Abrir menu principal

Desciclopédia β

Braid

Virtualgame.jpg Braid é um jogo virtual (game).

Enquanto isso, Sephiroth mata a Aeris.


Bráid
BraidSnesBox.jpg

Box do que seria a versão de Super Nintendo de Braid, chamada de Super Braid. Jamais foi lançada.

Informações
Desenvolvedor Number None
Publicador Number None
Ano 2008
Gênero Puzzle
Plataformas PlayStation 3; Xbox 360
Avaliação 60%
Idade para jogar Livre
Tela inicial, mostra uma cidade em chamas atrás, mas a cidade não é citada, comentada nem visitada durante o jogo.

Cquote1.png Você quis dizer: Super Mario Bros. Cquote2.png
Google sobre Braid
Cquote1.png Experimente também: Prince of Persia Cquote2.png
Sugestão do Google para Braid
Cquote1.png Esse jogo é pra XBox 360??? Tem certeza??? Cquote2.png
Você sobre Braid
Cquote1.png Tim, você poderia me ensinar a voltar no tempo? Facilitaria bastante as coisas pra mim... Cquote2.png
Mario sobre Tim
Cquote1.png Eu queria conseguir voltar no tempo ilimitadamente como ele consegue... Cquote2.png
Prince of Persia sobre Tim
Cquote1.png Não tô conseguindo passar da primeira faseeee :( Cquote2.png
Carla Perez sobre Braid
Cquote1.png Caralho, esse quarto mundo é mesmo difícil... Cquote2.png
Albert Einstein sobre Braid
Cquote1.png Zerei o jogo e peguei todas as peças e as oito estrelas em 1 minuto e 37 segundos, só demorei porque estava lendo os textos. Cquote2.png
Chuck Norris sobre Braid
Cquote1.png Lamento, mas a Princesa está noutro castelo. Cquote2.png
Mafagafo sobre Princesa

Braid é um jogo eletrônico criado em 1994 2008 para Super Nintendo XBox 360 e lançado para PC em 1995 2009. Foi produzido por apenas uma pessoa: Jonathan Blow, o cara.

Índice

GráficosEditar

 
Observe a qualidade gráfica do jogo. Até sua mãe faria melhor.

Antes mesmo de começar o jogo, você já percebe que os gráficos foram desenhados por uma pessoa com paralisia mental, mais conhecida como David Hellman, irmão do criador do jogo, devido à falta de orçamento para contratar qualquer coisa melhor.

EnredoEditar

 
Mafagafo dando a feliz notícia para Tim.

O enredo de Braid é bastante enigmático e misterioso, possuindo duplos e até triplos sentidos a cada frase e movimento. Superficialmente, o enredo do jogo pode ser resumido em um carinha estranho com uma roupa fora de moda chamado Tim que busca resgatar a princesa de um monstro, e é apenas isso o que os leigos que só querem saber de pular em cima dos bixinhos entendem do jogo (logicamente, são estes também não conseguem passar nem do segundo mundo).

Mas com o decorrer do jogo, você percebe que não é apenas isso, que existem várias metáforas e interpretações possíveis para as mesmas. Fazendo as coisas certas, pensando e usando sua inteligência (se é que você tem isso) você descobre que aquilo não é o que parece ser, descobre os múltiplos sentidos camuflados em cada frase, descobre o universo!.

Obs.: Igual a Super Mario Bros., no final de cada mundo sempre aparece o Mafagafo pra dizer que: Lamento, mas a Princesa está noutro castelo. No entanto, diferentemente do game do famoso encanador, em Braid a última coisa que importa é a localização da princesa, como veremos adiante.

Personagem principalEditar

 
Tim, personagem principal, pulando na cabeça do maior desafio do jogo.

O personagem principal, chamado Tim é um indivíduo que não faz quase nada de especial: Não voa, não pula alto, não é super forte, não peida ou arrota, não fala espanhol, não pega cogumelos, não corre rápido e nem implanta embriões nas vítimas. Mas tem o poder de manipular o tempo: Ele praticamente não morre (morre mas desmorre em seguida). Pode voltar para o passado antes de ter morrido e continuar dali, o filho da puta. .atup ad ohlif o ,ilad dali, o filho da puta.

JogabilidadeEditar

O jogo conta com, além das direcionais, incríveis dois botões: Um para pular, e outro para voltar no tempo.

  DOIS BOTÕES????  
Você sobre os incríveis dois botões

Isso mesmo, dois botões, e isso é o suficiente para fazer você quebrar a cabeça durante horas e não conseguir sair do lugar. Além disso, você pode pular e voltar no tempo o quanto quiser, não há nada limitado só a sua inteligência.

Mas não se preocupe, mesmo não morrendo, você não conseguirá sair do lugar nem pegar as peças do quebra-cabeça necessárias para chegar à última fase. No final, para pegar as peças mais difíceis, você terá que ver como se faz em um passo a passo no youtube.

Estrutura e dificuldadeEditar

Braid é dividido em 6 mundos, você começa pelo segundo, vai até o quinto, cada mundo do segundo ao quinto contém várias secções, e cada secções com algumas partes de um quebra-cabeça. Só é possível chegar ao primeiro mundo (última fase) quando se consegue pegar e formar todos os quebra-cabeças, e é por isso que você e esse seu incrível cérebro nunca vão conseguir pisar no primeiro mundo.

Mas não é só isso, após conseguir montar todos os quebra-cabeças e "completar" o jogo, descobre-se que em cada mundo há locais secretos os quais escondem uma estrela. Por incrível que pareça, pegar essas estrelas consegue ser 50 vezes mais difícil que pegar as malditas peças do quebra-cabeça. E exatamente por isso, você e esses seus olhinhos nunca conseguirão enxergar nenhuma dessas estrelas.

 
Mafagafo sequestrador de princesas

A verdadeEditar

  ATENÇÃO! O texto abaixo pode conter (ou não) um ou mais SPOILERS!

Ou seja, além de deixar o artigo com mais pressão aerodinâmica nas retas e mais estável nas curvas de alta, ele pode revelar, por exemplo, que eles encontram o Nemo, ou que Yusuke morre.

 

Tim é o monstro e seu ajudante é um mafagafo. Assim poupamos você de usar seu cérebro pra alguma coisa.