Abrir menu principal

Desciclopédia β

Big Four of Thrash

Deus metal(2).jpg
Este artigo foi abençoado pelo
DEUS METAL!
Vamos louvar o DEUS METAL!!
\,,/.Ò.Ó.\,,/
HAIL! HAIL! HAIL AND KILL!


Placa80.svg

Este artigo discute coisas intrínsecas aos Anos 80's!
E vivia vendo preço ser remarcado por conta da inflação.

Cquote1.png Você quis dizer: Posers Cquote2.png
Google sobre Big Four of Thrash

Os líderes das quatro bandas fazendo um som pesaaado.

Cquote1.png Essas bandas são todas fuleiras! Prefiro Exodus e Testament. Cquote2.png
Tr00 sobre Big Four of Thrash
Cquote1.png Por que o Anthrax faz parte desse grupo? Cquote2.png
Qualquer um sobre Big Four of Thrash.
Cquote1.png Somos fãs da Big Four, mas sinceramente falando, eles nem chegam perto da gente. Cquote2.png
Dream Theater sobre Big Four of Thrash.
Cquote1.png Nunca mais faço isso de novo! Cquote2.png
Tom Araya sobre reunir a Big Four em shows.
Cquote1.png Se não fosse pelo Metallica nós seriamos a banda líder da Big Four! Cquote2.png
Dave Mustaine sobre Big Four.
Cquote1.png Rock para menininhas. Cquote2.png
Slayer sobre Megadeth.
Cquote1.png Who the hell is Big Four? I just want my bat. Cquote2.png
Ozzy Osbourne sobre Big Four.
Cquote1.png As músicas deles não dão para cantarolar... as nossas dão! Cquote2.png
Iron Maiden sobre Big Four.

O Big Four of Thrash é o grupo formado pelas quatro bandas norte-americanas consideradas as pioneiras e maiores expoentes do Thrash Metal no mundo. A verdade verdadeiramente verdadeira sobre essas bandas é que elas são máquinas de fazer dinheiro que cagam e andam para as músicas que tocam e muito menos para o otário que venderia a própria vida para poder apertar a mão de algum dos integrantes dessas bandas. Nos anos 80 essas bandas ganhavam o mundo com suas músicas eletrizantes e que faziam paralítico dançar na sua cadeira de muletas, no entanto na atualidade é a Big Four que está meio capenga.

Índice

HistóriaEditar

 
Uma foto para a Revista Caras.

No começo era o Hardcore Punk que era a música mais rápida, agressiva e que mandava no pedaço que existia; com suas letras desbocadas, deboche em relação à lei e a ordem e um monte de outras coisas que agradavam a Satanás. Depois de algum tempo o Hardcore foi sendo caçado pelos ativistas dos Direitos Humanos da Ku Klux Klan, apanhando dos policiais anti-anarquistas e sofrendo grande perda de fãs para o Heavy Metal dos anos 70. Quando o Punk pesadão estava morto, enterrado e esquecido pela maioria das pessoas, surgiu um subgênero do Metal que foi apelidado de Speed Metal: um estilo musical feito para canalhas, mulheres despeitadas, moleques remelentos e demais párias da sociedade. Do Speed Metal surgiria o Thrash que faria a cabeça de muitos gringos europeus e norte-americanos.

Em 1983 duas das bandas mais marqueteiras fodásticas da história da música clássica mundial surgiram: Slayer e Metallica. Muitos puxa-sacos de ambas as bandas insistem em afirmar que se não fosse por essas duas bandinhas "o Thrash não existiria" e outras tantas baboseiras que metaleiros juvenis cagam pela boca. A "Big Four" só estaria completa em 1985, quando Mustaine já havia levado um chute de Lars e companhia e o Anthrax foi formado.

 
Representação artisticamente perfeita da Big Four.

Depois de anos procurando a fórmula da juventude finalmente a Big Four definiria os rumos do Thrash mundial com três álbuns totalmente sem graça nem sal espetaculares lançados em 1986: Master of Puppets, Reign in Blood e Among the Living. O melhor álbum do Megadeth veio quatro anos depois, em 1990, com o nome de Risk Rust in Peace.

