Abrir menu principal

Desciclopédia β

Corey Taylor

Corey Taylor é um MASCARADO

Ele pode ser um lutador de luta livre, um super-herói, ou até mesmo um youtuber!

ContenteTobi.gif


Emblem-sound.svg.png Corey Taylor
Coreylokonolsd.jpg
Nome Corey Toddinho Taylor
Origem Bandeira dos Estados Unidos Estados Unidos
Sexo link={{{3}}} Gay
Instrumentos
Nuvola apps kcmmidi.png
Vocal, Banjo
Gênero Samba, Axé, Jazz, Rap
Influências Freddy Mercury, Michael Jackson, Hebe Camargo, Luan Santana
Nível de Habilidade Médio-cre
Aparência Careca alemão
Plásticas Nenhuma ainda eu acho
Vícios
Nuvola apps atlantik.png
Gritos, Filmes de Terror
Cafetão/Produtor
Crystal Clear action bookmark.svg.png
Ele
Desentrevistasminibox.PNG O Desentrevistas
possui uma entrevista com
Corey Taylor
DramaticQuestionMark.png
Você sabia que...
  • ...Corey foi expulso da igreja e de muitos velórios por se recusar a tirar sua máscara?!
DramaticQuestionMark.png
Você sabia que...
Corey Taylor, e sua opinião sobre VOCÊ!!

Cquote1.png Você quis dizer: Corey Gaylor Cquote2.png
Google sobre Corey Taylor
Cquote1.png É #8 ou é #80!! Cquote2.png
Velho deitado sobre Corey Taylor
Cquote1.png Put yout fucking hands on the fuckin' aaaaaaaaair!! Cquote2.png
Corey Taylor sobre qualquer coisa
Cquote1.png You mouth's writing checks that your ass can't cash Cquote2.png
Fred Durst sobre Corey Taylor
Cquote1.png Por que a máscara dele é legal e a minha não?! Cquote2.png
Zorro sobre Corey Taylor
Cquote1.png Devolva meu disfarce, seu filho da puta!! Cquote2.png
Jason sobre Corey Taylor
Cquote1.png Tira!! Tira!! Tira!! Cquote2.png
sobre máscara do Slipknot
Cquote1.png Põõe!! Põõe!! Cquote2.png
sobre descobrir que ele é escroto "na vida real"
Cquote1.png Eu tenho medo!! Cquote2.png
Regina Duarte Maggot sobre Corey Taylor
Cquote1.png Sou mais meus trapézios Cquote2.png
Rodrigo Ferraz sobre o pescoço bombado de Corey

Corey Taylor, vulgo #8, é o vocalista do Slipknot e principal precursor do Maggotismo pelo mundo. Conhecido por possuir uma cabeça gigantesca e um pescoço de boi, mesmo tendo um corpo de Dakota Fanning. Ele é também vocalista do Stone Sour, mas é uma banda que eu não conheço, você não conhece, e assim Corey não deve nada pra nós dois!!

Índice

Infância e Adolescência

 
Sagat?! É você?!

Essa de usar máscaras quando adulto é uma forma de vencer seu trauma de infância, quando tinha medo de palhaço e não ia nas festas de aniversário de seus amiguinhos de escola. Seu medo acabou quando um idiota deixou a máscara cair, e descobriu que era só seu tio engraçadão fazendo mais uma de suas coisas de bêbado!!

Corey sempre foi bastante conhecido em Iowa, exatamente como é no Slipknot: mais como um personagem do que como uma pessoa. Na roda de amigos era aquele que bebia pra cacete e imitava a Madonna em cima da mesa no fim da madrugada. Foi num desses momentos broxantes que James Root o conheceu, e o convidou pra participar de um típico programa de calouros na tv americana. Imitar John Lennon e Yoko não deu certo, mas daí nascia a amizade e a criação do Stone Sour.

Nem só de gritos histéricos e uma guitarra se faz uma banda. Mas depois de passar mais de oito mil integrantes de banda de garagem pela banda, Corey precisou se garantir nos gritos pra não deixar a banda morrer. Além disso, uns bicos pra não morrer de fome!!

Trabalhos paralelos

 
Eis a razão pro Slipknot usar máscaras: esse cara parece a Barbie!!
 
Corey Taylor e uma fã, ao fim do Rock in Rio

Não, ainda não estamos falando de sua carreira como vocalista. Pra levantar uma grana, Corey Taylor aproveitou de sua voz e seus grunhidos em vários serviços:

  • Efeitos sonoros de filme pornô: Nem todo ator sabe gemer, assim Corey ficava embaixo da cama fazendo a sonoplastia!! Aliás, foi daí que pegou a mania de colocar "fuck" em todas as suas frases durante os shows do Slipknot.
  • Feira:   Olha o precinho da laranjaaaaaaaa!! Oito por dooooooois!!  
  • Noite do Terror no Playcenter: Era a união de máscara e gritos, nisso ele manda bem, ninguém pode negar...
  • Disney: Só fazer uma chapinha caprichada pro papel da Cinderela, ou jogar tudo pra cima pro papel da Fera!!

Enfim, chegava ao fim essa vida de pobre. Foi durante um show na Disneylândia que Joey Jordison, Shawn Craham e Mick Thomson tiveram uma conversa em particular com ele...

  Ou você tira essa fantasia de merda e vem comigo, ou vou te levar pro programa da Sônia Abrão!!  
Joey Jordison
  ...Ronaldo! Ou você prefere a piscina maluca do Domingo Legal, hein?!  
Mick Thomson
  Ahh, cala essa boca e põe essa máscara de R$1,99!!  
Shawn Craham
Foi neste episódio tranquilo que Corey Taylor entrou para o Slipknot, e ganhou um pouco de respeito.

Slipknot

 
Eis o presente que você nunca vai receber da tua mãe!! Nem do Papai Noel, que é outro cagão também...

Corey não teve problemas pra se ambientar na banda, eram todos tão feios quanto ou mais feios que ele, que agradeciam a existência das máscaras pra soltar a franga no palco!! O que lhe incomodava (e ainda incomoda) é se sentir inferior, como um empregado ou um escravo do resto da banda.

A escolha do número #8 foi bastante simples. É o número de integrantes que teve que recusar em sua primeira banda, elevado a 100. É também o número de testes psicológicos que fez antes de entrar pro Slipknot, pra provar que não se corromperia e trairia o movimento anos mais tarde. Testes aliás que não fizeram merda de efeito nenhum, quando depois de algum tempo ele voltou pra sua bandinha de garagem, que merece nosso respeito e condolências.

Ver também