Abrir menu principal

Desciclopédia β

Coximé

Imagesghh.jpg Este artigo é GELAAAAAADO!

Mamutes vigiam o artigo, então vá pra casa, coloque um casaco e beba um chocolate-quente. Cuidado com o Yeti e não lute contra Kula Diamond!


Coximé
Templo Iama do Coximé
Coximé
Bandeira do Coximé
Ave Coxiména
Bandeira Brasão
Lema: Faça tudo - Sem sotaque!
Hino nacional: Hino Federal Coximéno

Localização de Coximé

Capital Estado do Coximé
Cidade mais populosa Morelos
Língua Inglês
Religião oficial Budismo
Governo Comunismo
 - Presidente Meu Sadruga
Heróis Nacionais Cranfisco Fernando de Córda
Área  
 - Total km² 3.255 km² 
 - Água (%) 0.6
Analfabetismo 86.9 
População 15.000 pessoas 
PIB per Capita Quase 0 
IDH 00000000000000,1 (um dos últimos) 
Moeda de pedra.
Fuso horário Linha Norte-Emaricana
Clima Polar


Cquote1.png Você quis dizer: México Cquote2.png
Google sobre Coximé
Cquote1.png Não aguento mais viver nesse país! Cquote2.png
Coximéno reclamando do país
Cquote1.png Eu prometo que darei água para toda a população do país! Cquote2.png
Presidente do Coximé falando sobre a água
Cquote1.png Pelo menos aqui não tem nenhum caso... Cquote2.png
Moradores do Coximé falando sobre a gripe suína.

O Coximé é um país muito pobre, e tem vergonha de fazer fronteira com o Estados Desunidos da Emarica.

Os Casins, uma espécie humana muito feia antiga.

Índice

HistóriaEditar

O Templo Iama do Coximé (nome completo) já foi habitado por muitas espécies de humanos, como os Casin, os Iasma e outros... Quando o Coximé era habitado por esses povos, o PIB era muito maior, mas depois que ele foi colonizado por uropeus-iglêises, o PIB caiu praticamente 99,99%, fazendo o turismo cair muito, por isso os Coximénos são povos revoltados com a Uropa, já tentaram bombardear a Uropa praticamente 32 vezes,

A história dos CasinsEditar

Os Casins foram os primeiros povos à colonizarem o Coximé, quando eles eram a raça "dominadora" do mundo Coximé, o turismo era perfeito, o PIB era ótimo, e todos os habitantes do Mundo do Contra queriam morar lá, só que quando os colonizadores Uropeus chegaram, queriam matar todos os Casins, só que como os Casins tinham armas super-ultras-hiper-tecno-lógicas (exemplo: lança com tijolo na ponta, arma que atira arma,etc.) eles conseguiram permanecer vivos até hoje, por isso, se você for ao Coximé, cuidado para não entrar nas florestas, pois os Casins vivem lá!

  Nóis querê vida! Sai daqui pessoas branca!  
Casins gritando com os Uropeus.

 
Uma mulher Iasma antes dos Uropeus...

A história dos IasmaEditar

Os Iasmas era um povo feito só por mulheres hermafroditas e feias, mas elas eram muito feias mesmo hospitaleiras, por isso o turismo era muito baixo perfeito, mas com a chegada dos Uropeus, elas descobriram o batom, o pente, a escova de dentes, por isso ficaram mais barangas bonitas e metidas, fazendo o turismo cair 50%, os outros 50% continuou porque os Nerds visitavam o Coximé só para mexer na internet tirar fotos com as Iasmas.

 
Uma mulher Iasma depois dos Uropeus...

Atualmente, existem muitas pessoas descendentes de italianos Iasmas, como por exemplo:

  *Xaxu
  *Ritney Sbears
  *Mãe Donna
  *Homem Melão Cia
  *Biselle Gündch
  *Leiana

Você pode perceber se alguém é descendente de Iasma olhando a cor do cabelo, o tipo de olho, perguntando para ela vendo se ela é metida...

  Na nossa terra, só podem entrar pessoas bonitas, por isso, saia daqui!  
Uma Iasma falando com você sobre o Coximé.

 
Coximé antes da colonização.

A ColonizaçãoEditar

Atualmente, o Coximé é o país com mais colônias em todo o Mundo do Contra, mas na época que os Uropeus chegaram, o gelo e o frio dominavam (e ainda dominam). Como os Uropeus viviam num país tropical, eles estavam desacostumados com o frio, por isso não conseguiram matar todos os Casins e as Iasmas. Os Uropeus colonizaram o Coximé com o objetivo de roubar gelo para vender em mercearias, só que eles não imaginavam que a colonização iria dar tão errado certo. Dezoito anos depois, Cranfisco Fernando de Córda quis lutar pela independência do Coximé, e conseguiu (também, o Coximé só estava dando prejuízos para os Uropeus), e graças à Cranfisco Fernando de Córda que hoje, o Coximé é uma bosta.

  Independência ou depêndencia!  
Frase criativa falada por Cranfisco Fernando de Córda.

 
Pelife Panelón, presidente de Coximé.

Influência do PaísEditar

O Coximé é uma das maiores vergonhas mundiais do Mundo do Contra, a maior vergonha, é os Estados Desunidos da Emarica. O Coximé, além de ter muitas colônias, é um país esquecido, ele sofre muita influência do Argenati, um dos maiores países do Mundo do Contra, a parte ecônomica do Coximé está negativa! Nenhum presidente de qualquer país quer falar com o presidente de Coximé (Pelife Panelón), pois dizem que Pelife Panelón é um presidente muito hostil, qualquer desaforo, ele já inicia uma guerra. O país está falido, os habitantes que ainda vivem lá, tem vários motivos para não ter saído de Coximé, um deles é que são idiotas que não tem inteligência dinheiro para sair de Coximé, por isso que muitos Coximénos tentam ir para o Argenati passando ilegalmente pela fronteira, muito deles são foda presos, mas muito deles, também muito foda conseguem passar.

  Eu vou dar comida, água e transporte, só que para isso, vocês precisam me dar dinheiro!  
Pelife Panelón falando com moradores do Coximé.

Histórico de PresidentesEditar

Ordem: Primeiro presidente ao presidente atual

  • Vecha
  • Quinhachi
  • Koki
  • Flona Doninda
  • Meu Sadruga
  • Benhor Sarriga
  • Arriba Cima
  • Fetty Abeia
  • Bereldes (BRD)
  • Pelife Panelón

Galeria de fotos tiradas no CoximéEditar

  Conheça também a versão oposta de Coximé no Mundo do Contra: