Abrir menu principal

Desciclopédia β

Diadema

Bandeira do Estado de São Paulo.svg.jpg Salve, mano! Este artigo é paulista: não gosta de gaúcho nem de carioca e se acha um puta trabalhador, né, meu! E não tá completo, pois o vacilão foi tomar um chôps e dois pastel, meu!
820px-Alba.jpg Este artigo é queeeente!

Se quiser editar este artigo, entre numa geladeira, ligue o ar condicionado no máximo e beba uma coca-cola gelada. E não lute contra Blaze!

Macarraopre.jpg PORCA PUTTANA!!

Questo articolo è 100% made in Italia ed è sotto il controllo di Cosa Nostra! Perciò sta' bene attento a dove metti le tue manacce zozze o i nostri amici verranno a casa tua per spezzarti le gambine!


Município de Diadema
"Levo Diadema no peito!"
BandeiraDiaSP.jpg Brasão de Diadema - SP.svg.png
Bandeira Brasão
Aniversário 8 de Dezembro
Fundação 8 de dezembro de 1959 - 57 anos
Gentílico 'Diademente'
Lema Enloqueça, Diadema
Apelidos O terror de São Paulo
Prefeito(a) Lauro Mariquita
Localização
Localização de Diadema
Estado São Paulo
Mesorregião São Paulo
Microrregião São Paulo
Região metropolitana Região Metropolitana de São Paulo
Municípios limítrofes São Paulo e São Bernardo
Distância até a capital bom, você terá que dirigir uns bons km
Características geográficas
Área 30,795 (Pequena né) km²
População 406 718 (Desses, pelo menos, 10 milhões são Nordestinos) hab. 2013
Idioma Paulistês e vários idiomas do Nordeste
Densidade Consegue ser mais densa do que a AK-47. hab./km²
Altitude Pega uma régua e mede ué! metros
Clima A mesma merda de clima que são paulo
Fuso horário UTC +3 (Que merda hein? Sabia não)
Indicadores
IDH 0,757 (ehh, não é tão ruim) dados de Ontem
PIB R$ 13,91 mil dados de mim mesmo
PIB per capita R$ 30 332,87 dados de não te enteressa

Cquote1.png Experimente também: O Inferno na Terra Cquote2.png
Sugestão do Google para Diadema
Cquote1.png Experimente também: Enclaves do Rio de Janeiro no estado de São Paulo Cquote2.png
Sugestão do Google para Diadema
Cquote1.png Você quis dizer: São Paulo? Cquote2.png
Google sobre Diadema
Cquote1.png Você quis dizer: São Bernardo? Cquote2.png
Google sobre Diadema
Cquote1.png Você quis dizer: Represa Billings? Cquote2.png
Google sobre Diadema
Cquote1.png É uma cilada, Bino!! Cquote2.png
Pedro sobre Diadema
Cquote1.png Meu lugar favorito! Cquote2.png
Osama Bin Laden sobre Diadema
Cquote1.png Me sinto em casa! Cquote2.png
Carioca sobre Diadema


Cidade do Grande ABC Paulista, considerada exemplo em segurança pública, obviamente um mau, péssimo exemplo, caso contrário não receberia as amáveis alcunhas de Diabodema, Diademo, Diabodemo etc. E seria citada por milhares, milhões de cidadãos da região como um lugar de morte certa. Em condições normais é meramente impossível visitar o município sem sofrer terríveis suplícios, salvo o caso em que esteja acompanhado por um nativo de la, que provavelmente possui contatos com as facções dominantes em tal rincão. Os habitantes locais são conhecidos como Diademanos, por já nascerem escutando a música que move o gueto e pela primeira palavra que proferem na infância ser o nome de Mano Brown. Os moreninhos que fingem ser manos do gueto, apavora a mulecadinha de 3-4 anos... Não esquecer dos Diademônios, que são aqueles moleques que vão pra escola só pra cometer todo tipo de delito por onde passam.

Lema da cidade: 'Levo Diadema no Peito'

Índice

DivisasEditar

Sudeste: São Bernardo do Campo
Nordeste: Dizem ser São Paulo, mas nenhum forasteiro jamais atravessou a cidade com vida.

 
Mapa Oficial da Cidade
 
Mapa da Região de Diadema segundo Edir Macedo
 
A melhor avenida de Diadema

Pontos Turisticos e ImportantesEditar

  • Shopping Popular: Mais conhecido como "Shopping Coquinho", devido a grande concentração da população norte-americana do Brasil, lugar antes conhecido como camelódromo, que agora passou a ser o único lugar onde se pode comprar algo roubado com nota fiscal do departamento da pirataria licenciada.
  • Açai Quadras: Nesse lugar, as pessoas acham que estão no Açai Praia em SP...Fica aquele monte de gente feia com camiseta da Gangster achando que é surfista, e bem na praça da frente fica lotado de nóias, inclusive tem uma árvore lá que é chamada de cemitério das pontas (restos de maconha); Passe lá qualquer sexta, ta cheio de emos que estudam no Filinto e acham que estão abalando cabulando aula.
  • Shopping Floreat: Camelódromo indoor II.
  • Praça da Moça: Lugar onde tudo acontece, tudo mesmo, desde assaltos que é uma coisa muito corriqueira por lá, até shows políticos do PT, geralmente de Rap, local também onde fica o Teatro Clara Nunes, no qual não se pode falar nada em respeito a pessoa que deu nome ao próprio. Só pra terminar, por lá estão surgindo muitos emos ultimamente, o que piora a situação da cidade.
  • Xaveco: Se tem um lugar em Diadema que abriram pra queimar a cidade esse lugar é o Xaveco, todas as bandas fuleiras de forró já tocaram por lá, se você curti uma briga estilo "risca a faca" com certeza irá encontrar lá, afinal só da brasileiro norte-americano "cabra homi" se entrelaçando com as musas mais quentes e sensuais diretamente importadas do Norte de nosso país.
  • Resumindo: se você está sem comer ninguém há algum tempo, ali você terá mulheres que valem por duas (cada uma delas). Trajes típicos: Os cabra vêm de calça socada no rego, sapato social, camisa xadrez dando fungadas no cangote das beldades com jeans azul-escuros e apertados, topzinhos amarelos deixando a farta carne (banha) levemente debruçada sobre o zipper e aquele charmoso sorriso alá Nerso da Carpitinga (Sorriso "1001").
  • Praça Castelo Branco: Durante a semana, os querubins do Senhor dos Exércitos de Israel pagam penitências durante todo o dia, sendo obrigados, em O NOME DE JÉZUIZ, a gritar (cuspir) para o maior número possível de cidadãos, que o Diabo vem para matar, roubar e destruir. Eles disputaram (na bala) o espaço com os cantores da Rural Music, sujeitos tomados por demônios com vozes de Zezé di Camargo e Leonardo - que depois de muitas sessões de descarrego foram expulsos de lá.
  • Mas nos finais de semana este lugar se torna o Madison Square Garden de São Paulo. Porquê? The typical North-Americans of Brazil perambulam, trombam, discutem e entre as bugigangas vendidas nas barracas da praça, é possível ver mais uma troca de sopapos entre Dorisgleisons e Idelsons - enquanto as Úrsulas e Magnogreides se descabelam em gritos, e os diademanos se acumulam em volta da roda num coro celebrado em toda a cidade: PORRADAA!!! PORRADAAA!!!
  • Casas Bahia: Como o Shopping Mauá, é um lugar que vive o dia inteiro abarrotado de gente, tem mais gente nas Casas Bahia de Diadema do que em São Caetano toda, portanto é considerado o maior ponto turístico dessa cidade querida.
  • Estopim da Fiel: Como o nome já diz, se você for uma pessoa muito inteligente não passe na frente deste local, localizado em frente a um bar GLS/Emo/Gay. Sem mais descrições sobre esse lugar.
