Abrir menu principal

Desciclopédia β

Esporte Clube Democrata

Esporte Clube Democrata
Black US Democratic Party Logo.png
Brasão
Hino '
Nome Oficial Sport Club Democratic Black Panthers
Origem Bandeira dos Estados Unidos Estados Unidos Governador Valadares
Apelidos Filial do Atlético
Torcedores existe isso?
Torcidas Inexistente
Fatos Inúteis
Mascote Gatinho
Torcedor Ilustre
Estádio Mudão
Capacidade 10.000, e olhe lá
Sede
Presidente
Coisas do Time
Treinador
Pior Jogador da história Nuvola apps core.png
Melhor Jogador da história Crystal Clear action bookmark.svg.png
Patrocinador Chácaras Miura
Time
Material Esportivo Fake Sport
Liga Campeonato Mineiro
Divisão Módulo I
Títulos
Ranking Nacional
Uniformes



Esporte Clube Democrata é mais um time aleatório qualquer que ninguém se importa, teoricamente situado em Minas Gerais, por disputar o Campeonato Mineiro, mas com sede nos Estados Unidos.

Índice

HistóriaEditar

FundaçãoEditar

Fundado em 1932 por Tio Sam em visita ao Brasil, o clube inicialmente se chamava Sport Club Democration of American. Era o primeiro clube norte-americano em território brasileiro. Os valadarenses comemoram o aniversario do clube no dia 31 de outubro no Hallowen em homenagem ao seu país de origem. Até 1964, o clube sofria pesadas sanções do governo brasileiro, a CBF não permitia que disputassem os nacionais. Não pela nacionalidade e sim pela ruindade do time mesmo. Com a instalação da Ditadura Militar, o território de Governador Valadares foi cedido de volta aos EUA em troca de não levarem parte da Amazônia. Fato muito comemorado pelos valadarenses, em compensação não resolveu o problema do time da cidade. Mesmo sendo norte-americano, o time do Democrata não conseguiu investimentos para participar do campeonato norte-americano de futebol. Os dólares brasileiros não valiam muito nos EUA.

Década de 80Editar

Até que na década de 80, em uma cartada de mestre, Mamud Abbas (Primo do atual Presidente do Irã, Mahmoud Ahmadinejad) o prefeito-governador-presidente do Território de Governador Valadares resolveu subornar Atlético e Cruzeiro com seus dólares e conseguiu a vaga no Mineirin.

Campeonato Mineiro de 1991Editar

O prefeito Mamud Abbas também conseguiu patrocínio do presidente Bill Clinton em 1991 para montar a mais espetacular equipe do futebol brasileiro de todos os tempos. Infelizmente, como os norte-americanos entendem tanto de futebol como os brasileiros de beisebol, o projeto foi por água baixo quando decidiram a final contra o Atlético. Na partida decisiva, todos os jogadores do time democratense foram expulsos. Até entenderem que o futebol se jogava com os pés e que não havia tacos, era tarde demais para o time-yanque que ficou com o vice-campeonato.

Os moradores da cidade revoltados amaldiçoaram o prefeito Mamud Abbas colocando seu nome no estádio do Democrata. (Maldição sim, porque colocar seu nome naquilo não pode ter coisa pior). Desde então, o Democrata sonha em disputar o Mineiro de forma digna e tenta negociar sua entrada nas competições nacionais com a CBF. Esse é o real motivo do Democrata nunca ter podido ocupar vaga na Série C ou D até hoje.

EstádioEditar

Apelidado de Mudão, por estar sempre vazio e mudo, o acanhado estádio de Governador Valadares mesmo não tendo capacidade para mais de que 5000 gatos pingados, jamais lotou em toda sua história.

TítulosEditar

  • Vice-campeão mineiro em 1991.
  • Tricampeão Norte-Americano 1977, 1978 e 1979.
  • Bicampeão Estadual do Texas 1978 e 1979.
  • Campeão Mexicano 1978. (Em uma de suas tentativas frustradas de ir aos EUA, teve de se contentar com o Campeonato Mexicano mesmo)
  • Campeão do Modulo 2 2005. (Não temos provas)
  • Campeonato Brasileiro 1982 (Lenda urbana comum em Valadares)
  • Taça Minas Gerais 1981. (Na verdade foi um protesto contra sua exclusão do torneio, chamando-o de Taçion Minesh Geration com somente ele participando)