Abrir menu principal

Desciclopédia β

Alfavito elinicó

Greece-flag copy.jpg "ΑΝΕΓΚΥΚΛΟΠΑΙΔΕΙΑ Η ΘΑΝΑΤΟΣ!!!"

Re, este artigo é grego! Ele come churrasco grego, joga tudo na janela do carro quando acaba e gosta de ganhar de Portugal na Eurocopa, além de estar endividado pra caralho.

Alfabeto Grego vem de anal, mais fa, mais beta porém para que ninguém dissesse que era coisa de analfabeto, os gregos deixaram "alfabeto" e assim, esse modo batizou todas os demais sistemas de sinal para expressar uma linguagem... bom, isso em épocas mais recentes, nas mais remotas e menos oficiais era outra história. Se não entendeu nada, continue a leitura, para entender ainda menos.

DesenvolvimentoEditar

 
Isso não é pergaminho, é nada mais que uma saca de feijão de estopa... mas, aí está o alfabeto grego todo.
 
Altas viagens com εθανολ.

Não sei como cargas d'água acreditaram mesmo que esse fosse o melhor sistema de sinais gráficos para expressar a linguagem, sendo que não é das melhores para desenvolver o cérebro. Oras, apenas veja os chinas e os japas: Pode-se virar as letras de todas as formas e, isso é uma das coisas que os faz mais nerds pensantes e, mais ou menos assim (fora as figuras de tipo casas e você frutas, animais e árvores), eram também, os caracteres que os gregos usavam antes de se estabelecer essa coisa de caracteres para um lado só: Claro que isso é um fator atrofiante, sendo a maioria dos ocidentais semi-retardados por conta disso e ainda, há o fator de que alguns dos símbolos são coisa do capeta.

Nas figuras dos cretenses, que os gregos usavam antes, esses símbolos demoníacos não existiam, está certo que haviam letras que se assemelhavam a partes íntimas, tipo a buça que tinha uma forma curiosa e é próxima ao que se conhece pela letra a e, também o carpano que todos acham que é um enrolado em um pano... quase isso, mas ele se assemelhava à letra I.

Isso mesmo, o grego que entregou o pergaminho definitivo para ser a grafia oficial, era um bruxo, nem era dos melhores, sendo uma espécie tipo Paulete Lebrezinha e, vivia tendo que invocar o capeta para que suas poções dessem certo. Foi por vias de macumba das do tipo mais baixo e não por esforço e competência, que ele chegou a ser importante na Grécia. Por conta disso o capeta reivindicou algumas letras em homenagem a ele. Agora queira conferir os símbolos sinistros e simplórios.

LetrinhasEditar

Alfa, ora, qualquer um sabe que essa história de alfa e ômega não pode ser de muita credibilidade. Porque Deus diria que é o alfa e o ômega? Isso dá ideia circular de cachorro mordendo o próprio rabo.

Beta, essa em junção com a primeira batiza o conjunto de sinais e, já foi explicado que o nome verdadeiro é analfabeto e não alfabeto. Issso nem é mais para se falar sobre, mas beta além de tudo, falta apenas um s no meio para revelar que é a besta.

Gama, nem queira saber de onde isso saiu porque eu não sei e nem estou a fim de pesquisar, mas essa letra tem haver com os sapos... ora, veja Gamabunta. Deve então essa letra ter saído de uma honomatopeia de voz de sapo.

 
Aí está a representação do tridente do cão. Ele costumava usar para colher mangas e chupá-las.

Delta, só pode ter origem em uma coisa, já que é um triângulo que lembra o a apesar que o sinal a equivale à alfa, a bosta primeira, mas é claro que tem haver com pirâmide. Malgrado isso, ela não é das demoníacas, até porque pirâmide nada tem demais e é até de uma arquitetura prática: não parece que vai cair em você como os mal-acabados prédios modernos.

Épsilon Esse sim, deve ser demoníaco. Parece o e, mas tem fonação de y. Que merda é essa? Parece um latino que quer ser saxônico a todo custo. Falando nisso os romanos adotaram totalmente esse alfabeto e foram eles também, que terminaram a merda de disseminá-lo.

Digamma, Diga-me o que é isso e para que serve? Como não descobriram, foi abolido e nem tem quaisquer equivalente nas linguas modernas que usam essa grafia miserável. Se faz falta, não sei, mas essa digama não é nada convencional, parece um f, porém com uma espécie de rabinho entre as pernas o alto e o rodapé da letra. Não pense em Cão Arrependido, pois ninguém deu mostras de arrependimento ao ter limado ele pra sempre.

