Abrir menu principal

Desciclopédia β

Bokusatsu Tenshi Dokuro-chan

Kawaii!!^^
Nyaaa!!!
Bokusatsu Tenshi Dokuro-chan é algo relacionado a Shoujo

Bokusatsu Tenshi Dokuro-chan passou a série inteira tentando beijar com um loirinho e quando conseguiu ficou chorando por 50 horas.
Não tente vandalizar, ou Haruhi vai te perturbar em seus sonhos.

Bokusatsu Tenshi Dokuro-chan
撲殺天使ドクロちゃん
Bokusatsu2.gif
Que meigo...
Gênero Ecchi, Comédia, Magical Girlfriend, Matança, Sangue, Demônios Anjos
Mangá
Autor Masaki Okayu, Mitsuna Ouse
Divulgação Monthly Comic Dengeki GAO!
Onde sai Nas bancas
Primeira publicação 2005
N° de volumes 3
Anime
Dirigido por Tsutomo Mizushina
Estúdio Media Works
Onde passa Seu PC ; Meu PC
Primeira exibição 2005
N° de episódios 8 ; (Dokuro-Chan 2) 4
Filmes -
OVAs -

Cquote1.png Você quis dizer: Exterminador do futuro com bastante derramamento de sangue? Cquote2.png
Google sobre Bokusatsu Tenshi Dokuro-chan
Cquote1.png Pipiru piru piru pipirupiii Cquote2.png
Dokuro-chan após matar Sakura-kun (denovo).
Cquote1.png Dokuro-chan, eu ja falei que se você colocar objetos estranhos no meu corpo eu vou morrer!!! Cquote2.png
Sakura-kun sobre clavear até a morte.
Cquote1.png Sakura-chan!!! Cquote2.png
Naruto sobre Sakura-kun.
Cquote1.png Sakura-san!!! Cquote2.png
Rock Lee sobre Sakura-kun.
Cquote1.png Ela so Pensa em Piru. Cquote2.png
Pluck Duck de Tiny Toons sobre Dokuro-Chan.
Cquote1.png Prefiro não comentar! Cquote2.png
Copélia sobre mente pervertida de Sakura.
Cquote1.png Eu sou seu pai! Cquote2.png
Binkan sobre Sakura.
Cquote1.png Pipipipi... Cquote2.png
Chaves sobre o plágio do som de seu choro característico.
Cquote1.png PIII!! PIRUPIPI!! Cquote2.png
Byankey sobre o plágio de sua língua nativa.
Cquote1.png PI-PI-PI-PI PI-PI-PI-PI-PI-PI!! Cquote2.png
Relogios paraguaios sobre o plágio de seu som natural.
Cquote1.png MIMI-MIMI-MIMI-MIMI!! Cquote2.png
Fudêncio sobre Dokuro-chan.

Bokusatsu Tenshi Dokuro-chan (que significa Anjo que bate pra carai no cu do chan) é o seu típico anime de comédia sangrenta com sexo, violência, órgãos e excrementos rolando por aí. A cara do Rogério Skylab. Comédia aqui só vê quem for doente mental mesmo. Algum dia alguma empresa brasileira irá bugar dublar o anime.

Índice

EnredoEditar

Primeira temporadaEditar

 
Não se engane pela adorável aparência...

A história desse anime surtado gira em torno de um garoto lolicon e colegial chamado Sakura Haruno pros narutards. Um belo dia ele recebe a visita de uma jovem muito vadia, mas que não serve para o hentai porque é uma assassina psicopata. Curioso é que ela possui um nome mais masculino que o dele, chamada Dokuro Mitsukai. Dokuro-chan possui a incrível habilidade, passada por gerações pelo Bátima, de tirar do cu um taco de Beisebol em formato de clava enorme cheia de espinhos chamada Excaliborg, a qual adora enfiar no Sakura-kun até matá-lo.

 
Dokuro-chan pronta para mais um estupro (e ela nunca é a vítima).