  • Chácara 3 Irmãos: Antes eram 5 irmãos, todo domingo tem uma festa lá chamada "Domingueira" (esse é o poder criativo dos cidadãos de Diadema), nessa festa entrou/morreu você deixa 10 reais para pagar a retirada dos corpos e limpeza local.
  • Gaza Lounge: Local onde se estabalece a maior concentração de Gays/Emos em Diadema, é nesse mórbido lugar que é realizada a J-Sound, uma festa frustada, na verdade é uma tentativa de mostrar que Diadema também tem balada boa, criada por pessoas de mentalidade incrível.
  • Parque do Paço: Como diriam os moradores mais sábios e conhecedores do local que vivem, esse é o lugar de maior concentração de marginais por metro quadrado.
  • FAD: Faculdade de Diadema, possuindo uma vasta quantidade de 8 cursos (balística, engenharia de armamentos, química para explosivos, economia paralela (clandestina), hip-hop, logística de produtos alternativos, administração de facções e direito penal), essa faculdade é o segundo orgulho de Diadema.
  • BA: Um bar/lava-rápido, lá é o terceiro orgulho de Diadema, pois só está funcionando porque a FAD fica bem na frente mesmo, sobre os frequentadores desse lugar...
  • Fecha Nunca: Sem sombra de dúvida é o primeiro orgulho de Diadema, uma que ele não fecha as 23hrs daí veio o nome, outra que é só chegar lá que tem bebida barata e mulher (feia, mas tem), um bar para qualquer um que procura felicidade e descontração, só não digo que é pra toda família porque como todo mundo sabe a polícia em Diadema não costuma aceitar muito bem crianças com pais irresponsáveis na rua durante a madrugada, aliás a polícia em Diadema não costuma aceitar nada.
  • Rua dos Travecos: Muito frequentada pelo ilustre "LUCAS PLANEJAMENTO E WENDELL VIK 2", também conhecido como Lucas Thadeu e Torto. Outra que com o nome já diz tudo, passe por lá umas 11hrs da noite e comprove por você mesmo, cuidado pra não ser roubado por um deles, são marginais disfarçados de travecos prontos para te abater ou para prazer mesmo.
  • McDonald's: Local onde os habitantes da região deixam seus salários, afinal lá são vendidos lanches de qualidade de veras duvidosa e bem super-faturados. Lá você pode também encontrar vários emos da região, pedindo seu mc lanche feliz.
  • Obras do Centro: Durante o dia, é recomendável para (levantar o moral daquelas) mulheres velhas, gordas, estronchadas como a tua mãe. Ela passa por lá e recebe, no grau, aquela 'cantada de predrero' de um norte-americano... com direito à saliva caindo na testa, direto da boca do 'caba homi', de cima do andaime.
  • Igreja Universal do Reino de Deus: Ou se preferir "Casa da Moeda", maior pólo comercial de Diadema, é de lá que vem todo dinheiro para que Diadema fique sempre linda e limpa como todo mundo percebe. É pena que o dinheiro vem dos próprios moradores afinal Diadema tem 97% da sua população de evangélicos e a Igreja Universal Reino de Deus também possui o terreno com a maior área construída junto com as suas filiais do Grande ABC.
  • Unifesp Diadema: Uma grande obra do prefeito Vesgo em aliança comercial com a a escola paulista de medicina, que instalou um campus da Unifesp bem no fim do mundo só por castigo aos vestibulandos de química, biologia, farmácia e engenharia Química que não conseguem passar na USP.
  • Quarteirão da Saúde: Mais uma das grandes obras do prefeito Vesgo, não está terminada, mas como todo bom diademano tem esperança no PT, ela vai ser finalizada, só pra ressaltar que é mais uma obra financiada pela IU do R de D. Espero que não vire um "El Matadoro" como em Mauá(tarde de mais), mas está no caminho certo.
