Abrir menu principal

Desciclopédia β

Crashdïet

Passarinho.jpg Este artigo é sobre um(a) artista, grupo musical ou uma banda.

Certamente, seus fãs idiotas alienados o odiarão!

Martin Sweet, filho de Cruella, mostrando a língua para um fã retardado

Cquote1.png Você quis dizer: Queijo Diet? Cquote2.png
Google sobre Crashdiet
Cquote1.png Você quis dizer: Pintinho? Cquote2.png
Google sobre Crashdiet
Cquote1.png NhaAiiX kE fOfuXinhOOox Cquote2.png
Emo sobre Crashdiet
Cquote1.png Oun, meus filhinhos cresceram Cquote2.png
Dercy sobre Crashdiet
Cquote1.png Nhai, só você não abandona a mamãe*-* Cquote2.png
Dercy sobre Dave Lepard
Cquote1.png Essa cena do caralho, fodeu com a porra do meu filho, filhos de uma bucetuda filha da puta da porra Cquote2.png
Dercy, antes de morrer sobre Crashdiet

Cquote1.png You can't get a better vibe than a Rollercoaster ride Cquote2.png
H. Olliver Twisted, tentando convencer a criançada de ouvir Crashdiet sobre Crashdiet

Cara estranho

Cquote1.png You're a sex bomb love machine Cquote2.png
Peter London sobre Dave Lepard
Cquote1.png Na União Soviética, a dieta quebra Você!!! Cquote2.png
Reversal Russa sobre Crashdiet
Cquote1.png Em Togo, a dieta vocêiza a quebra Cquote2.png
Inversão Togolesa sobre Crashdiet
Cquote1.png Vocês trairam o movimento glam, véio! Cquote2.png
Dado Dolabella sobre Crashdiet
Cquote1.png Uhuuuuuuuulll Breakin' the Chaaaaiinzz Yeeeaaaah Cquote2.png
Guria retardada sobre Crashdiet

Cquote1.png Olha Gary, eu quero aquela casa ali óo Cquote2.png
Bob Esponja sobre Crashdiet

A primeira imagem da coreografia ensinada por Xuxa aos seus companheiros de música

Cquote1.png Pika pika, pikapii Cquote2.png
Pikachu sobre Crashdiet
Cquote1.png Eles cheiram gatinhos Cquote2.png
Capitão Óbvio sobre Crashdiet
Cquote1.png Porque não gostam de gatinhas Cquote2.png
Muleque folgado sobre Citação acima
Cquote1.png Uh, I love the taste of Cyanide Cquote2.png
Dave Lepard sobre Cyanide, o gatinho de sua avó, que ele cheirou sem dó
Cquote1.png Que rimia idiótcha Cquote2.png
Seu Creisson sobre legenda da citação acima
Cquote1.png Você vai curtir as mais altas diversões, e as músicas mais iradas com essa galerinha que é do barulho Cquote2.png
Narrador da Sessão da Tarde sobre Crashdiet
Cquote1.png Oun, meu sobrinho não é uma Graxinha? Cquote2.png
Hebe Camargo sobre Dave Lepard


Índice

HistóriaEditar

Era uma vez um menino alegre, sadio e feliz, chamado Peter, que após sofrer tanta pressão de seus irmãozinhos em Narnia, resolveu se revoltar e assumir o que sempre quis ser, gay baixista de uma banda de Rock. Um belo dia, Peter recebeu um convite irrecusável de participar do programa da Xuxa, e lá, descobriu que ela estava querendo montar uma banda de Rock também. Xuxa disse a Peter que gostava de cantar e tocar punheta Guitarra, e fez confissões que todo mundo Peter já sabia: Ela era usuária de Dorgas desde sua infância, e teve um passado triste em meio a Farinha, Ervas e Gatinhos. Peter, para não deixá-la sem graça, confessou ter um baixo cor de rosa.

Xuxa sempre foi fã de KISS (principalmente criancinhas), e então montaram uma banda de Hard/Glam/Sleaze/Gay/Pink/Hair/Fuck/Girls/Sexo/Drugs/Punk/Metal Rock chamada Crashdïet. Foi quando Xuxa adotou seu segundo nome artístico, Dei Ve Lepard. Peter e Dei, então, resolveram lançar uma nova moda, na qual idiotas rockeirinhos iriam se vestir em couro de lagartixa, e ter seus cabelos iguais a animaizinhos fOfuXenhuX como Pintinhos e Poodles.

 
Peter relaxando numa tarde de domingo em Narnia

Após lançar a moda, os novos pintinhos (Peter e Dei) encontraram miguxinhos para completar a banda, e após muito esforço, descobriu que os novos membros não serviam pra porra nenhuma nada. Resolveram então mandar todos embora, e chamar um guitarrista chamado Martin Sweet. Ouviu-se dizer que ele possui mais de 40 músicas prontas, mas não se pôde confiar num cara de personalidade imbecil sem cultura que não aderiu a moda Pintinho e nem Poodle.

Tempos depois, contrataram um cara estranho baterista para percussionar a banda em ritmo de festa: Eric Young. Em 2005, após várias porcarias demos lançadas, resolveram lançar seu primeiro álbum, intitulado Rest in Sleaze (Deite no Pintinho). No auge de toda a putaria todo o sucesso, Xuxa resolveu abandonar a carreira, e voltar a fazer seu programa, pois sentia muita saudade de fazer programa com criancinhas inocentes. Então, resolveram rolar o boato de que Dei havia morrido.

 
Xuxa após conhecer o menino Peter

Tempos depois, apareceram com um novo vocalista, H. Olliver Twisted. Embora ninguém nunca soube o mistério por trás do H., o novo Pintinho foi carinhosamente apelidado de Olli por seux miguxinhux e cOmpanheilOx de banda. Olli sempre teve um temperamento agressivo sobre o palco, o que dava-lhe um estilo mediano e agressivo (uma espécie de alter-ego para ninguém perceber sua verdadeira opção sexual). Porém, após o lançamento do segundo álbum, The Unattractive Revolution ("A revolução das bichas", que também foi baseado em um filminho aí), Olli resolveu deixar os pintinhos, e assumir de vez sua paixão e saudades dos companheiros de foda banda do Reckless Love (Amor Enrustido), sua banda na terra das fadas e duendes Finlândia.

Após muitas idas e vindas, começaram a pensar em como a Xuxa fazia falta na banda, e resolveram fazer ciúmes para a mesma, chamando para a banda um outro ícone que marcou a infância dos pintinhos: Simony, do Balão Mágico. Simony prontamente aceitou a proposta, e iniciou seu processo de transformação. Fez, então, um penteado serelepe, e em sinal de sua nova masculinidade, tatuou uma estrela na cabeça (na verdade, a estrela foi feita para disfarçar a enorme entrada em sua cabeça). Como se sabe, Simony nunca foi a menina docinha que se mostrava em Balão Mágico. Na verdade, ela curtia um bom Révi Métow, e nunca foi muito fã do Barbudinho. Isso fez com que ela desse um peso maior ao Crashdïet. Junto a Simony, gravaram seu terceiro álbum, Generation Wild (Geração gay Coca-Cola), que ainda não teve seu lançamento no Brasil. Aliás, nenhum álbum teve lançamento no Brasil, mas como se diz, Shawn Fenning revolucionou o mundo da pobreza.

E desta forma, formou-se o Crashdïet.


MembrosEditar

Simony - Vocalista e Fumante Martin Sweet - Guitarrista Pedro Londres - Baixista, Rei de Narnia e modelo de Bikinis Eric Young - Batera!

Ex-Membros:

Dave "Xuxa" Lepard (R.I.P) - Vocalista, Guitarrista, Pedófilo e Apresentador de TV Olliver Twisted - Vocalista de Fio dental

Curiosidades sobre a bandaEditar

  • Eric quis aderir à moda Pintinho, mas por ter cabelo ruim enrolado, desistiu no meio do caminho. Para não ficar feio, pensou em um corte legal para sua barba enquanto via um filme pornô na Rita Cadillac, o que fez com que sua barba se assemelhasse à das partes íntimas da atriz.
  • Peter possui uma outra banda, na qual é vocalista, toca guitarra, baixo e bateria. Ele diz tocar todos os instrumentos sozinho ao mesmo tempo, mas todos sabemos que, na verdade, ele trouxe seus amiguinhos de Narnia para auxiliá-lo. A banda se chama Teu Rego.
  • Peter, antes de ser convocado para ser Rei de Narnia, posava de Bikini para revistas.
  • Simony canta na banda com o nome de Simon Cruz, por ter sido fã de cemitérios em toda a sua vida, inclusive quando compunha músicas para o Balão Mágico.
  • Após o boato da morte de Dei, Xuxa, como um golpe, montou uma instituição chamada Dei Ve Lepard Fornication, que contrata bandinhas de pintinhos de todo o mundo para promover orgias secretas, na promessa de levar a banda ao Topo.
  • O nome verdadeiro de Xuxa, ao contrário do que muitos pensam, não é Maria Desgraça Meneguel. Na verdade é David Roberto Hellmans. Xuxa usava seu segundo nome quando atuava com Meninas em seus filmes. O sobrenome ficou bastante conhecido por se tratar de uma marca de maionese, fundada pela própria atriz, motivo pelo qual adotou o nome de Maria Desgraça Meneguel, desta forma podendo ser conhecida por outro nome ridículo sofisticado.