Matar o Sakura-kun é a missão de Dokuro-chan, pois ela foi enviada pela delegacia de um futuro pós-apocalíptico-lolítico demoníaco, causado por uma tecnologia nerd pervertida que Sakura-kun desenvolveu (junto à sociedade arcana de metal e algodão). Esta tecnologia criou um submarino de ostras comandado por um rinoceronte andante, e este faz as mulheres pararem de crescer ao chegarem aos 12 anos de idade, criando assim um mundo só de lolicons maiores de idade, o sonho de todo pedófilo. Aí entra Dokuro-chan e seu vibrador porrete enorme para o impedir a vinda desse mundo lolicon.

 
As diferentes maneiras com as quais Dokuro-Chan demonstra seu amor.

Ela cumpre a missão de matá-lo (diversas vezes), mas sempre o revive por pena ter um coração bondoso, traindo assim a ordem do anjos. Na verdade não, pois ela acha que pode impedir o mundo lolicon sem matá-lo, ou seja, torturando-o impiedosamente. Então uma rival da Dokuro-chan, Sabato-Chan, também viaja até o presente porque pensou: "Ei! Eu também quero massacrá-lo e me divertir!".

Sabato-chan tinha a missão de realmente deixar Sakura morto de uma vez, mas quando Sabato chega no passado, o pervertido Sakura não pensa duas vezes em logo se aliar à Dokuro-chan, com quem sempre acreditou valer mais a pena tentar comer um dia, porém acaba por mudar de ideia, pois viu que Sabato-chan também tinha suas virtudes.

E assim começa a rotina de um pervertido juvenil virgem, uma anjo louca, cínica e assassina e cada vez mais gurias retardadas, sempre arrumando um tempo para assistir um filme noticiário realmente curioso em que aparece Michael Jackson, Kim Jong-il e George Bush.

Uma característica dos anjos é que eles ficam com uma vontade de fazer uns barros quando tiram a coroinha deles, e fazem umas caras bizarras gerando altos níveis de lulz. Agora uma dúvida é, como é que os estudantes conseguem jogar pontas de grafite em Sakura?

Apesar da aparência e da atitude, no penúltimo episódio Dokuro mostra suas verdadeiras intenções: Sexo selvagem! Após Sakura e Dokuro apertarem juntos uma alavanca, um buraco é aberto no chão e eles caem. O problema é que o buraco se fecha logo após eles caírem, então Sakura se segura, com uma das mãos, num pedaço de pedra que "aparentemente" estava ali, e com a outra, segura Dokuro. Quando o buraco se fecha Dokuro descobre rapidinho o que estava acontecendo, então ela fala sem piedade: "Sakura-kun,posso subir aí?", momento em que então ela começa a subir pelo braço de Sakura, mas quando ela se posiciona, a toalha dele "misteriosamente" cai, então ela diz: "Pode fazer o que quiser comigo,Sakura..." antes de começar a se esfregar nele, dando a entender o que eles faziam.

Dokuro Chan 2Editar

 
Tipo de cena bastante frequente na segunda temporada.
 
Dokuro-Chan, a irmã dela, Zakuro chan (à direita), Sabato (loira) e Sakura na Banheira do Gugu durante 2ª temporada do anime. Veja que Sakura está feliz, pois está pegando sabonetes.

Continuação de Dokuro-chan que possui 4 episódios com menos de 15 minutos (afinal não há muito o que se dizer ou se fazer num anime tão sem sentido desses). Esta segunda temporada ganha inovações como o sangue jorrado a cada morte de Sakura, que é triplicado, mas se teve que receber a classificação +18 foi porque tem 10 vezes mais Ecchi do que a primeira temporada inteira. Continua com os mesmos personagens, com a adição penas de Babel, só mais uma puta demônio irritante.

O cabelo de Dokuro-chan era roxo claro na primeira temporada mas virou azul do nada na segunda.

No 1º episódio Sakura aparece nu e mostra ao mundo o poder divino do Hentai nos homens, já no último é estuprado por tentáculos uma anêmona. Nessa temporada mostrada a história oculta de Rurutie, o enredo é consistente e revela as verdadeiras intenções de Dokuro, além de participações da namorada de Zansu e a morte de Sabato.