Por que essas bandas e não outras?Editar

Essa é a pergunta que todo mundo se faz já que as quatro bandas são de qualidade duvidosa e não fazem uma boa sonzeira há muito tempo. O que poucos sabem é que os nomes das bandas são os motivos por elas estarem na "elite" do Thrash: perceba que todos os nomes (Metallica, Slayer, Megadeth, Anthrax) são bem sonoros e fazem bem ao ouvido do ouvinte que ouve o nome dessas bandas serem pronunciados com tanto esmero e ênfase. Agora analise a pronúncia de outras bandas, tais como Exodus, Testament, Vio-lence, Forbidden e Barão Vermelho: se parecem mais com nomes de cachorro que com nomes de banda.

Teorias da conspiração indicam que o jogo macabro da indústria fonográfica é o real motivo de as quatro grandes serem essas bandas e não outras melhores que essas, ou seja todas essas bandas venderam suas almas para o Capeta!

Big Four na década de 90 e 2000Editar

O Thrash Metal sofreu um ataque fulminante do Rock para pessoas que não tomam banho e ficou capenga por todos os anos 90, o episódio que ficou conhecido como "O Thrash está morto!" Várias abominações musicais foram perpetuadas nesse período, ofensas graves ao Deus Metal que puniu os metaleiros fanfarrões da Big Four com um insucesso de dez anos. Diabolus in Musica, Load, Risk e Sound of White Noise foram algumas dessas tapas na cara do público verdadeiramente metaleiro.

Na virada do milênio a elite do Thrash passou por várias cirurgias no maxilar reformulações de sons e atitudes de modo a agradar o mainstream e a juventude da modernidade. O resultado final dessa mudança foi que o som das bandas conseguiu ficar mais insuportável do que já era, embora eles encheram o rabo de dinheiro por conta dos fãs otários.

Os Quatro TitãsEditar

Nota: Nenhuma dessas bandas representa o Thrash realmente. Todas elas servem de enfeite para um gênero que é tão bonito e gostoso de se ouvir.

AnthraxEditar

 
Joey Belladonna é o vocalista mais normal que o Anthrax poderia desejar.

O lanterninha do grupo que fez sucesso sabe-se lá como. Dentre as bandas da Big Four o Anthrax é a que tem a sonoridade mais leve e a atitude menos "Metal" de todas (eles ajem mais como retardados). O líder da banda é o careca e guitarrista Scott Ian que só fez merda durante toda a carreira musical do Anthrax: primeiro por chamar pessoal do Rap para tocar junto com a banda (na música "Bring the Noise"), uma coisa repudiável já que Rap é coisa de negão do gueto e Rock de filhinho da mamãe branquelo de classe média. A segunda merda de Ian foi expulsar um vocalista mais ou menos, Joey Belladonna, por um vocalista imprestável (leia-se John Bush).

Apesar do Anthrax nunca ter sido uma banda boa eles sempre tiveram apoio de um monte de gente, que foi devidamemte subornada para apoiá-los, por isso eles merecem o sucesso que conseguiram (ou não).

  • Sucessos: Caught In A Mosh, Madhouse, Antisocial, Indians, Medusa, Only
  • Número de álbuns: 11.
  • Nota (de 0 a 3): 0.
  • Número de mulheres que pegaram: Ninguém.
  • Melhores álbuns: Among the Living e Persistence of Time.
  • Piores álbuns: Todo o resto Stomp 442 e Volume 8: The Threat Is Real.

MetallicaEditar

 
Os semideuses Jaime Retofirme e Quiquinho Hamlet dão uma palinha de suas habilidades sobrehumanas.

A banda mais conhecida, mais vendida (em todos sentidos possíveis), com mais fãs e a mais "metálica" entre os metais do Thrash (que piada mais escrota!); o Metallica é o grande destaque da Big Four e a principal razão de ela existir. Enquanto o nanico Cliff Burton ainda não tinha ido comer capim pela raiz o Metallica lançou três álbuns fodásticos que mudaram o mundo de um jeito que era muito jeitoso. Anos depois a banda cuspiu em seu próprio legado e começou a flertar com o Hard Rock, Country e até Nu Metal! Hoje os vovôs do Itálica não tocam mais porra nenhuma e só ainda existem porque o baterista explorador que fazer mais dinheiro em cima dos trouxas.

