Abrir menu principal

Desciclopédia β

Daughtry

Passarinho.jpg Este artigo é sobre um(a) artista, grupo musical ou uma banda.

Certamente, seus fãs idiotas alienados o odiarão!

Daughtry
Daughtry.jpg
No paredão!
Origem {{{origem}}}
País Bandeira dos Estados Unidos Estados Unidos
Período 2006 - Atualmente
Gênero(s) Depois do Grunge e Rock Duro.
Gravadora(s) {{{gravadora}}}
Integrante(s) Roger Daltrey;
Chris Daughtry;
Josh Steel;
Joey Barnes;
Brian Craddock.
Ex-integrante(s) Jeremy Brady
Site oficial {{{site}}}

Cquote1.png Isso é pra mostrar que até quem não vence o American Idol consegue fazer sucesso, enquanto o vencedor do Ídolos raramente conseguem Cquote2.png
Brasileiro sobre Daughtry, Ídolos e American Idol
Cquote1.png Toca Raul! Cquote2.png
Brasileiro num show do Daughtry
Cquote1.png É Emo! Cquote2.png
Guri retardado sobre Daughtry
Cquote1.png Chamaram? Cquote2.png
Roger Daltrey se confundindo
Cquote1.png What About Now? Cquote2.png
Chris Daughtry após ser eliminado do American Idol
Cquote1.png I’m going home, back to the place where I’m belong Cquote2.png
Chris Daughtry e a escolha que fez após ser eliminado do American Idol
Cquote1.png Mais uma imitação americana! Cquote2.png
Nickelback sobre Daughtry
Cquote1.png Maninho! Cquote2.png
Billy Corgan sobre Chris Daughtry
Cquote1.png A fusão entre Badauí, Vin Diesel e Billy Corgan existe! Cquote2.png
Você sobre Chris Daughtry

DÓLTRI é uma banda Yankee e mais uma banda Yankee que imita o Nickelback (aquele esquema de Post Grunge e Hard Rock), surgida após seu líder, Chris Daughtry não ter tido competência de vencer o American Idol. Controversos acreditam que o Flamengo foi beneficiado pelos juízes, causando sua eliminação.

Índice

Chris Daughtry e o American Idol:Editar

Vendo que Chris é nome de rockeiro (Cornell, Martin e tantos outros), Chris Daughtry, um cara nascido na roça e criado na cidade grande, resolveu começar a cantar rock, era muito de Smashing Pumpkins, o que explica seu penteado estilo Billy Corgan mas, como o dinheiro era pouco, nunca conseguiu gravar o álbum, então, passando os canais da sua TV, viu que estavam selecionando pra um reality show musical chamado American Idol. Se inscreveu e ganhou o número 171157, que seria sua inscrição e sua porta rumo ao sucesso. Na 1ª audição, pediram que ele tocasse Raul (até os Yankees?), assim tocando Mosca na Sopa, e, assim como todos os candidatos da históra daquele Reality Show, recebendo um NÃO de Simon Cowell, mas, assim como todos esses mesmos, recebendo SIM dos outros jurados e passando pra 2ª fase, onde cantou The Letter, onde conseguiu mais 2 SIMS e o mítico e lendário e considerado por sábios uma técnica milenar NÃO de Simon Cowell e o acesso as finais nacionais.Entornando todas num bar, ele conheceu Ace Young, e se tornaram melhores amigos. Como nas finais o bicho pega, ele ficou nas últimas posições e se viu na obrigação de enfrentar seu melhor amigo pra se classificar, não conseguindo (qualquer semelhança com as ligas de Pokémon é mera coincidência), assim tendo que going home, back to the place where he belongs. Puto de cara, destruiu todo o cenário após sua chocante eliminação.

Montando a Banda:Editar

 
Campeonato de careta!

Chris Daughtry voltou pra casa com uma mega carreata pra celebrar sua participação no American Idol, e, assim que desceu do caminhão de bombeiros, viu o pessoal do Fuel com raiva dele por causa de uma das regravações, então lhe proporam: ou dá o negocinho pra eles ou escreve uma música pra eles e canta junto. Ele, seguro de sua masculinidade, preferiu a 2ª opção. Após essa canja forçada e o trabalho escravo de compor as músicas de um álbum deles junto com Ed Kowalczyk (Live), Brad Arnold (Three Doors Down), Mitch Allan (SR-71) e Rob Thomas, que também ferraram a banda, ele procurou algumas cobaias pra montar uma banda. Foi a Califórnia, terra de vários roqueiros desempregados , entre eles, um que traiu o movimento Suicidal Tendencies, Josh Paul.

Trajetória:Editar

Banda montada e o clichê Álbum Homônimo pronto, Chris Daughtry e seus Blue Caps iam rumo ao sucesso, com músicas bem sugestivas: “It’s Not Over”, onde Chris Daughtry mostra seu desejo de vingança contra o American Idol e “Home”, que mostra a humilhante situação que ele se submeteu, e que é usada pelos escroques do American Idol após a eliminação dos integrantes. Após a fama e a vingança declarada, apesar de ela não sendo plena, por matar e envenenar a alma, gravaram o 2º álbum: Leave This Town (Ralando Peito Dessa Roça, no português moderno), que sugeria a saída de Chris Daughtry da cidade natal.

Ficha Técnica:Editar

 
Que cara de pagodeiro...

Integrantes:Editar

Álbuns:Editar

Hits:Editar

  Aí sim, fomos surpreendidos novamente!  
Zagallo sobre No Surprise