Abrir menu principal

Desciclopédia β

Diretório Nacional de Veteranos em Restaurantes Dona Neves Velha Reumática

Os manifestantes do DNVR, prontos para o quebra-pau com a burguesa Dona Florinda.

Diretório Nacional de Veteranos em Restaurantes, Dona Neves Velha Reumática ou simplesmente DNVR, ao lado do UTPJ e do APDF, é um dos partidos políticos mais influentes do México, e que tem um único objetivo em mente: arrumar dinheiro para pagar uma operação para a Dona Neves libertar jovens da vida de trabalhos forçados em restaurantes.

SurgimentoEditar

Certo dia, quando uma venerável anciã fazia a sua refeição em um resturante não muito confiável, mais precisamente o Restaurante da Dona Florinda, ela percebeu que o garçom era um jovenzinho simpático, chamado Chaves, que era feito de mula escravo, pois ele servia mais de 8000 mesas por dia e não recebia nenhum salário, sendo que ele tinha que se contentar apenas com as gorjetas miseráveis que os cidadãos mexicanos deixavam.

Como a venerável ancião, denominada Dona Neves não poderia deixar essa situação continuar, ela resolveu que iria dar uma de Joana d'Arc, e iria criar um movimento revolucionário, que ela iria denominar DNVR. Para tornar o partido político forte, não foi necessário muito esforço, pois bastou Dona Neves ir nos asilos e buscar as velhinhas que não tinham nada para fazer da vida.

Após formar o movimento, o DNVR, em muito pouco tempo, se tornou um partido político forte, e já estava pronto para rever todos os direitos do menino Chaves do 8.

A guerra dos restaurantesEditar

 
Dona Neves, a precursora do movimento revolucionário.

Para começar a revolução total na indústria alimentícia, o DNVR foi logo tentar resolver o problema mais grave, que era o trabalho do Chaves no restaurante da Dona Florinda. Porém, o DNVR não estava sozinho nessa luta pelos direitos do trabalhador, e o movimento contou com a ajuda de outros partidos políticos mexicanos de direita, denominados UTPJ e APDF.

O DNVR estava com muita vontade de salvar Chaves da opressão, e, depois de muitas horas de briga e de quebra-pau entre manifestantes, o DNVR finalmente conseguiu o seu objetivo, que era o de fazer com que o Chaves recebesse um salário. Bem, se o Chaves realmente recebeu o bendito salário, ninguém sabe, mas acredita-se que não, visto que no episódio seguinte ele não tinha dinheiro sequer para comprar um sanduíche de presunto...

Ver tambémEditar