Nota: Lulu é um álbum de Lou Reed e não do Metallica.

MegadethEditar

 
Dave Mustaine depois de saber do fracasso do Lulu.

Surgida da raiva que o Deivinho Mostarda sentia pelos miguxos do Metallica por ter sido expulso da mesma, o Megadeth cresceu rapidamente no meio artístico e se tornou uma coisa nem melhor nem pior do que o Tatálica, mas sim diferente. Dentre as outras bandas das Quatro Grandes o Dave Mustaine's Band é a mais técnica e enchedora de linguiça; com músicas cheias de solos para enfeitar, Mustaine usando uma voz parecida com um animal terrestre-aquático e mais de um milhão de fírulas que não levam a nada.

É a banda que mais trocou de integrantes, devido a bipolaridade de Mustaine e por Dave achar que ninguém tocava melhor ou que era mais bonito que ele. Atualmente a banda está falida e conta com uma esmolinha do loucão brasileiro Kiko Loureiro.

SlayerEditar

 
O álbum que infernizou o Thrash intensamente.

Ah, Slayer... me molho todo quando escuto este nome! É a banda mais agressiva e satânica das Quatro Grandes com influência direta de bandas pesaaadaaas como o Venom e Mamonas Assassinas. Os grandes mestres unânimes das técnicas de guitarra com as mãos e sem as mãos, abaixo apenas da Pequena Chimba Paraense, Kerry King e Jeff Hanneman criaram uma sonoridade incrivelmente massacrante aos ouvidos e conseguiram uma legião de abobalhados fanáticos para lhes prestarem culto. Atualmente o Slayer está passando umas temporadas no abismo em turnê com o Capeta.

Nota: Os piores álbuns do Slayer ainda são bons.

"Big Four" reunidosEditar

 
Aquela foto para postar no Instagram...

Nos meses de junho e julho de 2010 as quatro bandas se reuniram em shows por vários lugares do Brasil mundo com o objetivo de fazer propaganda e dinheiro para o Metallica agradar os fãs de cada uma das bandas. O show gravado em Sofia, Bulgária, foi transmitido via metrô satélite para milhares de zé-manés com ou sem Internet discada de todo o mundo e para o Haiti também. Altas confusões rolaram nesse show, principalmente porque muita gente foi mais para ver Slayer e Metallica, o que deixou o Megadeth e Anthrax aos prantos.

No final do show foi feita uma jam com a músics Am I Evil? do Diamond Head na qual todos os membros de todas as bandas, de todas as Big Fours, de todos os Estados Unidos se reuniram para tocar a canção (exceto os caras do Slayer, que se retiraram para fazer um ritual satânico).

"Big Three Germânica"Editar

É uma resposta européia para a "Big Four", que compreende as bandas alemãs Kreator, Sodom e Destruction. Apesar de serem muito melhores que a "Big Four" [carece de fontes], a "Big Three" não ganha audiência da mídia norte-americana, tampouco são chamados para fazer meinha grandes festivais nos EUA ou shows no Rock in Rio.

Alguns dizem que uma bandinha chamada Tankard faz parte de uma mítica Big Four alemã, porém não há indícios que alguém conheça a banda fora da Alemanha.

Candidatos para entrar na Big FourEditar

  • Dark Angel.
  • Death Angel.
  • Exhorder.
  • Heathen.
  • Lazarus A.D.
  • Toxik.
  • Machine Head.
  • Municipal Waste.
  • Whiplash.
  • Sacred Reich.
  • Nuclear Assault.
  • Exodus.
  • Testament.
  • Bonded by Blood.
  • Sadus.
  • Morbid Saint.
  • Red Hot Chilli Peppers.
  Conheça também a versão oposta de Big Four of Thrash no Mundo do Contra: