Abrir menu principal

Desciclopédia β

Caretas que fingem ser malucos para entrar na moda

Caretas que fingem ser malucos para entrar na moda são geralmente nerds, virgens ou idiotas como você, que para conseguirem serem aceitos na sociedade, fingem que são pessoas modernas ou excêntricas, geralmente vestindo roupas da moda, falando gírias ou frequentando ambientes nos quais detesta, apenas para se enturmar com todo mundo. Em geral, são criaturas que tem mais de 30 anos que ainda vivem com a mãe e ainda não tiraram carteira de motorista.

Índice

Vida realEditar

 
E aqui, vemos você em seu habitat natural.

Geralmente, eles passam a maior parte de sua vida trabalhando e relaxando estudando, conseguindo assim, um vasto conhecimento de coisas que ninguém se importa e uma carreira bem sucedida. Não fumam, não bebem, não usam drogas, não fazem sexo com ninguém, não têm amigos, tomam leite (ué, ele não bebiam?), andam de bicicleta, usam pijamas com bolinhas, não ouvem músicas, assistem desenhos animados, conhecem vários jogos digitais e possuem muitas revistas em quadrinhos.

Em geral, os caretas não levam jeito com mulheres, são antissociais e foram muito zoados na escola. Sua vida social se resume a entrar num computador e ficar 24 horas na internet lendo enciclopédias, livros ou perdendo seu tempo com joguinhos.

Para se enturmar com caras fodões ou patricinhas metidas, os nerds passam uma vergonha atrás da outra, a começar pelo vestuário com óculos fundo-de-garrafa, gravata borboleta, suspensórios do Bob Esponja e sapatos ridículos. Se for mulher é a mesma coisa, com o cabelo amarrado, sem nenhuma maquiagem e com uma saia gigante de crente.

Então quando se intrometem em uma conversa, falam coisas que ninguém compreende, tipo:

  Cara, você assistiu o jogo ontem? Que jogaço, viu o Neymar fazendo aquela fita.  
Um cara qualquer

  De fato, analisando cientificamente, não percebi, quando o referido futebolista, Neymar Jr., criou fios ou tecidos, seja para o uso doméstico ou para o lar, porém, todavia, entretanto, suponho que o presente colega quis se referir a jogada que o já citado Neymar Jr. realizou quando estava em campo na já encerrada partida. Estou certo ou enganado?  
Nerd

Quando estão na balada então, dificilmente dançam em uma boate, ficam quietinhos, em algum canto e pensando:

  Porque um cara intelectual como eu, ficaria dançando inutilmente nesse ambiente, com esses movimentos cansativos e perigosos, suando desnecessariamente e ainda com essas mulheres que não tem nada a cabeça e mais parecem prostitutas? Acho melhor ir pra casa da mamãe pra ler um livro de física quântica.  

Embora em raríssimas vezes, eles se arriscam a dançar e esse é um momento muito engraçado (porém triste para eles), pois todo mundo na boate para de dançar, a música para de tocar e todos ficam num silêncio absurdo vendo a pobre criatura dançando sem parar e muito feliz com aquilo, até finalmente escorregar no chão por não ter nenhum costume com aquilo e virar motivo de piada para todos.

 
Um desses caretas arrasando na balada.

Na Internet, então, a coisa fica pior. Quando existe qualquer site social onde interagem vários tipos, os Caretas que fingem ser malucos para entrar na moda entram em várias comunidades undergrounds, criam várias postagens com vários textões que ninguém tem paciência de ler. Quando é um site de humor deplorável então, criam artigos através de um texto da Wikipédia com leves alterações cômicas e sem graça nenhuma, até finalmente, ganharem um banimento por espalhar tanto lixo.

Vida falsaEditar

 
Lisa Simpson, outra nerd CDF, também já fingiu ser foda.

Após chorar muito, os caretas procuram algum amigo mais descolado, geralmente drogados ou meretrizes, que ensinam a ele passo a passo de como agir em público. Assim, acabam criando um personagem que não são eles de verdade e se transformam nos Caretas que fingem ser malucos para entrar na moda. Assim, eles mudam seu visual, com roupas da moda como as do Falcão, cantam músicas do Reginaldo Rossi, e o humor do Tiririca. Também devem evitar a todo custo de falar de coisas que vão além da compreensão humana como quanto que é 2 + 2 quando estão com indivíduos que são menos inteligentes e de sua vida pessoal, contando várias mentiras, falando muita bobagem e muito palavrão. Sim, é necessário se fingir de burro para ser aceito na sociedade, esse é o ponto chave. Também concorde com tudo o que a maioria falar para não parecer o diferentão esquisito. Pronto! Você já é uma pessoa facilmente aceitável para a nossa bela sociedade brasileira, e assim, nunca sairá da moda.

Com o tempo, será chamado de fodão, com um grupo de "amigos", como seus baba-ovos de estimação, que estarão sempre falando bem de você para os outros e contando seus feitos fodásticos. Além disso, acabará fazendo grande sucesso com as mulheres, geralmente com putas igual a sua mãe. Ou ainda, ser a garota mais popular, fazendo inveja nas recalcadas, pegando um punhado de caras e cantando as músicas da Cláudia Leite.

CuidadosEditar

Enfim, é legal fingir ser o que você não é. Só tome cuidado para não ter um irmão igual o Bart Simpson, pois ele com certeza irá falar para todo mundo o quão careta você é. Também nunca apresente seus amigos para sua mãe, pois mesmo que ela não faça por mal, irá te entregar bonito. E tome cuidado com os áudios do seu Whatsapp, pois lembre-se do que aconteceu com o Márcio Seixas.

Ver tambémEditar