Stigma, outra limada de tudo que se conhece por alfabeto. Nem a alemãozada usa isso, acho que nem os próprios gregos. O símbolo é até simpático e lembra um g, mas nada tem haver com ele, nem fonéticamente.

Zeta, você deve pensar: "É o z!" Nem é, apesar de ensinarem que é. Agora explico porque: o equivalente do z na verdade é outro, mas essa foi uma das letras pedidas pelo capeta para fazer parte do alfabeto grego e assim, foi feito uma substituição. Por sinal era a última, depois passou para o meio e depois voltou novamente ao fim da picada.

 
Isso é um xizinho sem vergonha, que prova que Alfa e Omega não são princípio e fim.

Etá É, tá me tirando. Falando em tirar, essa é outra que nem os gregos usam mais... não faz mal, pois o restante do mundo nem sabe mais que os gregos existem.

Heta Agora me diga qual a diferença para a anterior? O h e o acento. Essa letra parece aqueles diagramas para indicar um caractere que não pode ser apresentado, de acordo com os recursos dos pacotes de idioma.

Teta Não vou chamar de seios, não se preocupe. Mas também não equivale à letra t, agora que mais dizer... só estudando mais isso para esse artigo ficar mais descente, por hora é apenas essa teta caída.

Iota, não... não vou dizer que tem algo haver com idiota, mas essa parece ter algo de mongol, a Mongólia deve ter deixado ao menos algo que preste no alfabeto grego.

Capa Essa é a letra equivalente ao k, mas ninguém sabe pra que servia o pa, nem vai saber, porque provavelmente não servia pa nada.

Lambda, uma lambida deve ter sido o que os gregos que definiram esse alfabeto, deram um no outro. Lambidas são dadas em lugares dos mais estranhos, tudo dependendo do gosto. Essa letra, fora a lambida, pode até servir pra alguma coisa na fonação ou no desenvolvimento da fala, apenas pela dificuldade em dizer.

Miu, mais uma onde a maiúscula é totalmente diferente da minúscula. O sinal equivalente é o m, que é a maíuscula. A minúscula é um h de cabeça pra baixo. Ainda quer saber por que essas modificações ocorreram?

Niu, Niu, antes de se definir como letra do alfabeto grego, foi tirar todas as outras letras da Matrix, mas parece que não adiantou muita coisa, sempre se consegue caracteres substitutos, nem que sobre somente 0 e 1.

Csi, notaram que o texto de cada letra está cada vez menor? Não é que a graça esteja se acabando. É que há csi considerar que são muitas letras, uma mais inútil do que a outra.

 
Siga a zeta seta.

Ómicron, ninguém tire que essa deve ter haver com aqueles deuses estranhos. Para homenagear sem sofrer nenhuma praga, quem deu a permissão foi Tupã, pois os deuses gregos eram quase todos uns filhos da puta.

Pi, essa letra entrou em um lugar de uma outra, que se assemelhava a um palavrão. Sempre que houver, não um cálculo, mas um palavrão não permitido, pi dá uma ajuda.

San, essa surgiu quando alguém cismou de beber sangue. Se não entendeu não é fã de Supernatural, mas ainda por cima, tem o caso do prefixo, se você não toma sangue, mas come carne, então é vampiro pela metade e san, serve.

Sho, essa foi uma que saiu derivada do pi, isso antes da substituição. Essa era a primeira sílaba do pi antes de ser pi, mas quem nomeou essa letra deveria ter bebido todas mesmo.

Qoppa, nem me atrevo a comentar nada sobre isso, nem brinque.

Apenas saia rindo, mas nenhuma das representações de risadas mais conhecidas e usadas hoje, serve. Digamos que ela seja mais chiquetona por ser uma risada fechada, porém ainda mais ridícula do que a letra.

Sigma, essa já conhecia a bosta do twitter, antes de todo mundo. Deve ser uma das que o capeta pediu.

Tau, tá...

Upsilon, essa desgraça tem uma equivalência pra cada língua. Nem vou comentar nada.

Fi, Finalmente esta praga está acabando.

Chi, vamos deixar essa prá lá, ela já murchou.

Psi, essa é o famoso tridente...

Omega, ela maíuscula é bem interessante, mas minúscula, nada mais é do que um w.

Sampi, desvendado porque deus não diria que é o Alfa e o Ômega. Como poderia, sendo que era o tal sampi, a última letra? Agora pode não ser, mas era no tempo que dizem que deus andava tagarelando por aí. Lembrando que nesse caso, Tupã nada tem haver com isso.