Abrir menu principal

Desciclopédia β

Apuiarés

Apuiarés é uma cidade distante 111 km de Fortaleza, é atualmente governada por Dr. Roberto.

Índice

História

 
Apuiarés, onde os vira-latas são cabras e bodes.

Inicialmente habitado pela tribo indígena dos tapados, foi aos poucos colonizada por agricultores perdidos que não encontraram em Apuiarés a prosperidade que perseguiam.

Dado a natureza isolada do local, foi elevado a município em 1957, não porque fosse grandes coisas, longe disso, mais porque estava longe de qualquer possível sede, então ficou um município independente.

Geografia

Considerada a cidade mais linda do Vale do Curu (Não confundir com Cu de Vale), mais conhecida na região como a Princesinha do Vale (não sei da onde tiraram isso, que coisa gay). Banhada pelo Rio Curu (não confundir com Cu de Rio), de onde desce toda a água poluída que vem da cidade vizinha General Sampaio, e assim surge até uma expressão local que diz "tu é doido ou é do General?", famosa frase da população que pergunta se você é idiota ou se apenas mora na cidade vizinha, a terra dos doidos.

Economia

A renda da cidade vem exclusivamente da prefeitura, esmolas que o prefeito distribui para aqueles que passam o dia na porta da prefeitura ao invés de irem trabalhar, para pedir uma ajuda ao senhor prefeito (lembrando que se você conseguir ver o prefeito dessa cidade ele vai esta bêbado ou andando em um quadriciclo ou em uma Hailux).

Outra fonte de emprego é o comercio local, onde você trabalha como escravo para alguma grande loja de móveis da cidade, lembrando que nessas lojas você sempre vai ser estagiário, nunca vai ter sua carteira assinada e se você pedir para sair vai ter que pagar uma multa à loja. Outro estabelecimento da cidade onde muitos trabalham são os depósitos de bêbida, lá se trabalha por um litro de leite ou um litro de cachaça mensais, e se você pensar em pedir salário vão colocar você para corre a custa de um chicote.

População

O sertão ainda nem começou propriamente dito, mas Apuiarés já é o primeiro vislumbre de como o interior cearense pode ser desolado, a cidade parece deserta de tão pouco movimento. Apuiarés tem aproximadamente 15.000 de habitantes, sendo que:

  • 10% são sanguessugas do prefeito.
  • 10% são trabalhadores, ou seja, escravos que trabalham para os comerciantes locais).
  • 50% são viados, gays, lésbicas, ou então aqueles que comem o cu dos viados em troca de dinheiro.
  • 10% são raparigas que se encontram sempre la no Bar do Xavier, mais conhecido como o point das putas da cidade.
  • 20% são corno, bêbados e outras especies que não foram catalogadas ainda pela ciência.

Turismo

Não há, sendo mencionado no máximo o supostamente famoso carnaval da cidade, festejo popular este que na verdade mais parece a porta do inferno, pois só há gente feia, bêbada e suja, cuja principal diversão é ficar sujando os outros.