Correm boatos que não teremos uma trilogia da Dokuro-chan porque falta do que fazer tem limites para qualquer ser humano, e ninguém se interessaria nisso. Mas se for ter mesmo uma terceira temporada, seria sobre Sakura morrer na e virar um anjinho como Dokuro ou ela vai fazer ele sofrer até que ele vire um velhinho com cara de Happosai safado.

O PovoEditar

Aqui mostra o povo (não o jornal, e sim o povo do anime!): (BAKA!)

 
Sakura já tentou fazer boca-a-boca com Dokuro-chan, mas como sempre ela o mata sem porra nenhuma de motivo.
Sakura Kusakabe (Sakyra-kun)
Já teve importantes participações em outros animes (como em Naruto, bom... em Naruto nem tão importante já que Sakura é uma inútil... mas tem Sakura Card Captors! A Sakura do Fate/Zero também é bem inútil). Em Dokuro-chan ele é um simples colegial lolicon fracassado que não domina nenhum estilo de luta. No futuro Sakura inventa por acidente uma tecnologia que impede o envelhecimento das mulheres que chegam aos 12 anos, criando um mundo perfeito repleto de lolicons maiores de idade. O inferno, que depende das boates de strip, xvideos e outras coisas onde meninas de 12 anos não podem frequentar, fica furioso com Sakura e envia um demônio para o passado, para arruinar Sakura quando este ainda é só um fracassado punheteiro. É assim que um dia Dokuro-chan repentinamente aparece em seu quarto nua.
 
"Sakura-kun não me deixaria pegar nessa coisa ereta, rígida e dura mesmo que eu quisesse muito?"
Dokuro Mitsukai (Dokuro-chan)

Dokuro-chan é um anjo assassino do sexo feminino, ligeiramente gostosa e parcialmente lolicon. Ela foi enviada por Rurutie, um comitê de anjos protegendo os domínios de Deus, para assassinar Sakura Kusakabe e assim evitar um futuro apocalíptico-lolicon. Mas ao invés de exterminá-lo, ela prefere tentar "salvá-lo", usando uma psicologia baseada em torturá-lo toda vez que pensar em lolicon, de modo a associar esse gosto com dor, e assim evitar o futuro distópico sem matar seu novo amiguinho. Como ela é boazinha e meiga, ela acha que torturando-o, espancando-o, deixando-o sem comer e fazendo ele se fuder na escola, ele não vai conseguir criar tal mundo apocalíptico distópico, e assim ele não vai precisar morrer. Vê como ela é boazinha? Ela carrega uma clava de ferro simpática chamada Excalibolg, ótima para quebrar, estraçalhar e esguichar sangue, que usa para assassinar brutalmente qualquer um que a irrita, faz algo pervertido com ela, ou então ela assassina apenas pelos lulz (a piada é que a única pessoa que ela assassina é o merda do pobre do Sakura). Esse bastão também pode ressuscitá-lo enquanto se faz uma dancinha estranha e gritando "Pipiru Piru Piru Pipiru Pi". Ela inclusive consegue fazer outras mágicas com esse bastão, como transformar os outros em animais (que apenas põe uma foto do animal mal cortada no Paint em cima do rosto da pessoa), agir como vibrador ou fazê-los desaparecer da humanidade. Quando ela não está brutalmente assassinando Sakura, ela age que nem uma puta PROVOCA ele impiedosamente, levantando a saia, mostrando a calcinha, ficando seminua e outras putarias (ela faz isso só para ter pretexto de assassinar Sakura, ela é uma cínica). Forma do nada um clube de cola vegetal para poder ficar olhando cola branca até ficar transparente, material o qual ela conseguiu torturando o professor, fazendo algo que envolve os "nervos dos dentes". Além de tudo isso, ainda guarda um objeto em formato suspeito cônico que emite um holograma, vibra e toca que nem celular debaixo da calcinha ou biquíni junto com a clava.

