Abrir menu principal

Desciclopédia β

Frâncio

Francia d.JPG ALLONS EN₣ANTS DE LA PUTARIE!!

Este artigo è ₣rancês! Ele não toma banho, come camembert e faz biquinho. O autor já mendigou na Avenue Champs-Elysèes e è xenofòbico.

Cuidado! A qualquer momento um alemão pode invadi-lo!

Massacration.jpg Este artigo é metálico!

Ele é revestido ou banhado a algum metal ou liga que se encontra na tabela periódica. Se você corroer este artigo, Mordekaiser vai exterminá-lo!

Cquote1.png Se ele não tivesse colocado frâncio na água, isso não teria acontecido Cquote2.png
Pica-Pau sobre explosão seguida de contaminação radioativa

Frâncio é um elemento químico metal alcalino de baixa eletronegatividade e símbolo Fr de Frei Galvão. Foi descoberto na França, tendo herdado o temperamento serelepe de seus conterrâneos. É o metal mais explosivo do mundo e também o mais fedorento, pois não gosta de água como todo francês. O problema é que ninguém se interessa por este elemento, exatamente por feder muito e ter pouca aplicação prática devido à sua rara presença na natureza.

HistóriaEditar

 
Jamais, mesmo, de forma alguma, ouse misturar o frâncio na água. Estou avisando!

O frâncio foi descoberto em 1939 por uma dona-de-casa francesa, em um instituto para dependentes químicos que era mantido por Marie Curie. O elemento foi detectado enquanto ela estudava o decaimento intestinal provocado pelo iogurte Activia, tendo obtido um produto fedorento de número atômico 87, que recebeu esse nome de frâncio, bem mais fashion que eka-césio.

Muitas décadas depois, uma equipe de pesquisadores estudou a explosiva estrutura atômica do frâncio, encontrando 41 isótopos radioativos e mortais.

CaracterísticasEditar

O frâncio é um metal alcalino, instável e exageradamente radioativo. Sabemos apenas que ele é o resultado da desintegração do actínio, é encontrado em minerais de urânio explorados no Irã e pode ser obtido por bombardeamento de tório com prótons. Possui 41 isótopos conhecidos, o mais estável deles com meia-vida correspondente à duração de uma partida de xadrez.

Mais nada se sabe sobre o frâncio, pois seu estudo é dificultado devido à sua rápida desintegração. Tirando também o fato de ser necessário cortar o suprimento de esgoto do laboratório para analisá-lo.

É literalmente um elemento francês: odeia a água a todo custo, e em contato com ela pode gerar uma reação explosiva apocalíptica. Por esse motivo, é utilizado pelas indústrias da França como desodorante para prevenir odores desagradáveis causados pela falta de banho.

Experiência com frâncioEditar