Abrir menu principal

Desciclopédia β

Anatomia de um Crime

L70692-51-logo-51763.png

Este artigo discute coisas intrínsecas dos Anos 50's!
Provavelmente ele se refere a coisas daquela época, tais como Rede Tupi, Getúlio Vargas e Demônios da Garoa.

Velhadaslu.jpg Anatomia de um Crime é uma velharia!

Este artigo é sobre algo da época em que os Beatles estavam na moda e sua avó era gostosa. Se vandalizar este artigo, um corcel vai te atropelar!

Primeiro-celular-do-mundo2.JPG
70% das falas da promotoria e da defesa nesse filme são "PROTESTO!", "EU PROTESTO E CALE-SE BIEGLER! SUA BICHINHA!", "JUIZ! O PROMOTOR ME CHAMOU DE BICHINHA!", "CALEM-SE SUAS CRIANÇAS BIRRENTAS OU TODO MUNDO VAI FAZER TRABALHO COMUNITÁRIO POR DOIS ANOS!"

Cquote1.png Você é corno! E É POR ISSO QUE A MATOU! Cquote2.png
Promotor do filme para Ben Gazarra, o ator com nome mais estranho e também réu da acusação
Cquote1.png PROTESTO! Está prevista na constituição dos Estados Unidos que se alguém descobre que o estuprador na realidade é o amante de sua mulher você PODE CUIDAR DISSO! Cquote2.png
Uma brilhante defesa de Paul Blieger
Cquote1.png Valeu Blieger... Sua bichinha. Cquote2.png
Tenente Maldion sobre Blieger ferrar mais com ele
Cquote1.png Se realmente ver um julgamento fosse divertido eu assistiria o canal do senado todo dia... Cquote2.png
Pessoa Normal sobre Anatomia de um Crime

Anatomia de um Crime é um filme dos anos 50, algo que provavelmente seu avô tenha assistido na esperança de ter alguma cena de putaria com a tal "Laura" e que sua avó não assistia, pois na época além de mulheres não votarem também não assistiam filmes como esse. Anatomia de um Crime conta a entediante história de um crime SmileySmall.png.

SinopseEditar

Tudo começou quando Tenente Malnion (Algazarra Ben Gazzara) é acusado de assassinar um homem que teria estuprado sua mulher, Laura.

Após se ver contra a parede, o Tenente recorre ao agente da lei que salva os políticos, os patifes, os meliantes: um advogado. De início, Paul Biegler, o Advogado se mostra ser um advogado que só existe nos contos de fadas, do tipo que "não escolhe o dinheiro, é modesto, mas sem parecer cagão". Depois de o tenente passar uma maleta branca para Paul ele diz:

  Estou convencido que você quer ajuda, e sei que você não é culpado Tenente Malinion!  
Paul Blieger

  Com o dinheiro que te dei você é pago para acreditar nisso!  
Tenente Maldion

Então, se prepare para uma odisseia looooonga e cheia de palavras que o dicionário nem conhece dentro de um tribunal, onde 60% das pessoas que estão nele estão dormindo, o júri é comprado, a promotoria e a defesa vão fazer uma festinha depois do tribunal e o juiz também é um corno manso.

Final de tudoEditar

 
  Merda, tu não cala a boca Biegler?  
Júri sobre as vezes que Biegler sai gritando "protesto!"

Como talvez você nem chegue a achar esse filme na internet (velho demais para ela) é bem provável que ninguém vá ficar "pê da vida" quando o final for Spoilerado.

No fim de "Anatomia de um Crime", antes do Juiz declarar a sentença e o Júri dar sua opinião um pombo correio traz um um disco de vinil para o tribunal, ele é apresentado como prova no desespero de Blieger que ia perder o resto do dinheiro. Nesse disco estava uma gravação de Laura, a esposa do tenente, dizendo que estava sã e salva em um lugar no México.

Todo aquele crime havia sido planejado, que o tenente Maldion não tinha matado o estuprador mas sim um Alienígena que estava querendo impedir o golpe de Laura. No fim da gravação, o gramofone explode e Laura vive feliz para sempre casada com um figurão Mexicano.

Prêmios IndicaçõesEditar

Não ganhou nenhum prêmio no Oscar. Só indicações mas em todas as categorias, inclusive na de "melhor letreiro para créditos", Anatomia de um Crime ficou de destaque. Nem mesmo o globo de ouro ganhou o filme. O "BAFTA" (british oscar) deu o prêmio de "melhor final tosco" ao filme. Bela porcaria!