  • Show 10: Local que a cidade tenta fazer uma balada decente. Ponto de encontro dos noia da cidade e dos norte-americanos. Fica num ponto estratégico do subúrbio e favela Campanário. Muitas raparigas prontas pra dar por crack frequentam o show 10 de graça.
  • Paço Municipal: Embora 99,9% da população de Diadema seja composta por norte-americanos do Brasil e us minerim, os últimos prefeitos da cidade têm sido ítalo(fascistas), integrantes da máfia siciliana. Mas tudo isso porquê a própria população norte-americana do Brasil não confia em seus conterrâneos. Com esse povo na cidade (povo que dá muito valor aos familiares) a Prefeitura tem importado todos os (vagabundos) desempregados de Santo André, São Bernardo e São Paulo, (que de tão gente boa que são, não conseguiram nem eleger seus candidatos em seus guetos de origem). Eles trabalham em cargos de comissão, pagos com o seu dinheiro, seu troxa! Basta ir até ao estacionamento do Paço e de outras unidades da prefeitura e ver a farra dos turistas gringos pelas placas dos carros, enquanto você, norte-americano, fica desempregado, se matando pelas vielas e pelos forrós da cidade. A prefeitura de Diadema também guarda a maior concentração de Otakus (japas, chinas e congêneres, tudo igual essa porra mesmo...) da cidade.
  • Resumindo: os norte-americanos que se fodam... Sobram pra eles os serviços insalubres (predrero, ajudante... telemarquiti para as filhas dos caba homi). Ah, e se o caba for 'ligêro na ispuleta', pode trabalhar no Shopping Popular.
  • Hotel Chuchu: Um hotel muito conhecido pelos moradores da Avenida Piraporinha, onde só se encontra prostitutas que nao tiveram a oportunidade de operar para a remoção do pênis, e professores das escolas da região.
  • Parque por do sol: Um parque onde tema a maior concentração de emos e funkeiros. Nos seculos passados no local onde existe o parque, isso era um matagal da Rede Globo onde você podia encontrar em qualquer horário do dia um velho comendo uma novinha(com o pau mole e sem gozo). Quem frequenta possui sérios problemas de demência mental e psicóticos. É uma cópia do parque municipal, mais com a unica diferença: não há aquele lago nojento que se você ousar colocar seu dedo lá, é provável ser engolido, indo para o centro da Terra.
  • Motel do Peru: Point recomendadíssimo desta belíssima cidade, é neste local onde os diademanos trazem as suas fubáceas para fazer o glu glu e todas as modalidades do créu top hard fazendo por apenas R$ 1,99 uma rapidinha de 15 minutos. Atualmente este motel de excelência foi demolido para a construção do futuro World Peru Traver Center.
  • "Vintão": Local frequentado por punheteiros e tarados pobres. Com apenas um "vintão" no bolso, é possível usar qualquer uma das garotas de lá ( a mulher mais nova possui 45 anos). Recomenda-se uso de vários preservativos para a prática ao chegar lá.
  • Centros culturais da cidade: Locais mais desabitados de Diadema, pois são contrários ao que se diz da cultura diademente. Não possuem serventia nenhuma na cidade, o que não podemos dizer dos internacionalmente famosos bailes funk, onde 90% das garotas engravida e não sabe quem é o pai da criança.
  • Loja de Instrumentos Musicais UFOS Som: Outro local com pouca presença humana. Só lá entram pessoas que moram em outros lugares e se perderam no Centro para pedirem informação para logo fugirem da maravilhosa cidade. Emos ocasionalmente olham a vitrine para verem se a guitarra usada pela "banda" Restart está sendo vendida.
  • DP's de Diadema: Local onde qualquer diademano que se preze visita uma vez a cada ano. É conhecido pela pior parte da pior cidade, onde se há filas de atendimento. As coisas pioraram muito quando o herói da polícia local, o Policial Rambo faleceu precocemente.