 
Sabato sem maquiagem.
Sabato Mihashigo (Sapatona Sabato-Chan)
É outro anjo enviado do futuro só que dessa vez para matar definitivamente Sakura, supostamente feminino (as vezes fica bem claro que é só um travesti muito bem disfarçado, dependendo do grau de ausência de maquiagem, dá até para ver a barba em sua face cujas expressões imploram para serem transformadas em algum meme (fato até então ignorado pelo 4chan e nenhum meme da cara de Sabato foi criado até hoje). Ela usa dois chifres de bode na cabeça por motivo nenhum (ou então para mostrar que ela é corna) ou simplesmente que é do signo de capricórnio. Alguns a chamam de mendiga pelo fato dela morar embaixo de uma ponte, por não ter pensado onde dormir caso não conseguisse matar Sakura no mesmo dia em que foi enviada. Além disso, ela é como um para-raio de azar: se alguma coisa de ruim tiver o mínimo de chance de acontecer com ela, pode ter certeza de que vai acontecer. Ela possui um acendedor de fogão de ferro em formato de lápis chamado Durandal, que possui a capacidade de aplicar um super choque do trovão elétrico para castrar Sakura, que de acordo com ela mesma, pode fritar baleias em segundos (mas baleias não estão sempre molhadas e cercadas d'água?). Por ser loira, Sabato também é muito burra. Ela fala de si mesma em terceira pessoa e usa seu magnífico castrador estando molhada, tomando um choque de mais de 8000 volts. Ela também tem o hábito de terminar a maioria de suas frases com "desu", hábito copiado baseado em Suiseiseki, personagem de anime a qual ela visivelmente é bem fã. Ela vive perdendo a aurela dela toda hora, o que a faz ficar com uma diarreia do caralho. Ela é puta azarenta e burra igual a Isadora do Toma Lá, Dá Cá.
 
Ficou exitado? Seu pedófilo! Ela só tem 9 anos!
Zakuro Mitsukai (Zakuro-chan)
A irmã mais nova de Dokuro-chan (e mais gostosa que ela) embora pareça adulta, tem apenas 9 anos. Luta pra carai, veio para capturar Dokuro-chan e levá-la de volta para o Rurutie (Cidade dos Anjos). Usa um pano como arma, esse pano enrola, e misteriosamente, a Zakuro consegue esticar o pano, pelo visto, o Edward deu umas aulas de transmutações de panos para a Zakuro, provavelmente em troca do seu segredo para crescer de um sexo com ela, se não for, ele só pode ser um idiota gay. Zakuro é bastante tonta liberal, comumente deixando os colegas do Sakura passarem a mão e se esfregarem nela, quanto mais bizarros o homem que estiver por perto mais sensuais ficam as poses de Zakuro, modo pelo qual ela consegue escravizar virgens esquisitos para saciarem as perversões, afinal é a única ali que possui um corpo mais adulto.
 
Shizuki, essa daí é inocente mesmo (ou não).
Shizuki Minakami
A única personagem normal do anime. Tem uma paixão por Sakura, que é seu colega de classe, mas percebe que ele está comprometido com a Dokuro e sua irmã. É fotógrafa de micos azuis, gastando muito tempo procurando-os, ainda sim faz bicos, aparecendo episódio sim, episódo não, estudando e tomando sorvete de morango.
Zansu
Mais um anjo do futuro que vive em Rurutie, ajudava a Dokuro passando informações secretas, em troca dos serviços dela, acaba sendo descoberto então foge para o tempo de Sakura. O que Dokuro e Zakuro têm de belo ele tem de horrível, aparentemente nem pode lutar e é sadomasoquista, Na Verdade se Parecem com o Troll de World of Warcraft.
Babel
Samurai de quimono roxo, estava muito ocupada fazendo alguma coisa alheia a história, por isso só aparece no penúltimo capítulo de Dokuro-chan 2, para levar sua filha Sabato devolta. Ela também usa chifres na cabeça, mostrando que também é corna (o que deve explicar o pai de Sabato não aparecer) e o seu cabelo tem nada à ver com o de sua filha (pois é, Sabato além de viver se fudendo também é adotada...). A arma dela é uma gaiola de animais, nela acaba prendendo metade dos personagens, inclusive si mesma, por engano burrice.
O pai de Dokuro-chan e Zakuro-chan (que não apareceu)
Só se sabe que criou um filho extremamente derrotado e sequelado.