Abrir menu principal

Desciclopédia β

Desnotícias:Burguer King fecha acordo com Itamaraty para fornecer embaixadores

Desnoticias logo.png

Este artigo é parte do Desnotícias, a sua fonte de ignorância 24 horas por dia.

BRASÍLIA AMARELA, País da Putaria

Dudu mal chegou no governo e já está fazendo escola

Dias após o dePUTAdo federal Dudu Bolsonaro (Partido do Suco de Laranja/SP) anunciar seu encceja ensejo em virar embaixador dos istéites, o Itamaraty, ministério responsável por puxar o saco manter boas relações com os gringos, fechou um acordo com a rede de restaurantes fast-food Burger King, aquela que vende sanduíches com 1/10 do tamanho da propaganda, para indicar pelo menos 30 funcionários da empresa como embaixadores do governo brasileiro até 2022.

O anúncio do acordo foi feito via Twitter e a notícia rapidamente se espalhou pelos grupos do Zip-Zop. Vários membros do governo comemoraram o tratado, pois é uma das primeiras das várias PPPs (Pepecas pequenas e peludas) (Parcerias público-privadas) que o Brasil pretende fechar nos próximos anos. Segundo o Ministro das Relações Exteriores, Ernesto Araújo, os funcionários da Burger King possuem os requisitos necessários para serem bons embaixadores: falam inglês e sabem fritar um hambúrguer como ninguém.

A previsão é de que esses novos embaixadores sejam nomeados para lugares nos quais o Brasil ainda não possui embaixada, como a Chechênia, Tangamandápio, Casa da Mãe Joana e em Silent Hill. Há boatos de que alguns estariam presentes em situações de contatos imediatos de terceiro grau, como na invasão á Área 51 em setembro desse ano e no próxima reunião secreta de OVNIs na ONU. Questionado pela imprensa a respeito, o presidente Jair BurroN'Água afirmou que os quadros atuais do Itamaraty Cquote1.png estão todos cheios de comunistas Cquote2.png e que Cquote1.png tem que mudar isso daí, taokei?! Cquote2.png


FontesEditar