Se algum dia quiser conhecer a cidade (e arriscar tua vida), se é aconselhável a visitá-la durante o dia e que não saiam da região central, para que no mínimo sejam assaltados.

  • Restaurante Vaz Gomes: Primeiro Restaurante de Diadema, que serve baratas e ratos de graça em sua comida, e ainda ganha uma leptospirose de brinde sem pagar nada.
  • Restaurante Toninho da Picanha: O unico Restaurante em Diadema decente, sem ratos e baratas, mais peça 6 picanhas para viagem e receba 4 bifes embaixo e 2 picanhas em cima.
  • Sanko: A Grove Street de Diadema com um montão de Apartamento e Um dos Pontos mais Lotados do Bairro nas Ruas Signo e Erico Verissimo.
  • Eldorado: Se você entrar lá... Prepara o velório... ou nem prepara, talvez eles te tacam fogo mesmo... apenas mais um dia!

HistóriaEditar

Fundação da cidade: Quando Deus em sua sabedoria desenhava as primeiras linhas daquilo que mais tarde seria o inferno, houve um grande terremoto no céu por ação de Lúcifer que precisava de um local para repousar depois do longo expediente de cada dia. As folhas voaram então e ficaram pairando no ar por séculos, porém alguém vendo aquele rascunho, o achou de extrema beleza elaborou a cidade de forma idêntica. Assim, nasceu esta maravilha de cidade "Diadema" também conhecida com a sucursal do inferno.

Jóia apenas no nome mesmo;

Outros nomes: Infernodema, Filial do Inferno, rival do Capão Redondo e outros impronunciáveis.....

Cultura = Curtura....

Cultura com "L" ninguém conhece, por isso a tradução!

Funk em sua fórmula mais explicita, letras impronunciáveis.... Bem ao gosto de seus ouvintes e artistas....

FundaçãoEditar

 
Ex-prefeito de Diadema: José de Filippi Vesgo Júnior

Durante a ditadura militar, os inimigos do regime eram enviados para dois lugares de acordo com a utilidade:

  • Aqueles que não possuíam utilidade era levados à Pindaíba, onde desapareciam.
  • Os que detinham informações úteis eram enviados à recém fundada Diadema, onde eram torturados e eventualmente mortos quando sua utilidade se extinguia.

Existe ainda a teoria que lá existia (desde os primórdios) um povo terrivelmente poderoso violento e militar onde hoje seria tal cidade, esse povo se dividiu em dois durante uma sangrenta batalha, os perdedores foram exilados para a Europa e fundaram Esparta. Os vencedores se dizimaram mutuamente (reza a lenda que Chuck Norris e Jack Bauer são os últimos descendentes desse povo). Existe ainda a tese de que São Caetano, que envia seus mendigos e seu lixo para as cidades vizinhas, enviaria seus bandidos e criminosos para Diadema.

A invasão norte-americanaEditar

 
Cena típica de um evento para diversão (e morte) de norte-americanos em Diadema

Pouco antes do então prefeito de São Bernardo expulsar este lugar malogrado de seus domínios, Diadema era um cú de cidade. Nos Estados Unidos do Brasil (Paraíba, Pernambuco, Ceará e Rio Grande do Norte) rondou um boato de que havia riqueza em Sun Paulu. Em levas de charretes, de caminhões lotados, os norte-americanos desembarcavam no Centro e alcançavam Diadema por canoas e expedições que cortavam a mata em busca da cidade. Boa parte era de hábeis espadachins. Os samurais do nordeste traziam facões na cintura, um cordão no pescoço com as orelhas de outros cabras mortos (espalhadas pelo cordão). O líder do grupo geralmente era aquele que tivesse mais orelhas amostra. Sentavam em volta de fogueiras e contavam muitas histórias de vítimas que tinham matado no norte do país. Eram procurados pela polícia e vinham em busca do El Dorado. Com toda essa merda (gente) chegando na cidade, a criminalidade aumentou deveras. Grupos rivais de americanos foram surgindo e eles trocaram as armas brancas por armas de fogo. Para esquecer aquela rotina filha da puta, organizavam bailes de for-all. Em cada um desses bailes morriam pelo menos 10 samurais derrotados na briga de espadas iniciada logo após um aperto de mãos nas nádegas de uma beldade de propriedade de outro conterrâneo.

