Abrir menu principal

Desciclopédia β

Acústico MTV

EMtv-755381.jpg ESTE ARTIGO FEZ PACTO COM A MTV!

Ele provavelmente foi criado por um VJ, finge que se importa com música e vai se mudar pra Record quando as coisas estiverem feias. Não vandalize, ou será obrigado a assistir os vídeos da Kéfera!

Este artigo é sobre um HIT!

É uma música chata, repetitiva e seu vizinho adora. SOLTE O SOM!

Music madonna.jpg
Viu essa logo, risco de disco bosta adiante!

Acústico MTV foi uma versão pirateada do MTV Unplugged, um programa que deu origem à febre de discos de bandas e cantores fazendo música acústica. Assim, uma caralhada de artistas, alguns decadentes ao extremo, de repentemente voltaram à ativa, mesmo que na maioria dos casos só o tempo que durou a divulgação do disco acústico e só.

Índice

HistóriaEditar

O primeiro acústico MTV foi do Marcelo Nova, mas foi só um episódio-piloto, e como a turma em geral não curtia muito punk acústico (salada sem lógica), nem sequer foi ao ar (se você esperava ouvir "Sílvia" Piranha! no violão, se fodeu!), foram direto no ano seguinte pro do...

  EU SEI EU SEI! LEGIÃO URBANA!  
Fã retardado sobre o primeiro acústico MTV de facto.

ERRRRRRRRROOOOOUUUUU!!! O primeiro acústico MTV a vera foi o do Barão Vermelho, mas ficou só na transmissão ao vivo, só lançaram a porra do show em 2006, quando já nem graça mais tinha. Aí veio o acústico de João Bosco em 1992 e esse sim saiu finalmente em LP e CD, mas dessa vez esqueceram de lançar o vídeo (PQP MTV!). Por fim, veio o famosinho, o da Legião Urbana, também em 1992, porém só vimos o disco e o VHS em 1999, quando o Renato Russo já tinha batido as botas e a banda ido pra terra dos pés juntos junto com ele... Ô PORA!

E FINALMENTE em 1994 o acústico do Gilberto Gil saiu tanto em CD como em VHS no mesmo ano (aleluia!) e daí pra frente saiu quase tudo no mesmo ano, tirando claro o do Rei, que a Glóbulo decidiu dar uma de "mimimimi esse artista é exclusivinho meu, fdps!" e proibiu a venda do DVD. Até hoje os sortudos que descolaram esse DVD pra mãe ou pra avó não vendem nem pro decreto!

O projeto deu uma interrompida em 2007 depois do acústico de Paulinho da Viola porque não vendeu porra nenhuma, afinal sambista em geral SEMPRE faz a porra do disco acústico já né... e voltou em 2010 com o do Lulu Santos, mas em 2012, quando a ÊmeTêVê Brasil tava já falindo, daí lançaram o último, com Arnaldo Antunes, que não vendeu foi nada porque ninguém entende as músicas solo do Arnaldo (nem ele mesmo pra falar a verdade) e o projeto morreu junto com a emissora.

Bandas e artistas que ressuscitaram com tudo depois desse acústicoEditar

  • Titãs: Não que tivessem mortos, mas tavam mais pra lá do que pra cá com uns lançamentos meio malemolentes como "Tudo Ao Mesmo Tempo Agora", "Titanomaquia" e "Domingo", mas em 1997 com o acústico o sucesso foi tamanho que fizeram um segundo semiacústico logo depois (que a MTV até deu uma de espertinha e usou um dos shows pra vender em DVD intitulado "Volume Dois: Ao Vivo"), uma coletânea e um álbum de covers, e daí pra frente seguiram infernizando os anti-rock dos anos 1980;
  • Capital Inicial: Antes do seu acústico a banda tava morta pra caralho. Nem o retorno do Dinho Ouro Preto pra banda no meio dos anos 1990 tava salvando. Daí eles em 2000 gravaram esse, e com a ajuda providencial de Kiko Zambianchi e sua música grudenta dos "Primeiros Erros" (não lembrou? Então que tal "mas só chove chove... chove choveeeeeeee!") a banda voltou a fazer sucesso, e até hoje toca até em carnaval fora de época;
  • Paralamas do Sucesso: Outro grupo que não tava realmente morto, mas quase ninguém mais tava dando um puto no Brasil pra eles, daí em 1999 eles sacaram esse bangue e pá! Sucesso nos Paralamas até hoje, tocando até em novela da Globo;
  • Roberto Carlos: O QUEEEE? COMO ASSIM O ROBERTO TAVA MORTO? Pois bem, desde que a então mulher dele morrera em 1999 o Rei sumiu de geral e ninguém mais sabia se ele voltaria ou não. Daí ele em 2001 surge com essa surpresinha e logo fãs novos surgem até no cu de Judas. Mas esse acústico, que prometia ser o maior sucesso da MTV, tornou-se um fracasso por culpa de uma certa emissora carioca aí que ficou de cu doce e proibiu a venda do DVD e até a veiculação de clipes e o show na emissora, alegando "direitos de imagem, blá blá blá";
  • Lobão: Mais morto que tua mãe, o porra-louca do rock brasileiro decidiu topar fazer um disco por uma gravadora depois de anos puto com todas. E se não fez lá tanto sucesso, acabou tornando-o o mito dos embustes que em 1989 tava no Faustão fazendo boca-de-urna pro Lula e de 2007 em diante decidiu vir de frescurinha de ser de direita desde criancinha, que aquilo fora um dia que ele tava meio doidão, blá blá blá...

