Abrir menu principal

Desciclopédia β

Cronologia da URSAL

Meu nome é Anônimo, sou um viajante do tempo e venho do ano de 2036. Bem, seria o ano de 2036, mas o calendário foi modificado, para ser mais exato eu vim do ano 18 do calendário do divino imperador Lula.

Em 2018 todos acreditavam que o candidato Jair Bolsonaro iria vencer as eleições, mas infelizmente o sistema é falho e as eleições foram fraudadas, com uma vitória esmagadora de Fernando Haddad com 91% dos votos válidos. A maioria da população se revoltou com a fraude descarada e iniciou-se manifestações por todo o país.

Índice

Cronologia da URSALEditar

Cronologia de 2019 a 2020Editar

 
Manuela D'Avila comemorando o sucesso da URSAL no mundo globalizado.

Em 2019 com a posse de Haddad as manifestações contra o governo começam a ser suprimidas com a guarda presidencial especial formada pelo PT, composta por ex-membros do MST treinados pelas FARC. Ainda no mesmo ano o ex-presidente Luladrão é solto da prisão por "falta de provas". O ex-juiz Sérgio Moro é preso pela polícia federal acusado de forjar provas contra Lula e uma denúncia leva a polícia a encontrar gatinhos em seu imóvel.

  • Fevereiro de 2019, Luiz Inácio Lula da Silva assume como Ministro da Fazenda
  • Julho de 2019, Jair Bolsonaro, agora um youtuber de oposição ferrenha com o governo, juntamente de Nando Moura são encontrados mortos após serem atacados por travestis não-binários furiosos portando consolos "havaianos" como armas. Eles foram espancados até a morte pelos brinquedos sexuais.
  • Em 2020 é formada a UNASUL pelos países da América Latina, futuramente a URSAL.
  • Ainda em 2020, é iniciada a regulação dos meios de comunicação dos países componentes
  • Setembro de 2020. Uma lei extraordinária é sancionada e o então ministro da fazenda, Luis Inácio Lula da Silva assume como o presidente do país. Em comemoração, é criado o bolsa mindinho, para auxiliar as pessoas com dedos amputados em tornos mecânicos.

Cronologia de 2021 a 2025Editar

  • Em 2021, o porte de armas brancas é proibido por lei e considerado crime hediondo. Banheiros compartilhados nas escolas já são uma realidade.
  • Em 2023, temos um aumento de 50% na gravidez entre menores de 14 anos.
  • Em 2024 A sigla UNASUL é substituída por URSAL, o Caribe é anexado.

O jornal 'The Economist' elogia a democracia praticada na América do Sul.

  • Fevereiro de 2025. A área onde se encontrava a antiga Venezuela é invadida pelos Estados Unidos, a ONU condena a invasão. As tropas do governo são totalmente derrotadas pelo exército norte-americano.
  • Março de 2025, os Estados Unidos assumem o comando da antiga Venezuela, e com isso assume o controle do petróleo. Lula faz um discurso repudiando o ato.
  • 2026, a inflação no Brasil atinge a marca de 980.000% agora os mais abastados podem comprar pão com uma nota de 1 milhão de Lulas.

Cronologia de 2027 até 2030Editar

 
Tropas da URSAL fazem seus últimos esforços.
  • Em 2027 a repressão continua contra os grupos de extrema direita continua. Foi descoberto esgotos um QG liderado por Carlos Bolsonaro o qual produzia memes contra o governo da URSAL. Diversos membros são presos e Carlos Bolsonaro acaba falecendo "por acidente" quando um membro da guarda presidencial deixa cair uma foice em seu peito.
  • Em 2028 cerca de 74% da população brasileira já se alimentou de rato ou ainda se alimenta.
  • Em Agosto de 2029 o até então desaparecido ex-político e revolucionário religioso Cabo Daciolo aparece invadindo o sinal da programação da TV da Verdade exibida pelo governo. Apesar dos esforços do governo a origem do sinal pirata não foi encontrada.
  • Em 2030 temos o primeiro travesti do mundo a dar à luz. Orgulho mundial do Brasil. Ainda em 2030, um mês depois do nascimento do primeiro bebê de travesti do mundo, o bebê veio a óbito por desnutrição. A OMS faz vista grossa para a situação do país.

Cronologia de 2031 até o infinito e alémEditar

  • Em 2031, a URSAL se torna um império sobre o comando do líder supremo, o Imperador Luíz Inácio Lula da Silva I
  • Em 2032, ter carro é um luxo para poucos do governo apenas. Apenas os membros da alta cúpula possuem smartphones como o Iphone XX.
  • Em 2033, o governo descobre planos secretos do grupo DEVS VULT, liderado por Cabo Daciolo para construir uma máquina do tempo. Os planos são confiscado mas nenhum membro do grupo é preso.
  • No ano de 2034, a desertificação tomou conta de 98% do território nacional. Água é um bem precioso, matamos por gasolina.
  • Em 2035, obtivemos sucesso em acoplar o equipamento de dobra temporal em um DKW Vemaguete 63.

Em 2036, eu sou escalado pelo DEVS VULT para a missão de salvar o país. Voltar para 2018 e matar o então prisioneiro Luiz Inácio Lula da silva com isótopos radioativos e salvar o futuro, ou não. DEVS VULT!