Abrir menu principal

Desciclopédia β

Douglas (Ilha de Man)

Douglas, apelidada carinhosamente de Doug Funnie é a capital e cidade mais cheia de manos da famigerada Ilhas dos Machos.

Índice

HistóriaEditar

 
Avanços proporcionados pela independência financeira da cidade.

Por possuir uma história muito sem graça e sem emoção nenhuma, a população de Douglas recorre a lendas célticas para valorizar um pouco mais a história de sua pacata cidadezinha. Dizem os livros de história maneses que um gigante irlandês chamado Finn McCool jogou um pedaço da Irlanda em algum escocês que havia lhe chifrado. O pedaço perdido caiu no mar e assim surgiu a Ilha de Man. Então vikings vieram e criaram a cidade de Douglas. Colocaram esse nome em homenagem ao seu desenho animado predileto, Doug Funnie.

Um bando de invasores celtas posteriormente apareceriam e matariam todos semi-irlandesas que lá em Douglas habitavam. Uma vez que os celtas haviam se estabelecidos, vikings da Lapônia chegaram a procura de leite de cabra para colocar no hidromel, mas haviam errado de lugar, aquela não era as Ilhas Faroé onde vendiam isso, era apenas a cidadezinha de Douglas que só vendia pequenas foices, irritados, os vikings mataram todos homens e raptaram todas mulheres para a Ilha de Lesbos.

Douglas permaneceria por alguns séculos uma cidade deserta, visto que os romanos não se interessaram pelo local, pois nenhum arqueólogo encontrou pilar romano nenhum por lá, os dinamarqueses estavam mais ocupados colonizando a Groenlândia, então um belo dia, a expansionista Rainha Victoria alugou a ilhota para enfurnar um povo conhecido como "Manx", no entendimento manterem a cidade de Douglas sempre limpa e arrumada e não quebrarem nada.

PopulaçãoEditar

A vasta população de mais de 20.000 manos é formada por bilionários estereotipados sonegadores de impostos e escória irlandesa e escocesa em geral fugitiva de seus países de origem.

CulturaEditar

A cidade de Douglas é um dos maiores polos de divulgação da língua manesa do mundo, perdendo apenas para a periferia de São Paulo.

Todo 5 de novembro, os Manx simbolicamente queimam efígies do Esqueleto, o grande rival do herói nacional, o He-Man.

TurismoEditar