Bandas que tavam fazendo sucesso e só seguiram o fluxo - e em alguns casos se foderam fazendo issoEditar

  • Cássia Eller: O acústico entretanto foi o canto de cisne [email protected] cantor(a), que morreria pouco depois de tanto socar drogas no rabo;
  • Lenine: O pernambucano mais boa praça da MPB, botou pra torar nesse disco, como diria um bom pernambucano;
  • Barão Vermelho: Sucesso sucesso não fez, mas manteve a banda viva mais um pouco... porque depois dele o Barão aterrissou de um jeito que nunca mais conseguiu levantar voo de novo;
  • Charlie Brown Jr.: O disco acústico com maior número de músicas até hoje, todo mundo nos anos 2000 tinha um exemplar;
  • Marcelo D2: em 2004 veio com esse com o papo furado de ser o primeiro acústico de rap do Brasil (sendo que ele fez foi uma bagunça da porra com samba, pagode e a desgraceira toda lá, além do que pouco antes um tal de DJ Alpiste lançou o dele, mas como era gospel ninguém deu nem um puto sequer;
  • Sandy e Junior: Vendeu pra caralho esse em 2007, mas foi nesse disco que ficou claro pra Sandy que tava mais do que na hora de mandar o irmãozinho tomar no cu e seguir carreira solo;
  • Acústico MTV - Bandas Gaúchas: Tirando o Wander Wildner, que era só um velho punk fracassado tentando retomar os tempos d'Os Replicantes, tinha mais três bandas, uma já meio velha (Ultramen) e duas novatinhas (Cachorro Grande e Bidê ou Balde). Ah se todos os acústicos fossem assim, poupar-nos-ia tempo de ver um bando de chatola tentando fazer sucesso tocando rock no violão...
  • O Rappa: Não lembro se era bom porque deram o rapa no disco nas lojas;
  • Legião Urbana: Sem comentários, modinhas sabem o porquê. Só pra lembrar, esse é o mais lembrado dos acústicos, mesmo sendo o mais melequento de todos;
  • Zeca Pagodinho: Até tu, Zeca? E DOIS ACÚSTICOS AINDA POR CIMA! Caralho... e depois ainda lançou um disco especial: "MTV Especial Uma Prova de Amor - Ao Vivo", lançado em 2009. Esse é provavelmente o único sambista que o público da MTV realmente era fã, porque viu...
  • Cidade Negra: Única de reggae que topou participar do programa, logo foram chamados de traidores do sistema.
  • Art Popular: Único acústico com uma dessas bandinhas de pagode mela-cueca dos anos 1990. Foi uma vergonha tão grande pra MTV fazer uma porra dessas vendidas que tiraram do catálogo rapidinho, pra fingir que não aconteceu nada...
  • Engenheiros do Hawaii: Tecnicamente até deu certo esse, mas pra começo de conversa esse acústico foi do Humberto Gessinger, não dos Engenheiros, já que a anos a banda é só ele mesmo. Mas o problema é que depois o Humberto decidiu fazer OUTRO ACÚSTICO, dessa vez independente, tipo, logo a seguir esse. E eles já tinham feito OUTRO ACÚSTICO ANOS ANTES, o "Filmes de Guerra, Canções de Amor". Nisso, não demorou pra o público encher o saco de tanto ouvir eles tocando no violão e a banda se acabou-se.

Artistas que bem que tentaram ressuscitar ou ao menos fazer algum mísero sucesso com o acústico, but...Editar

  • Marcelo Nova: Esse fracassou de tal forma que até hoje NINGUÉM VIU esse show, só quem filmou no dia mesmo;
  • João Bosco: Nem lembro quem é esse cara, sério;
  • Gilberto Gil: Gilberto versão pós-maconha não era mais o mesmo, definitivamente... e pra piorar ainda saiu com o nome "Unplugged", pra pagar de disco lançado fora, tsc tsc...
  • Moraes Moreira: Tentou nos chamar enquanto corria a barca, mas fracassou miseravelmente;
  • Gal Costa: Pior que ela continua tentando. Até disco e DVD com chifrinho do metal ela andou fazendo depois desse...
  • Rita Lee: Outra que poderia ter ficado lá pelos anos 1980 que já tava bom pra ela...
  • Lulu Santos: O desespero do fabricante de hits dos anos 1980 foi tamanho que lançou DOIS acústicos, um em 2000 e um em 2010, mas ninguém deu um puto pra nenhum deles;
  • Kid Abelha: Admitamos, Paula Toller em 2002 já não era mais tão gostosa pra gente perder tempo ouvindo músicas que eles gravaram nos anos deles com o Leoni (porque depois praticamente só saiu música merda e cover);
  • Marina Lima: Aliás... esse caso chega a ser gritante o desespero, já que a mesma também tentou voltar à fama poucos anos antes posando pra revista Playboy, mostrando toda a beleza de suas rugas apagadas no Photoshop...
  • Ira!: Deu tão certo que a banda acabou logo depois...
  • Ultraje a Rigor: Virar a versão do Danilo Gentili do Sexteto do Jô definitivamente não era o "grande retorno" que eles sonhavam...
  • Paulinho da Viola: Outro sambista que tentou repetir o sucesso do Zeca, mas no caso dele não deu em porra nenhuma, afinal quem lembra de Paulinho da Viola? Só a tua avó mesmo - isso, claro, se ela não tiver com Alzheimer...
  • Arnaldo Antunes: Pra fechar com chave de ouro... ou seria melhor dizer "chave de merda" o programa, chamaram o ex-Titãs que só fez sucesso mesmo quando era da banda. Perfeito fim pra uma emissora que já tava pedindo pra se aposentar fazia é tempo...

Ver tambémEditar