Abrir menu principal

Desciclopédia β

Cquote1.png Veya: non eczistem homanns in der Frankreich. E ainda colocann uma cidaden frazendo referentza à camisinha ja? Querem guerrrrra, querem homann de verrrdade, como a xente! Ataquen, amicos alemans! ATAAQUEEEN! Cquote2.png
Adolf Hitler, ao saber da existência de tal cidade
Babel fish.gifTraduzindo: Camisinha
Babel Fish sobre Condom

O Obelisco de Condom possui atualmente 2 quilômetros de altura, e pode ser visto do Google Maps, ou do terreno baldio na frente da sua casa como um pontinho pink fashion no céu.

Condom é uma bela, quente e ergonômica cidade localizada no sudoeste da França.

Criada em 1757,6 pela Jontex Júnior, com o único intuito de construir uma fábrica de preservativos do tipo exportação (não existem homens na França) para a Europa Ocidental. Assim sendo, criaram lá a fábrica, uma prefeitura, uma mercearia e umas casinhas. Para que os fornecedores não tivessem a possibilidade de esquecer onde a fábrica ficava, chamaram aquele lugar de Condom, também como forma de homenagear a fábrica.

Índice

Século XIXEditar

Ao longo do século XIX, a fábrica viu que sua Jontex Júnior fazia um enorme sucesso entre os europeus, e decidiu aumentar sua produção. Para tal, precisava de mais força de trabalho, o que significava que mais gente ia morar em Condom. Então, a cidade crescia ao redor da fábrica, e mais comércios foram criados, fazendo com que ela se transformasse em uam cidade importante na região, transformando-a em ponto de passagem para os peregrinos da Rota dos Tarados, a qual começa na República Checa, passa pela Bavária (para beber um pouco e esquecer da cara da infeliz), depois pela França, com suas mulheres de Bordeaux, Nimes e Paris, passando pela fábrica da Jontex Júnior em Condom, e chegando nas espanholas, terminando em algum cabaré de Sevilha.

Século XXEditar

Ao chegar no século XX, a fábrica passou por uma enorme reestruturação, ficando fechada por seis meses. Tal período parada acabou não afetando a cidade, cujos trabalhadores foram roubar o emprego dos imigrantes do País Basco que estavam instalados na região. Os mesmos acabaram formando o ETA posteriormente.

Segunda Guerra MundialEditar

 
Soldado alemão, após uma barreira de Condom haver sido rompida. 1940.

Adolfinho, vendo que poderia ganhar muito dinheiro com a fábrica - e, mais importante ainda, a Alemanha só tinha homens e mulheres barbudas, e a França, apenas gostosas - resolveu atacar o país. Com sua tática de ejaculação precoce blitzkrieg, acabou chegando às portas de Condom.

Primeiramente, Condom nunca iria ser invadida pelos alemães, mas como algum moleque furou o bloqueio de látex com uma agulha, todos eles puderam passar. Sitiaram a cidade e lá ficaram hospedados até 1944, quando Eisenhower e Churchill resolveram ir lá recuperar a fábrica, visto que o estoque de Jontex Júnior estava acabando.

Pós-GuerraEditar

A produção da fábrica voltou ao normal com sua reconstrução, em 1947. Nestes dois anos, a taxa de nascimentos na Europa aumentou em 120%. Novamente, em 1969, rebeldes feministas acabaram misturando aveia no látex das Jontex Júnior, causando no baby boom da era dos hippies.

Porém, medidas de segurança foram tomadas e nunca mais houve um incidente lá tirando um no qual um trabalhador caiu na cortadora de preservativos 5cm semana passada.