Geração NatirrutisEditar

Como os grandes fãs do reggae e herdeiros de Bob Marley buscavam um lugar para viver onde o verde da natureza deixasse seus olhos vermelhos, estabeleceram-se neste local, rebatizando-o para JAHDEMA. Até hoje vendem ervas alucinógenas por lá,cantando Three Little Birds. Dizem que Gilberto Gil nasceu por lá.

Geração Mano BrownEditar

 
Policial Rambo dando uma informação ao cidadão: provavelmente um norte-americano voltando da obra onde é predrero ou então um mano circulando pela night.

Em Diadema, os principais manos têm origens da Bahia (Texas do Brasil). Os mano branco (yankees) já são mais de cima, mais é tudu irmandadi, tudu irmão aqui, tudo truta firmeza, tá ligado? Os filhos dos norte-americanos passaram a servir de bônus para treinamento dos poliça da cidade, ideia que inspirou a forma de atuar do BOPE nas favelas do Rio. Revoltados, passaram a expressar (reclamar) seu cotidiano em desabafos acompanhados de ruídos, depois que alguns deles foram à Disneylândia e trouxeram de lá as gírias e expressões da cultura mano.

Se você olhar a família-padrão de Diadema, o pai é um norte-americano do Brasil, o filho preferido é jamaicano (dá um tapa na pantera), a filha é uma ex-funkeira agora com um filho do chefe (da boca) depois de dançar o trenzinho, enquanto o filho mais largado, chutado e esculhambado pela madrasta vira mano. Depois de tomar muita porrada da madrasta, dos gambé e verem as gostosas da vila sempre entrando nus carro dus preybói pra dá um rolê, adquirem seus fuzis e passam a juntar dinheiro vendendo gatinhos para os preybói perdido que colam na vila. Depois é só organizar o baile funk e já eras... é nóis!

Na primeira virada cultural de São Paulo foram responsáveis pela baderna que fez o então futuro prefeito Kassab gritar de sua janela VAGABUNDO (300x). Mas assim, como os jamaicanos, eles esperam uma volta triunfante e fulminante de Jesus Negão sobre os gambé e os preyboy. Então é esperar o mano baxá e por fogo na bunda (ops... na bomba) desses paquito filho da puta que tira o leite das criança de nóis, tá ligado?

É isso aew. Vlws!


E o que ganham os moradores de Diadema?Editar

Só uma coisa. Para jogar Counter-Strike, basta sair de casa. Certa vez, Bin Laden quis comprar uma casa na Rua Guatemala na Vila Iran, porém achou o lugar meio "agitado". Lembrando que sempre na divisa você terá que adquirir o 'Kit-Diadema', com um colete, uma arma, munição e galochas. A polícia tentou agir mais foi fulminantemente impedida restando assim a ultima esperança que era chamar o BOPE, mas também não deu certo pois iriam peguntar: '-CADÊ O BAIANO?' e nesse caso eles teriam que matar toda a população da região.

Nem tudo é uma merda (ou não)Editar

Em 2009, por mais difícil que possa ser para acreditar (seria mais fácil acreditar que o Acre existe), Diadema ganha seu shopping que não é um camelô indoor. O Shopping Praça da Moça tem cinema 3D, lojas, elevadores, estacionamento, uma praça de alimentação com comida e até um site na internet. Mas cuidado para não parecer suspeito quando for lá, os seguranças não terão dó de atirar já que foram treinados pelo BOPE.

