Abrir menu principal

Desciclopédia β

Carnival of Souls: The Final Sessions

Medinho do escuro.jpg Este artigo se trata de um álbum

E já teve milhares de cópias vendidas! (ou não).

Conheça o resto da playlist clicando aqui.

Carnaval da Bahia: Se joga pra cima, meu rei!!
Carnival of Souls KISS.jpg
Nota-se a insegurança no rosto desses caras: Será que eu gravo ou não gravo uma merda dessas?
Lançado em 1997
Gênero Metal de Doom
Gravadora Mercury


Cquote1.png Eu não fiz parte disso, eu juro Cquote2.png
Paul Stanley sobre Carnival of Souls: The Final Sessions
Cquote1.png Sei nem do que você tá falando! Cquote2.png
Gene Simmons sobre Carnival of Souls: The Final Sessions

Carnaval das Almas: A Fronteira Final é um dos maiores erros da história do Kiss. Na época da sua gravação, em 1994 os músicos já estavam começando a ficar sem dinheiro por conta do esbanjamento de grana com prostitutas e drogas (fato que eles negam), então resolveram juntar os instrumentos e criar um novo álbum, mas as articulações e artrites falaram mais alto, tanto é que esse disco só foi lançado três anos depois e por causa da pirataria, de tão ruim que é essa merda.

GravaçãoEditar

Como já foi dito acima, o Kiss tava sem grana, o que levou nossos músicos a criarem novas músicas para um álbum. Procurando agradar aos fãs mais recentes, um erro fatal foi cometido: a banda aderiu à modinha grudenta do grunge e todo o seu melodrama e choradeira. Os fãs não perdoaram, xingaram a mãe dos integrantes até a língua ficar podre, alguns até envenenaram o cachorro do Gene e jogaram pedras no telhado dele. Só assim pros caras assumiram que nem iriam lançar essa bela bosta e só lançaram pra evitar a fadiga da pirataria.

Carnival of Souls: The Final Sessions foi um álbum que não teve turnê. Afinal, o quilo do tomate também estava caro na época, assim como o preço dos curativos e das indenizações por suicídio.

MúsicasEditar

  1. Atchim! - Desabafo de Bruce Kulick, que odiava ficar gripado...
  2. Ritmo da Chuva - Cover do Demétrius.
  3. Mastruz com Leite - Puro forró baiano!
  4. Fim da Infância - Música dedicada ao Atari 2600.
  5. I Will Be Derp - Ué, essa não é do Jackson 5?
  6. Welcome to the Jango
  7. Na Cabeça do Meu Pau - Sem comentários...
  8. Isso Nunca Vai Embora - Mais um desabafo de Bruce Kulick, dessa vez a respeito de sua sogra.
  9. Sedução dos fãs Inocentes - Cuidado, groupies!
  10. Eu Confesso - Ih, lá vem merda...
  11. No Espelho - Música que quebrou muitos espelhos.
  12. Caminhei sozinho pela rua, falei com as estrelas e com a lua... - Tributo a uma das nem um pouco grandes duplas do sertanejo.

Ficha sem TécnicaEditar