Abrir menu principal

Desciclopédia β

Furúnculo

Furúnculo é o filhote, fruto de um ser humano com um sangue imundo(não confunda com o sangue ruim da série das varetas mágicas), não bastando espinhas, a sujeira do sangue é tanta que acaba por formar verdadeiras espinhas em tamanho estilo Itu que são os furúnculos.

O que é e o que contémEditar

O que há dentro de um furúnculo? O que mais poderia haver a não ser nojeira? Basicamente o conteúdo é purulento, chegando à superfície da corrente sanguínea então há também um pouco de sangue junto. O conteúdo é igual ao das espinhas, mas não é o sebo a principal causa, embora uma das causas seja semelhante à que causa as espinhas, que é sujeira no sangue, porém esse é o principal, senão o único padrinho mágico dos furúnculos, pois diferente das espinhas, ele não precisa de poros se abrindo e excesso de sebo na superfície da pele: pra haver furúnculos, basta o sangue sujo mesmo.

 
Montanhas roxas e purulentas devem ser apreciadas fora da pele.

O furúnculo precisa disso pra existir, um ser humano porque não se sabe de outro animal que crie isso e, se você tem um pet qualquer(e não reclame do estrangeirismo), sabe que eles sempre pegam algum tipo de peste, mas não se sabe de nenhuma calopsita(palavra desgraçada), cachorro, gato, papagaio, galinha, cavalo, eguinha, iguana, sapo... sapo tem berrugas, porém estão longe de ser furúnculos... enfim, esses bichos todos podem ter tudo e nem é preciso citar peixes que, se não zelar ao menos uma vez por mês pela limpeza do aquário, eles criam até tufa no cu ânus, têm tudo, menos furúnculo.

Se não há bichos que desenvolvem isso, a não ser humanos, então pra um furúnculo existir, antes de tudo é preciso um ser humano, e esse ser humano deve estra com o sangue bem sujo: essa é a junção perfeita para que o furúnculo possa emergir da cinza pele, como se fosse aquele vulcão que se forma porque naquele ponto o excesso de magma não se pode mais conter e jorra... MAS... os furúnculos, diferente das espinhas, não têm aquele bico que lembra os vulcões, a não ser que a pessoa fure, mas isso não é aconselhável, pois a mancha demora muito mais pra sair do que as manchas de espinhas, então como resolver essa desgraça?

ÁGUAEditar

 
Mais formas benéficas de apreciar bolas roxas... e é melhor parar por aqui.

Se você viu surgir na sua linda pele algo sorridente como um furúnculo que fez até jacarés e sapos terem repulsa, saiba primeiro que isso não deve ser furado, assim como espinhas não devem ser espremidas, embora os cravos possam sim ser, mas cuidadosamente como uma donzela siriricando pela primeira vez e isso depois de vaporizar a face com água morna e esses poros abertos, após retirar os cravos, devem ser fechados novamente com ajuda de água fria.

Como citamos a água, a principal prevenção aos furúnculos nada mais é do que água, sim camarada, se você viu essa desgraça aparecer ao longo do seu corpinho amamentado por papai mamãe, saiba que você apenas precisa, ao invés de achar que meio copinho já mata a sede e tá bão, deve sim tomar ao longo do dia, ao menos um litro da sagrada água oferecida gentilmente e em abundância pela mãe Terra, e os furúnculos vão embora, uma vez que a própria água farpa uma limpeza de dentro pra fora, que é a mais importante do que toda e qualquer limpeza externa que tu possa imaginar, fora o banho(também com água, embora você às vezes possa tomar banho de xixi pra ficar cheiroso), pois a água fará a devida limpeza no seu sangue e até mesmo as espinhas diminuirão, nem sinta saudade desses vulcões nojentos, comtemple vulcões da Terra mesmo a uma distância segura ou por vídeo, mas vulcões na pele não são nada saudáveis. A água não deixará mais que apareçam, e ainda fará com que algum que já tenha aparecido, vaze dali mais rapidamente, mas vaze de desaparecer, não de vazar fora da pele, pois como já citado, deixará aquela mancha que demora mais pra sair do que aquele político infantilóide, fraco e nocivo do posto de presidente: pense em quem quiser.