RenascimentoEditar

Nem tudo é desgraça em Diadema. Recentemente várias melhorias têm sido implementadas nesta cidade:

- Pólo gastronômico: por inveja de, digo, a exemplo de São Bernardo do Campo, uma "rota dos restaurantes" está se formando na cidade. O primeiro é o "Le Bistrot Speedois". Acessando www.lbsreservation.dia.br você poderá reservar um lugar com vista para o Serraria's International Airport. Não deixe de pedir um "pineapple energizer", nem as sobremesas: são muito famosos o "Crème Brûlée" e o "Apfelstrudel" diadementes.

- Empreendimentos residenciais: com a crescente demanda por moradia devido à melhoria das condições de vida na abastada região, diversos conjuntos residenciais têm sido edificados. O mais famoso deles é o "Terraço Guaicurus", famoso pólo residencial/comercial da Vila Conceição. Também em ritmo acelerado de construção está o condomínio de alto padrão "Piraporinha Total Life".

- Transportes: o supracitado "Serraria's International Airport" (IATA: SER) deverá ser entregue pela INFRAERO no primeiro semestre de 2011. Deverá ser o mais movimentado hub da América do Sul, deixando Cumbica no chinelo. As asas A e B já foram concluídas, porém recentemente descobriram uma pequena falha de projeto (não foi uma boa idéia construir um aeroporto num local rodeado de morros) mas a autoridade municipal declarou que este detalhe não atrasará as obras.

- Cultura: está sendo construído num terreno contíguo à ADL (Academia Diademente de Letras) a "Sala Imigrantes de Concertos", que deverá se tornar a sede da Filarmônica de Diadema. Para os apreciadores da boa música, em todas as sextas-feiras a Filarmônica executa duas obras de seu repertório: a "Eine Kleine Nachtmusik", de Wolfgang Amadeus Mozart, e "Arrocha", do Trem Bala.


