Abrir menu principal

Desciclopédia β

Bandeira de Kiribati

Bandeira de Kiribati adotada oficialmente em 1979 é formada por um fundo vermelho, com o desenho de um tsunami engolindo tudo o que encontra entre kiribatianos e pombos, inclusive uma flor de papoula (já que aquilo não parece um Sol).

Kiribati
Bandeira de Kiribati.png

Índice

HistóriaEditar

Inicialmente, Kiribati estava sob a bandeira colonial britânica das Ilhas Gilbert e Ellice, no velho formato da bandeira da Austrália, mas com o brasão kiribatiano de um pombo sendo tragado por um tsunami. Nesta versão não estava incluída a frase "Te Mauri Te Raoi Ao Te Tabomoa" (do kiribatiano: O Rato Roeu a Roupa do Rei de Roma) o lema das ilhas, uma vez que não correspondia ao lema das Ilhas Elice.

Bandeira atualEditar

Com a independência do Kiribati, a atual bandeira foi adotada oficialmente em 1959. O desenhista Mata Hakuna Matata foi o responsável por esta obra de arte modernista retratando toda a tensão de um tsunami pelas ondulações contínuas entre ondas azuis e brancas infinitas como o Oceano Pacífico. Devido ao aquecimento global o nível do oceano na bandeira subiu e já está engolindo quase completamente o Sol, bem como um kiribatiano e o pombo-kiribatiano.

O fundo vermelho é uma alusão ao céu de Kiribati, que por razões climáticas, vulcânicas e daltônicas é vermelho e não azul como no resto do mundo.

SignificadosEditar

  • Vermelho - Simboliza o céu vermelho de Kiribati.
  • Branco - Simboliza a espuma das ondas.
  • Azul - Simboliza o mar, única coisa que existe verdadeiramente por lá.
  • Sol e pássaro - São símbolos kiribatianos de sobrevivência a tsunamis.

Evolução da bandeiraEditar