Abrir menu principal

Desciclopédia β

Bifana

PortugalDJoãoscary.jpg Manuel, vê-me dois cäcətinhos, o pá!

Æstə ärtigo é purtugäish, gajo. Élə comə cacətinho cum bəcalhau, tuma um vinho ishtränho, adora cumpetir cum a Ishpänha e tem um bigodão.

Se vəndalizarish, um bäenfiquista vai atrás də tua mãe


Cquote1.png Você quis dizer: Bifa na cara? Cquote2.png
Google sobre Bifana
Cquote1.png Você quis dizer: Bacon? Cquote2.png
Google sobre Bifana

Cquote1.png Vou dar uma na sua cara Cquote2.png
Sua Mãe, caso você não queira ir dormir sobre Bifana
Bifana é um bife que dá nas árvores de Portugal, descoberto em Alguma Coisa A.C. e responsável pela ascensão do Império Romano. É o irmão fujão do bacon, e prima da costeleta.

As Bifanas são o tipo de bife mais poderoso que alguma vez poderá existir. Já no tempo dos deuses gregos a bifána já era a que trazia mais benefícios, visto ser a única comida que eles realmente apreciavam. As bifanas estavam presentes em todas as conquistas mundiais de Portugal entre 1888 e 1889. Normalmente a gente come em cima de molho picante, mas para os amigos que gostam de mexer com o estômago, podem misturar com salada, molho de tomate, manjericão, pimentão, maconha...

As bifanas eram muito gostosas, muito gostosas mesmo. Tão gostosas que Dom João VI voltou pra Portugal por causa delas.

Em Portugal, a Bifana custa 500 Euros. Caraca! Que Bifana cara!

História verídica de... QUANDO?Editar

  • Manoel - Senhor de grande poder, com muitas terras e terrenos, e monte de corinthianos e Mexicanos a trabalhar para ele. Todos os dias ele oferecia 10L de vinho e um monte de tipos de bife (sem ser bifanas).
  • Zé - Mexicano, trabalhava nas terras do Manoel, passava o dia todo sentado a sombra da Bifaneira (em Portugal, bife da em árvores ora pois). Um dia ele decidiu roubar uma bifana e oferecer aos deuses gregos.
  • Lady Bifana - Mulher de renome internacional, com grandes bifanas.

ConclusãoEditar

1 minuto e 34 segundos depois do Zé ter oferecido a bifana, o Manoel morreu devido a uma doença desconhecida e visto não ter sucessores os mexicanos governaram as terras e terrenos dele (os corinthianos, é claro, começaram a trabalhar para os mexicanos). O Zé tornou-se chefe das terras e terrenos e passou a oferecer uma bifana todos os meses. Ele foi conhecido como "César". "César" gostava de mostrar a sua bifana pelas ruas da cidade.

E assim surgiu o Império Romano, (ou não).