Abrir menu principal

Desciclopédia β

Rajesh aproves.jpeg नमस्ते!

Este artigo é indiano, tic! Anda de elefante, joga cricket, é vegano, fala um inglês horrível, trabalha em um call center e adora incenso! Se vandalizar este artigo ou for paquistanês, você será incinerado pelas chamas de Agni! E nunca toque num Dalit!

Dhalsim meditando.png


Este artigo é um
Patrimônio Mundial da Humanidade.

Pode ser uma ruína, uma cidade
de merda, um matagal abandonado,
mas está protegido!

World Heritage Site logo.png

Leitura recomendada apenas para
pessoas com cultura.

A UNESCO monitora este artigo.


Fatehpur Sikri (português: Siri da Vitória) é uma cidade indiana planejada e construída no século XVI sob comando de Juscelino Kubsticheck e arquitetada por Oscar Niemeyer. A cidade foi abandonada depois que todos seus habitantes morreram de gripe espanhola, mas a sua arquitetura se mantem estado perfeito de conservação.

HistóriaEditar

 
Akbar e sua esposas em Fatehpur Sikri.

Cidade construída por engenheiros baianos (pois o governo indiano estava sem grana de contratar algo melhor), foi abandonada 14 anos depois por falta de água, esgoto, eletricidade e estradas.

Em 1568, Akbar estava com sérios problemas de impotência sexual depois que venceu uma guerra na Etiópia, mas foi vítima de uma terrível mandinga dos macumbeiros locais, e agora Akbar não conseguia uma ereção nem com a Playboy da Ellen Rocche. Ele visitou a cidade de Sikri, onde se consultou com Shaikh Salim Chisti, um poderoso pai-de-santo, que apresentou a Akbar raras fotos da Megan Fox nua, e assim curou a sua impotência.

Feliz da vida, Akbar construiu a cidade de Agra nas proximidades de Fatehpur Sikri, e todos os finais de semana visitava a cidade onde comia 9 virgens para comemorar. O Grande Rei Indiano manteve esse rotina sagrada até seus 123 anos de idade, quando morreu.

MonumentosEditar

  • Anup Talao - Era para ser a caixa de água, só esqueceram da água...
  • Buland Darwaza (Portão da Magnificiência) - O grande portão de entrada da cidade. Diz a lenda que quem passar por esse portão sem roupas íntimas mudará de sexo assim como se fosse passar por debaixo de um arco-íris.
  • Diwan-i-Am (Palanque) - Um palanque de pedra onde eram realizados os comícios políticos do século XVI.
  • Diwan-i-Khas - Prédio onde Akbar se reunia com seus inimigos para negociar a rendição dos mesmos.
  • Hujra-i-Anup Talao - Um vasto quarto onde ficavam as putas e virgens particulares de Akbar.
  • Jama Masjid - A mesquita onde eram formados os mais competentes terroristas do Reinado de Akbar.
  • Palácio de Mariam-uz-Zamani - O belo quarto da esposa de Akbar, era vigiado por mais de 100 eunucos.
  • Naubat Khana - Um grande bar onde os servos de Akbar enchiam a cara.
  • Jardim Pachisi - Uma grande praça onde havia uma feira que revendia os produtos do Paraguai e Taiwan.
  • Panch Mahal - Um prostíbulo popular.
  • Casa do Raja Birbal - Raja Birbal era o primeiro-ministro de Akbar. Grande estrategista, comia virgens diariamente para manter sua mente funcionando.
  • Sunahra Maken - A casa da trezentésima esposa de Akbar.
  • Tumba Salim Chisti - A honrada tumba do macumbeiro que curou a impotência sexual de Akbar.