André Dahmer

Dahmer de Malvados é um Cavaleiro do Brasil
Acompanhe a saga dos nossos poderosos heróis rumo à conquista do hexa!
Cavaleiros do Brasil.jpg


DramaticQuestionMark.png
Você sabia que...
  • ...A falta de memória é um atalho para a felicidade?

Cquote1.svg Você quis dizer: Coma alcoólico? Cquote2.svg
Google sobre André Dahmer
Cquote1.svg Sou bom de papo e bom de copo! Cquote2.svg
André Dahmer sobre ele mesmo.
Cquote1.svg Só gosto de Malvados tio! Cquote2.svg
Garotinha irritante sobre André Dahmer.
Cquote1.svg Vou tomar uma cerveja para cada chateação que tive hoje... Cquote2.svg
Malvadinho sobre André Dahmer.
Cquote1.svg Desculpem, estou escrevendo um livro, volto depois do carnaval ou da semana santa... Cquote2.svg
Dahmer sobre postar tirinhas no Malvados.
Cquote1.svg Atualiza logo, porra!! Cquote2.svg
Leitor de tirinhas sobre André Dahmer.
Cquote1.svg Ele que é o primeiro! Cquote2.svg
Allan Sieber sobre André Dahmer.

André Dahmer
0,,11491581,00.jpg
Dahmer desenvolvendo tirinhas.
Nascimento 14 de setembro de 1574
Rio de Janeiro, Rio de Janeiro
Nacionalidade Flag of Brazil.svg brasileiro
Principais trabalhos Malvados e só!
Prêmios Porra nenhuma

André Dahmer é um desenhista falido com sobrenome roubado. Ficou meio conhecido por ser o autor das tirinhas dos Malvados, que normalmente não seguem nenhuma linha cronológica, humorística, ética, ou até mesmo lógica e tem como personagens dois seres indefinidos, que são costumeiramente comparado com flores gays, tirando daí o apelido que tem, "As Flores do Mal" ou "Girassóis".

Mapa DahmerEditar

O Grande Mapa Dahmer da Bostosfera Brasileira (GMDBB) foi especialmente desenhado para alimentar brigas por coisas pequenas. Ele contém vinte e seis graves erros de omissão, localização e lógica.

MalvadoscorpEditar

A Malvadoscorp. é o braço pilantrópico dos Malvados. É uma fundação incansável na luta para salvar a vida de André Dahmer, o segundo mais miserável quadrinista brasileiro em atividade (o primeiro é Allan Sieber). Vende camisas, livros, quadros, cinzeiros, tirinhas originais e mais um monte de bugiganga do gênero para pagar as contas das bebidas, dos cigarros e dívidas de jogos do Dahmer.

Lista interminável das suas séries de tirinhasEditar

 
André Dahmer em seu cotidiano.

Logo abaixo está uma lista interminável com as séries de tirinhas que o Dahmer já criou. Algumas delas são séries de uma única tirinhas. Outras são séries mais longas e duradouras.Tirando o Malvados, o resto são séries com duas os três tirinhas.

  • Quadrinhos dos anos 10.
  • Malvados.
  • 2035.
  • Encontro anual dos donos do Mundo.
  • Treme-treme.
  • Mini-Dahmer.
  • Cidade do Medo.
  • Monsueto Freestyle .
  • Ulisses Versus Ulisses.
  • A Cabeça é a Ilha.
  • Sara Sofrida.
  • O Massacre de Ürben Balt.
  • Cães de Guerra .
  • União Brasileira dos Moralistas de Fachada.
  • Os Últimos Dias de Helmut H.
  • Força, Droguinha.
  • Seu Joadir e Jurandir .
  • Proibidões dos malvados.
  • Cadernos Secretos.
  • Emir Saad, o monstro de Zazanov.
  • Los Locos.
  • De Nihilo Nihilum.
  • Bororó do Oeste.
  • Deserto dos medonhos.
  • The Botika Hotel.
  • SurfHype. O maior blogueiro de São Paulo.
  • Apóstolos, a série.
  • Ziniguistão sitiado.
  • Minicômio.
  • Esquadrão da infelicidade.
  • Alone.
  • Supermalvados, ativar!.
  • Diário de um masoquista.
  • Infernos da alma.
  • Ademar, o canibal vegan.
  • Quando éramos felizes.
  • Minha jaula, minha vida.
  • Os mistérios da vida selvagem.
  • Pior sem elas.
  • Terra dos homens.
  • Num mundo ideal.
  • Alcoólatras, a série.
  • Violentos do amanhã.
  • O guia Brasil para principiantes.
  • Os ricos se divertem.
  • Bar 42.
  • A fazenda Ginsberg.
  • Le grande cirque Brésil.
  • A grande poesia dos irmãos Bradock.
  • Vai piorar futebol clube.
  • Em nome do pai, a série.
  • O clube da dor.
  • A vida secreta dos robôs.
  • Mestre Barbará das notícias boas.
  • Nação rivotril.
  • A grande seca de Los Locos.
  • Planos de carreira, a série.
  • Escrotórios do mundo.
  • Os diários secretos de André Dahmer: Caderno 1 - Família.
  • Os diários secretos de André Dahmer: Caderno 2 - Amigos.
  • Os diários secretos de André Dahmer: Caderno 3 - Sociedade.
  • Danilo fugiu da prisão.
  • Malvados grandes temas.
  • Pequeno mundo blogueiro.
  • Cadernos do inconsciente.
  • Rio cidade desespero.
  • Desmemória.
  • Massas, a série.
  • Cerco de dolores.
  • Arte para leigos.
  • Os erros mais comuns da juventude.
  • Malvados explicam a Internet.
  • Você vai morrer de algo que você gosta.
  • O mundo é dos frangos.
  • O mundo que deixaremos para nossos filhos.
  • O guia de guerrilha malvados contra grandes corporações.
  • Os cadernos secretos da felicidade.
  • A cama é o coração.
  • A corpo é o porto.
  • A origem da perversão.
  • Quarta tentativa.
  • Dias difíceis, pessoas solidárias.
  • Orientais bebem mijo, ocidentais comem merda.
  • Emiliano subirá aos céus.
  • O moderno jornalismo brasileiro.
  • As doze chagas do malvadinho.
  • Malvados mundo perfeito.
  • O julgamento do século.
  • O amor nos tempos da pressa.
  • Das kapital.
  • Grandes piadas do anedotário brasileiro.
  • A irmandade do besouro azul.
  • Robertinho idealista.
  • O crepúsculo da televisão.
  • A infância triste do malvadinho.
  • Um céu dos infernos.
  • Manual de sobrevivência no casamento.
  • Ninguém suporta Zé Renato.
  • Demasiado humano.
  • Viagem ao centro da alma.
  • A coragem do primeiro pássaro.
  • Los Locos alive.

André Dahmer merece
uma salva de palmas por ter criado o Malvados!


Ver tambémEditar

Ligações externasEditar