Abrir menu principal

Desciclopédia β

Alexandre Nero

Requiao.jpg EstE artigo não tem sotaquE, gentE!

EstE aRtigo é paranaensE, logo, sE você não tiveR intimidadE, cultura, foR um meRda ou moraR em outro lugaR do Brasil quE não seja o Paranã, não sE aproximE, pois elE não fala com gentE da sua laia! Se você avacalhaR, Requião vai ao palanquE com o Diabo e fará um pacto com o Moderador Malvado para tE baniR!

Emblem-sound.svg.png Alexandre Nero
Alexandre nero.jpg
Posando de simpático
Nome Alexandre Nero Vieira
Origem Curitiba Bandeira do Brasil Brasil
Sexo link={{{3}}} Masculino
Instrumentos
Nuvola apps kcmmidi.png
Vários
Gênero MPB
Influências Roberto Carlos
Nível de Habilidade Alto
Aparência Coroa galã
Plásticas Nenhuma
Vícios
Nuvola apps atlantik.png
Nenhum
Cafetão/Produtor
Crystal Clear action bookmark.svg.png
link={{{3}}} Rede Globo

Alexandre Nero (13 de fevereiro de 1970) é um dos incontáveis atores que infestam a televisão brasileira atuando em novelas horríveis.

VidaEditar

Nasceu em Curitiba, mas ainda na juventude mudou-se para São Paulo. Como tinha um forte sotaque que o diferenciava claramente dos paulistas, começou a sofrer bullying e decidiu voltar para o Paraná nos anos 90. Como todo guri retardado e vagabundo de antigamente, Nero sonhava em ter uma banda e fazer sucesso com sua música. Como era solitário e ninguém gostava dele, teve que se contentar em gravar um CD sozinho. Assim, em 1995 saiu Camaleão, seu álbum de estreia, que não vendeu porra nenhuma.

GloboEditar

Começou atuando em 1998, interpretando figurantes aleatórios no cinema. Estreou na televisão somente em 2007, quando a Globo o contratou para encher linguiça na série Casos e Acasos, que era tão ruim que nenhum ator famoso queria participar. A partir de então, fez mais uma cacetada de papéis irrelevantes na emissora, até que finalmente conseguiu destaque em 2014, quando interpretou o famoso Comendador da novela Império. Dizem que as taxas de suicídio no Brasil subiram consideravelmente após a morte do personagem, que por algum motivo desconhecido, tornou-se adorado por todo mundo.

AtualmenteEditar

Desde 2001, Nero concilia a profissão de ator com a de cantor, sendo o líder da banda desconhecida Maquinaíma. Pouca gente sabe, mas ele também sabe tocar vários instrumentos e compõe suas próprias músicas. Já chegou inclusive a se apresentar no especial de fim de ano do Roberto Carlos, o que não é lá grande coisa, levando em consideração que até mesmo a tosca da Anitta fez isso.