CuriosidadesEditar

 
Onibus Exclusivo da Cidade
  • Se você pegar o trólebus de São Bernardo do Campo para Diadema, descobrirá que todos os pontos de trólebus tem nome de pessoas, reza o mito que seriam homenagens fúnebres aos mortos do local (ou melhor, aos primeiros mortos, caso contrário não haveria mais espaço para pontos e linhas de trólebus em Diadema), portanto, tome cuidado, o próximo ponto de trólebus da cidade pode levar o seu nome.
  • Diadema conta com um dos transportes públicos mais seguros do mundo, isto se dá ao fato de todos os ônibus irem com certa rota. Ex: 20DP (20º DEPARTAMENTO DE POLICIA) ou 11EP (11º ESQUADRÃO POLICIAL).
  • No Plebiscito em defesa do desarmamento da população, Diadema foi a única cidade em que o "SIM" venceu. Motivo? Bem, é mais seguro assaltar uma vitima com a certeza de que ela está desarmada...
  • Diadema ganhou dois títulos únicos: Little Nordeste e o maior número de habitantes feios por metro quadrado do mundo(passe pelo centro e terá uma amostra do inferno).
  • Em Diadema, foi decretado que todos os bares deveriam ser fechados às 23h. Desde este dia a criminalidade caiu 30% em Diadema... e aumentou 170% nas cidades vizinhas, somente após às 23h.
  • Diadema possuia a linha de ônibus 36D (Vila São José até Extra Anchieta - Terminal Diadema) que é mais conhecida como Cometa Halley: leva 76 anos para passar um ônibus, e geralmente quando passa você está distraído, não vê ele passar, e tem que esperar mais 76 anos pra ver o próximo.
  • O expresso Unifesp em Diadema (21D ou Highway to Hell) é conhecido como o expresso do inferno ou a rota do capeta. Além da paisagem paradisíaca de favelas em harmonia com a singularidade de elevações de terra monumentais, os estudantes tem o prazer de se deleitar com as mais de 666 curvas fechadas e sem acostamento em alta velocidade. O expresso do Demo faz a estrada mais perigosa do mundo, na Bolívia, parecer ciclovias de patinete.
  • Diadema tem o maior hospital vazio da América Latina, fruto da visão além do alcance do grande alcaide vesgo J.F.Jr. Com estonteantes 250.000m² de concreto em estilo art-noveau, o elefante branco conhecido como "Quarteirão da Saúde" (título ao mesmo tempo pretensioso e megalomaníaco, bem ao gosto do sapo barbudo, que proferiu discurso de inauguração) é famoso por ter mais seguranças armados do que médicos circulando por seus quilométricos corredores. Se você estiver passando mal, melhor correr pra uma padaria: sua chance de encontrar um médico lá (pedindo um pão na chapa, pouca manteiga, bem passado) vai ser bem maior.
  • A cidade é atendida por duas empresas de ônibus maravilhosas: Mobiparil , ops...Mobibrasil e Benfica. O problema é que ao descer do ônibus, não é possível um usuário do mesmo dizer que "Benfica". Só lembrando que o faturamento, bem como o serviço prestado aos nossos queridos munícipes (se é que pode ser considerado "serviço") é de qualidade deveras duvidosa, e tudo isso por apenas R$4,40 para andar em ônibus muito confortáveis e seguros.
  • Diadema está cotada como cidade modelo para o próximo jogo da série GTA (GTA Diadema), onde um descendente de norte-americanos do Brasil tenta vencer no crime, se infiltrando no PCC e negociando com traficantes e políticos da cidade. Aguardem.
  • Diadema é a cidade de refúgio da mãe de quem escreveu essa merda, nordestinos e mendigos, basicamente RJ dentro de SP.
  • Cidades-irmãs de Diadema: Cidade da vaca da mãe de quem escreveu esse artigo (apenas outra filial), Detroit, Bagdá, Sarajevo, Cidade do México, Recife, Natal, Fortaleza, Gaza, Cidades da Coréia do Norte e do Irã, Cabul e Bombaim.
  • Em Diadema também temos Wi-fi!
  • Os mais antigos assistiram a série de filmes estrelada por Mel Gibson, chamado "Mad Max", ainda hoje encontrado em locadoras, grande sucesso do cinema principalmente o segundo filme. A produção do novo filme então decidiu que Diadema seria o local adequado para as gravações do quarto episódio.
  • Uma vez, um morador de São Caetano do Sul ao visitar Diadema disse que aquele local parecia o cenário do jogo Mortal Kombat. Alguns segundos após terminar a frase, o tal rapaz foi atingido por um fatality do lutador Scorpion.
  • Andar pelas ruas dos "bairros" Campanário e Inamar sem ser assaltado/morto é um verdadeiro desafio. O prefeito da cidade então resolveu criar o "Desafio Denílson", onde se um dia alguém ganhasse, poderia se juntar ao ex jogador que conseguiu realizar tal façanha na juventude na Band. Denílson hoje paga de pagodeiro ao lado do amigo analfabeto José Ferreira Neto num programa esportivo.
  • Em Diadema se localiza o estúdio de gravação do programa Polícia 24h, da Band.
  • No Acrorado(Eldorado) e o Ponto final de Todos os Ônibus de Diadema o Terminal Acrorado não Existe
  • Se Você Pegar a 24DP NO Ponto da Avenida Dom Pedro As 18:30, Poderá Ficar Irritado com os Anões e a Motorista que Corre Demais da Conta Porque Esses Anões São do Borel (Não o Nego do Borel), Eles Ficam Cabulando Aula no Riolando Canno Ficam Dando Volta em Suas Bicicletas Enfim Se Caguetar Eles o M otorista Fala (Se Não Descer Desligo o Motor dessa Poha).
  • Se você pegar o 32 (ou Qualquer 32)Não Pegue com a Veia do 32 Se Você Pegar Ela Vai Sair no Tapa com Você
  AVISO! Tiroteio é a principal atividade desportiva em Diadema. Use sempre "Bullet Time"!


Número de disparos em Diadema desde que você começou a ler este artigo:

       
Carregando banco de dados...