00Editar

Na visão original de Fleming, os números 00 marcaram uma evolução na natureza da espionagem, de uma minhoca (000) para um humano (Sean Connery). No meio disso existem:

Cada número 00 representa uma licença para se fazer algo desagradável ou horrível. No caso do 007 é uma licença para matar. Para 006 e 005, é uma licença para bater em algo bem duro com um martelo de borracha. 004, é claro, tem licença para chutar caixas. 003 tem uma licença para estragar os tapetes, enquanto 002 e 001 têm licença para beliscar - que basicamente significa que eles podem morder o tornozelo de alguém. 000 teve licença de escavação em terra, algo que se adaptou bem a ele mais não é muito útil para se livar dos supervilões.

Diz a lenda que 008, se for inventado, será um super-humano que será devorado por minhocas para o ciclo ser reiniciado.

001 e BondEditar

001 é o papel principal nas histórias de Bond como um personagem de apoio. Quando Bond está se sentindo deprimido e se perguntando por que ele mesmo se tornou o espião de tudo, 001 aparece nos bastidores fazendo uma dança de animador de torcida e acenando um par de bandeiras pequenas ele normalmente canta a mesma canção, chamada .

Nós te amamos James,
e sentimos sua dor
Mas se você não começar a fazer essa merda novamente ...
... e rapidamente ...
Então nada de fazenda engraçada para você novamente.

Às vezes ele olha para a câmera com um olho e entoa as famosas palavras "O nome é porquinho. Da índia ... porquinho-da-índia", mas eles sempre editam e cortam essa parte.

As senhoritasEditar

001 tem naturalmente seu quinhão de protagonistas. A grande maioria delas é atraída por ele como ímãs naturalmente. Elas realmente apreciam lhe darem cócegas debaixo do queixo e dizer "Aaaaaaaaahh mas ele é tão lindiiiiiiinho". Que é algo que realmente o incomoda. Apenas Eva Green disse que 001 a atrai num nível intelectual, ou seja, o dela. A Srta Green declarou publicamente que as observações de 001 sobre as artes e a filosofia têm a mantido quente e confusa nas noites longas de inverno. 001 costumava ter o retrato de Eva em sua gaiola até Daniel Craig o rasgar em um ataque de ciúmes.

Diálogo NotávelEditar

 
001 aparece em Goldfinger.

Bond: O que você quer que eu fale?

Goldfinger: Não, Sr.Bond, espero que você morra!

001: squiiiiiiiiiiiique. Squiiiiiiiiiique!

Goldfinger: O que foi?

Bond: Er, nada. Belo laser você tem aqui. Linda cor.

Goldfinger: Bem, hum, sim, obrigado. Eu fiz sozinho, do ouro.

001: Squiiiiique!

(o laser é desligado e há um barulho suave de 001 caindo do mecanismo)

Goldfinger: É aquele maldto porquinho da índia! Oddjob, venha aqui!

Bond: 001 corra, corra!

(Oddjob aparece e joga seu chapéu na direção de 001 mas acerta um fio da rede elétrica, mergulhando Chicago na escuridão. Oddjob olha para câmera e de ombros)

Plateia:HAHAHAHA!

AposentadoriaEditar

No início de 2006, 001 foi aposentado precocemente devido a psicose. Aparentemente ele e 007 tiveram uma noite de embriaguez, e sem entrar em muitos detalhes, o incidente envolveu uma tocha, um tubo e uma garrafa de lubrificante e terminou com 001 coberto com um cobertor de molho shoyo. Desde então ninguém tem visto 001 e todos acreditam que sua identidade fora alterada. Embora haja um pequeno número de pessoas que creem que ele ainda resida confortavelmente na cavidade retal de 007.

O FuturoEditar

 
001 já com suas marcas de idade.

Até agora, 001 em sua carreira cinamatográfica foi sempre ofuscado pelos 007. 001 teve de se contentar com papeis curtos e aparições inúteis para fazer os filmes ter um tamanho consideravelmente grande para o público consumidor. Após muitos anos de trabalho duro os estúdios finalmente lhe permitiram ser estrela de seus próprios filmes.

Intitulado de Segurança Rodoviária é Importante, o filme é destinado a crianças, adultos genéricos e idiotas. 001 exerce o personagem de um hamster que tem que atravessar uma rodovia movimentada. Depois de olhar à esquerda e à direita ele atravessa e é recebido do outro lado por uma adorável fêmea que lhe dá um sorvete por ser tão cuidadoso. Enquanto isso, Daniel Craig atravessa a mesma estrada com sua espingarda e é atropelado por um misturador de cimento. 001 se vira para a câmera e diz: "Então crianças, quem você preferiria ser agora, hein?"

O filme tem seu lançamento previsto para o início de 2003, apesar dos protestos do Ibama e de ONGs.

Há razões para acreditar que ele estará no próximo filme de James Bond, Bond 22: Balão Mágico