Temática das músicasEditar

Deite no Pintinho:

  1. Inhoque Down (Conta a história de um Inhoque que nasceu com síndrome de down e não gostava de trabalhar)
  2. Riot in Everyone ("Arrotar em Todos" Conta a história de como os pintinhos revolucionaram o mundo com sua técnica de arrotar na cara de seus inimiguxinhox)
  3. A Rainha Obscena de 69 Xoxotas (História de como Peter e Xuxa conheceram Martin e o chamaram para tocar guitarra)
     
    Martin maravilhado com o convite para a banda
  4. Breakin' The Chainz (A única parte compreensível da música é que eles quebram correntes o tempo todo. O resto é desconhecido, e escrito em Pintinhês, segundo estudiosos)
  5. Needle in your.. Ai!! (História de como Xuxa chegou em casa com os olhos vermelhos, após acordar de uma overdose de Gatinhos, e tentou explicar pra mãe dele... Ela acreditou, e ele resolveu fazer uma música)
  6. Tíquete (Conta um fato emocionante da infância da Xuxa, em que ela finalmente conseguiu altura para ir a um carrossel e ganhou um ingresso para um parque mágico. Esse dia mudou a vida dela, pois foi quando ela decidiu montar um mundo só para baixinhos)
  7. Out of Line (Segue a mesma temática da quinta música, porém, desta vez, Xuxa resolve assumir pra sua mãe que cheira Gatinhos, e que cheirou o gatinho de estimação de sua avó, o pequeno Cyanide)
  8. Pizza Miracle (Nesta música, Martin revela que milagres existem. Mesmo ele colocando a mão em uns espinhos, conseguiu provar que pintinhos sabem tocar, e que Xuxa pode Morrer)
  9. Strange Outta Réu (A história de como o menino estranho Eric veio de sua terra natal para tocar com os Bródi)
  10. Becki on Trakk (Éeee, nessa eles vão pra uma estrada vazia cheirar Gatinhos e uns Bécki)


A Revolução das Bichas:

  1. In The Raw (Olli revela seu desejo de ser chicoteado pelos seus miguxinhos da Amor Enrustido. Poucos sabem, mas o fantasminha do Leopardo que aparece no início do clipe, é para expressar que Olli tinha um desejo profundo por Dei, motivo pelo qual entrou na banda)
  2. Like a Sin (Olli conta, nessa música, que nunca soube dizer Não para as coisas de sua vida. Por ser o único, de todos que já passaram pela banda, a gostar um pouquinho de mulher, conta a história de uma das poderosas mulheres que pegou)
  3. Falling Rain (História da vida levada por Olli antes de entrar na banda)
  4. Eu não Quero (Juntamente com Mick Jupiter, guitarrista da banda de travestis Hard Rock Mötley Crüe, auxilia novos pintinhos a matarem suas namoradas, e pouco ligar pra elas, para assim ter mais liberdade com seus amantes)
  5. Dei Another Day (Conta sobre as atividades extra-curriculares dos integrantes da banda)
  6. Alone (Música baseada em uma página encontrada no diário da Xuxa, em que ela conta seus dias de depressão ao ficar sem seus baixinhos enquanto cantava e tocava na banda. Como foi Mick Jupiter que descobriu a página, foi convidado a tocar com a banda)
  7. Frio Me (Incentivando a criançada a se livrar do frio, pegando uma estrada de moto, cheirando gatinhos, fugindo da polícia, e andando de montanha russa)
  8. FDP Overdrive (A lá Bob Marley, essa música é como sua antecessora, porém, incentiva a todos apenas ao consumo de Cigatinhos)
  9. Bond, James Bond, Slave (Toda banda tem uma música que fala de um Herói. Pois é, Martin escolheu seu ídolo de infância, que marcou suas noites batendo punheta jogando nintendo 64 com os amigos)
  10. The Buried Song ("A sunga Borrada", conta um fato marcante da vida de Peter, quando ele foi a uma festa com seu amigo Fauno e acordou com a bunda doendo. Ao ir ao banheiro ver o que havia acontecido, ficou impressionado, e escreveu essa triste canção)

Pessoas que aderiram à moda PintinhoEditar

Chicken Little
Pikachu
Cebolinha
Casa do Bob Sponja
Goku
Guile
Guria retardada
Tua mãe (da uma olhadinha quando a véia acorda, aquela gorda)
Você (mesmo que em sonho)