Abrir menu principal

Desciclopédia β

A Momentary Lapse of Reason

Ozmaeleozelito.jpg Este artigo se trata de um álbum

E você baixa da internet porque não tem dinheiro.

Conheça o resto da playlist clicando aqui.

Novamente a capa do álbum super detalhada e feita por um descíclope no paint

Cquote1.png E agora o que vamos fazer? Cquote2.png
David Gilmour sobre A Momentary Lapse of Reason
Cquote1.png Esse álbum de vocês é um lixo! Cquote2.png
Roger Waters sobre A Momentary Lapse of Reason
Cquote1.png Não quero tocar, Roger me decepcionou muito..snif Cquote2.png
Emo Nick Mason sobre A Momentary Lapse of Reason
Cquote1.png Aonde coloco meu currículo? Cquote2.png
Richard Wright pedindo emprego para poder gravar A Momentary Lapse of Reason


A Momentary Lapse of Reason foi o primeiro álbum da banda Pink Floyd sem a presença do ditador músico Rogério das Águas. O Álbum lançado em 1987 chegou ao número 8795º de vendas em todo mundo.

Sem criatividade apos a saída de Roger, Davi e Nico ganharam na justiça o uso do nome Pink Floyd para continuar vendendo discos e faturando somente por ser do Pink Floyd. Porém, abalados mentalmente, pois Roger Waters era dito como profissional em diminuir (aka ferrar, falar mau) dos demais integrantes, Nico andava muito deprimido e sem criatividade para bater (sem malicias). Assim o Pink Floyd foi seguindo até o fim lançamento do Álbum. Ricardo Scerto que tinha perdido o emprego e sido esculachado, ferrado, avacalhado, pisoteado por Roger, ainda teve a cara de pau iniciativa de pedir emprego para David Gilmour, assim voltando ao Pink Floyd.

Por trás de tudo isso, estava Roger Waters começando sua turnê de Playback em volta do mundo. Mas Roger não deixava de criticar e falar mal do álbum feito por Gilmour, foi a única vez em que Roger assume que aquele álbum não era dele, que aquelas músicas não foi ele quem fez e que aquela banda não era mais dele.

O Prêmio Wood Disc (Disco de Madeira) que o Pink Floyd Recebeu pelo sucesso do álbum

Índice

IntegrantesEditar

  • Davizão, graaande Davizão (Vocal/Guitarra/Baixo/ Chefão e Psicólogo) Vendo a situação que Roger deixou os demais integrantes, tentou convencer a todos os demais integrantes que eles eram bons no que faziam, se tornou um grande psicólogo nos estúdios de gravações. Mas música que é bom nada!
  • Nico Manso (Baterista ) Nico em A Momentary Lapse of Reason era uma pessoa tristonha e infeliz, vivia chorando pelos corredores, procurava entender se realmente era tão inútil como Roger Waters dizia.
  • Ricardo Scerto (Tecladista) Readmitido, estava mais deprimido que qualquer um, pois levou a sério quando Roger disse que ele só servia para cheirar gatinhos e errar notas musicais.

Os lixos sons que saíramEditar

Vamos fazer diferente. Vamos destacar as únicas músicas que fizeram ao menos um pequeno sucesso. E as músicas que chegaram perto em fazer um sucesso foi:


 


MúsicasEditar

1 - Signs to Life (Marcas para a vida) - Esta música fala a respeito da falta que Águas faz para Gilmar e para a banda no geral. Na verdade, como essa música é instrumental, não fala nada mesmo

2 - Learning to Fly (Lendo e voando) - Uma das atividades favoritas de Nico, que gostava de ler enquanto voava em seus jatos particular;

3 - The Dogs of War (O Cachorro da Guerra) - Depois de jogar God of War por 48 horas seguidas, Gilmar resolveu compor uma música em homenagem à Kratos. Como não foi autorizado a utilizar o nome de Kratos na música, usou um dos apelidos mais conhecidos deste semi-Deus. Ou talvez, seja apenas uma singela homenagem a Barreto, o cachorro do Pink Floyd.

4 - One Slip (Um Sono) - Atividade realizada em grupo por todos os componentes da banda, inclusive os técnicos e todas as pessoas relacionadas à gravação deste CD. É a mesma situação em que você se encontrará antes de chegar nessa música.

5 - On the Tunrnig Away (Fazendo o Retorno) - Música destinada aos novos condutores de veículos, vulgos motoristas novatos, que não sabem a forma certa de realizar um retorno de via.

6 - Yet Another Movie (Muda pra outro filme) - Também não entendo o porque deste título. Dever ser alguma experiência em grupo.

7 - A New Machine (Part 1) (Nova Máquina) - Por ser viciado em ferraris e qualquer outro tipo de máquina veloz, Nico compôs essa música sem a ajuda de ninguém!!!!. O que é uma coisa rara para um baterista.

8 - Terminal Frost (Terminal Frito) - Mais uma viagem.

9 - A new Machine (Part 2) (Nova Máquina) - Agora, após ter comprado mais uma Ferrari, Nico compôs uma segunda música...o que mostra que merdas acontecem milagres existem.

10 - Sorrow (Tristeza) - Retrata a mais nova empreitada da banda, o emo. Como viram que na época não fariam sucesso com esse novo gênero boiolístico, desistiram e continuaram fazendo suas maconhices.

Comentário dos integrantes sobre o álbumEditar

  Ficou um lixo né?  
David Gilmour
  Eu achei bonito  
Avó de Nick Mason
  Pelo menos eu voltei pra banda!  
Richard Wright
  Eu fiz duas músicas desse cd  
Nick Mason


Ver TambémEditar