Abrir menu principal

Desciclopédia β

Alceu Valença

Bandeira de Pernambuco.JPG Oxe, mô véi! Ess'artigo foi'xxxcrito por um cabra pernambucano arretado da porra, visse?
Goxxxtasse não foi, abestalhado?! Vátilaxxxcá, seu fi di rapariga!! Bicho tabacudo do carai!!!
Tái feito baiano, é?!


Placa70.png

Este artigo discute coisas intrínsecas aos Anos 70's!
Se você pertenceu àquela época, vê SE TENTA fazer alguma coisa útil, seu velho!


Cquote1.png Você quis dizer: Moraes Moreira Cquote2.png
Google sobre Alceu Valença
Cquote1.png Você quis dizer: Ateu sem crença Cquote2.png
Google sobre Alceu Valença
Cquote1.png Eu uso bigode e ele não Cquote2.png
Moraes Moreira sobre Alceu Valença
Cquote1.png Tu vens, tu vens, eu já escuto os teus sinais Cquote2.png
Alceu Valença sobre Profecias
Cquote1.png Ele faz parte da minha vida Cquote2.png
Negão sobre Alceu Valença


O seu valencia

Alceu de Jour Valença é um cantor brasileiro que caiu no esquecimento .

Como nasceu no interior de Pernambuco, foi muito influenciado pelos maracatus, cocos, bois, vacas, cavalos, galinhas etc e tal. Também é um cara que manda todo mundo tomar no cú, se de foder. Principalmente se ele pedir cuzcuz num hotel, e lhe servirem macaxeira!! Ele diz "sou autentico"! Também é conhecido pelas suas brincadeiras sadias, como por exemplo, cuspir no povo, do avião.

A MúsicaEditar

O envolvimento de Alceu com a música começa um tanto tarde, no inicio Alceu Valença era caixeiro viajante. Em umas de suas viagens conheceu Tracupá, um pequeno e pacato distrito do interior da Bahia. Logo, se envolveu amistosamente com Negão. Sábio, poeta e escritor que vivia filosofando por aquelas bandas, o caixeiro ficou espantado com a magia dos versos que Negão fazia, nunca tinha visto coisa parecida. Como sabia tocar um pouco de violão começou a cantar os poemas daquele rapaz. O sucesso foi instantâneo, logo Alceu Valença foi convidado a se apresentar no Bar do Carlinhos, no entanto não lucrou muito, já que foi enrolado pelo proprietário do bar. Negão foi decisivo na carreira do pernambucano, compôs varias músicas, entre elas “Perfídia” e “Estação da luz”. Tititi, como era chamado carinhosamente por Alceu, serviu de inspiração para o músico pernambucano em “Bicho maluco beleza” e “Nas asas de um passarinho” Negão também foi homenageado por Raul Seixas na música “Meu amigo Pedro”.

A poesia de AlceuEditar

Alceu é conhecido por suas letras poéticas como "Morena tropicana, eu quero o teu sabor OI OI OI OI!" ; "Maaaaaaaaaar e Soooool gira gira gira gira gira gira gira girassol" ; "La Belle De Jour, Belle de Jour ô ô Belle de Jour!" ; "Eu ia lhe chamar enquanto corria a barca" ...