Abrir menu principal

Desciclopédia β

Clarendon

Clarendon é um das paróquias da Jamaica, parece tão sem importância por nunca ouvirmos falarem dela e sobre o que tem lá, mas você não imagina a quantidade de histórias interessantes que podem ser ditas de um lugar pitoresco como este, todavia, não é viável para um mundo moderno como o nosso descrever tanto sobre esse lugar, uma vez que a vida contemporânea é focada na agilidade e na coesão dos assuntos e informações, de modo que este artigo será descaradamente resumido e encurtado. Ou talvez não haja muita coisa (de interessante) sobre esse lugar mesmo.

HistóriaEditar

 
Uma pintura de 1822 demonstrando como nada progrediu em Clarendon.

Clarendon foi criado e formado oficialmente em algum ano que os jamaicanos a essa altura já se esqueceram, devido á amnésia maconheira, mas convenhamos, é uma situação mais irrelevante do que aprender fazer dreadlook, então estão perdoados por esta ausência de informação.

O nome é uma homenagem à Edward Hyde, agora o que Clarendon tem a ver com ele ninguém sabe direito. Sabe-se que o cara foi o fundador (ou não) da única cidade da paróquia, e ex-capital de Clarendon, a cidade de Chapeleta, que na década de 80 foi transferida para My Penis devido ao temor de uma erupção vulcânica que pudesse varrer a cidade do mapa. Mais tarde, porém, descobriu-se que tudo não passou de um alarme falso, e só havia mesmo uma reunião de uma dúzia de rastafarianos fumando atrás do muro, e a fumaça produzida por eles confundiu os especialistas em vulcanologia, mas a essa altura a capital já havia sido transferida e ficou por lá mesmo.

GeografiaEditar

Considerado a terceira maior paróquia jamaicana em área, fato que em momento algum significa algo de relevante, é lá que está o famosíssimo Rio Minho River, de onde é extraído a mítica Água da Jamaica e exportada para o México seu principal comprador.

Ao sul da paróquia é onde está o Portland Lighthouse, o ponto mais setentrional da Jamaica onde há uma praia cheia de conchas usadas para fabricas castanholas.