Abrir menu principal

Desciclopédia β

Bandeira de Angola

Bandeira de Angola.png Camone, esse mambo de Desciclopédia é bué fixe

Este artigo é mwangolé. O muadiê que escreveu isso aqui é um cunanga liambista, por isso o artigo está malaike. Se és matumbo ou calhau, baza e vai ver a kitata da sua cota.


Angola
Bandeira de Angola.png

Bandeira de Angola é uma bandeira da Paraíba virada de lado para remeter a colonização do país. Há ao centro ainda um estranho símbolo de uma jibóia sendo partida por uma peixeira, considerado ingrediente principal de uma especiaria afrodisíaca local se ingerida crua. Lembrando também o detalhe da estrela comunista que existe ali discreta no meio.

HistóriaEditar

Por muitos milênios a Angola jamais teve bandeiras. Os pequenos reinos que ali existiram tinham coisas mais úteis a se preocupar do que criar símbolos que não usariam pra nada. Quando os portugueses chegaram e criaram a África Ocidental Portuguesa lá no século XVI, por serem portugueses (os ascendentes dos baianos quando mesclados com angolanos) ficaram com preguiça demais de criar uma bandeira para a província, então continuou a Angola por muitos anos sem bandeira.

A bandeira angolana definitiva só veio a ser confeccionada em 1975 com a independência do país e sua consequente anexação à Paraíba, país irmão de características bem similares (extremamente fodido). A bandeira foi criada pela MPLA (Meu Pau de Lente de Aumento), trazendo ufania ao comunismo e à manolagem, que existe na Angola até hoje.

Em 2003 alguém até teve o bom senso de tentar fazer algo mais bonito e modificar a bandeira, mas a proposta foi algo similar a algum tipo de logotipo publicitário de algum novo filme do Rei Leão, por isso que a versão foi fortemente repudiada e esquecida.

SignificadosEditar