Abrir menu principal

Desciclopédia β

McdonaldsAmerica.jpg United $tate$ of McDonald'$

Este artigo é gringo! Ele come Big Mac com Coca Cola no café-da-manhã e pensa que Seinfeld é a melhor série de todas.

O pico da montanha Nuggets!

Cquote1.png Você quis dizer: Denver Chicken Nuggets Cquote2.png
Google sobre Denver Nuggets
Cquote1.png Time de perdedor! Cquote2.png
Los Angeles Lakers sobre Denver Nuggets
Cquote1.png Time de perdedor! Cquote2.png
Boston Celtics sobre Denver Nuggets
Cquote1.png Time de perdedor! Cquote2.png
Íbis sobre Denver Nuggets

Denver Nuggets é um time que fica no meio do deserto, sendo comandado e patrocinado por empresas do ramo alimentício, por isso o nome sugestivo, afinal eles sempre estão fritos.

Índice

HistóriaEditar

Fundação e primeiros anos na ABBA ABAEditar

 
As brincadeirinhas do elenco.

Inicialmente o time se chamava Denver Rockets e jogava na ABA (aquele grupo musical sueco). O astro do time era um gangster chamado Spencer Haywood, que foi preso e fez o time quase falir, sendo salvo pela Perdigão, que comprou o clube e o rebatizou de Denver Nuggets. Com o dinheiro, o time pode contratar David Thompson, o parente perdido da família Skywalker, que usava o poder da força para enterrar sem muito esforço

Chegada à NBAEditar

Em 1975, buscando maior alcance dos seus produtos, a Perdigão botou o time na NBA, onde se fudeu por muito tempo, quase uma década

1982-1989: A Era Alex EnglishEditar

Em 1982 chegou no time Alex English e trouxe consigo um alemão de nome dificil que não é o Dirk Nowitzki. Ambos faziam 200 pontos todo jogo e fizeram dos Nuggets de frango o melhor ataque da liga. Mas a defesa era uma merda, por isso não conseguir ir longe nos playoffs, perdendo muitas vezes pro "SHOWTIME" Lakers. English saiu do time em 89, deixando o Denver numa crise que só foi resolvida quando a Sadia comprou o time. Como eles também vendiam nuggets e o produto precisava de uma ação de mercado intensiva, o nome permaneceu o mesmo

 
Caralho, eu sou muito mais as cheerleaders eles são uns bostas mesmos.

1991-1996: A era Dikembe Motumbo MutomboEditar

Em 1991 chegou um africano chamado Mutombo (eu sei que o nome parece outra coisa, mas fazer o que né) que apesar de não jogar porra nenhuma no ataque dava mais toco que mulher sem coração (e por acaso existe mulher com coração nesse mundo?) e pegava todos os rebotes, se tornando o melhor defensor da NBA. Em 94 Mutombo e os Nuggets chocaram o mundo ao eliminarem o favorito e primeiro colocado da Conferência Oeste Seattle Supersonic (hoje chamado de Oklahoma City Thunder) na primeira rodada dos playoffs. Foi só isso mesmo, porque 2 anos depois Motumbo Mutombo foi pro Atlanta Hawks e o time mais uma vez ficou na merda por um bom tempo...

2003-2011: A Era Carmelo AnthonyEditar

Trazido de Siracusa, a universidade laranjinha da NCAA, Carmelo "Mello-Hello" já chegou mostrando serviço conduzindo o time aos playoffs de 2004. No Nuggets Carmelo jogou junto com J.R Smith (SWISH!) e o brasileiro Nenê, contratado pra ser garoto-propaganda da Sadia.

  Hilário!  
Capitão Sarcasmo sobre o nome do gangster-pseudo-jogador tupiniquim.

O time sempre ia aos playoffs e sempre eram fritados, o que era bom, porque aumentava a popularidade dos nuggets da Sadia. Em 2006 trouxeram o semi-aposentado Allen Iverson. Iverson era cuzão, estava fora de forma, faltava aos treinos (PRACTICE?) e chegava tarde nos jogos, quase sempre chapado. Mas como era famosinho aumentava popularidade e as vendas dos produtos do time. Em 2008 Iverson saiu e em seu lugar chegou o carequinha Chauncey Billups, que apesar de não vender nada jogava bem e ajudou o Nuggets a chegar nas finais de conferência em 2009, o maior feito do time em sua história. Perderam pros Lakers de Kobe, Gasolina e o ex da Khloe Kardashian

AtualidadeEditar

Em 2011 Melo foi pro Knicks, ganhar milhões em contratos com patrocinadores. Desde sua saída o time vem tentando se estruturar. Talento não faltou: Kenneth Faried, Danilo Gallinari, Wilson Chandler, Ty Lawson e o MVP do Shaqtin'a Fool JAVALE MCGEEEEE (voz do Shaq). O time até conseguiu ir algumas vezes aos playoffs, mas nada de especial. Hoje a grande esperança do time é Nikola Jovic, um pivô sérvio de mais de 2 metros de altura que tem a mobilidade de um anão de um metro e meio. Vale a pena vê-lo jogar (só que não)

TítulosEditar

Campeonato:0
Campeonato da Conferência:ABA: 1 (1976)
NBA: 0
Campeonato da Divisão:ABA: 3 (1970, 1975, 1976)
NBA: 5 (1977, 1978, 1985, 1988, 2006)

Ver tambémEditar


v d e h