Abrir menu principal

Desciclopédia β

Galmudug

Download Globeleza Galmudug ee Soomaaliya
ولاية غامدوغ الصومال
Galmudug
Bandeira de Galmudug
Brasão de Galmudug
Bandeira Brasão

Localização de Galmudug

Capital Chandelle
Cidade mais populosa Galinha
Religião oficial zoofilia
Governo anarquismo
 - chefe da tribo Ahmed Duale Gelle
Área  
 
 - Água (%) 0%
 
 
 
 
Moeda bitcoin


Galmudug é o nome de um pedaço esquecida do meio da Somália, surgiu em 2006 quando a população local (se é que alguém vive ali) percebeu que o mundo inteiro não sabia que eles existiam. O nome da região vem da junção das duas músicas mais popualares da região, a Galopeira (é mesmo um lugar repleto de tribos e caipiras) e Mudug.

HistóriaEditar

A ideia de criar Galmudug surge em 2006 quando as tribos da região tem acesso a primeira internet discada graças às reformas do governo que decidiu deixar de existir com a implementação do anarquismo em toda Somália e graças a isso foi possível adquirir toda aquela tecnologia de ponta. Como tal internet foi levada por Joselito com a ajuda do Cid Cidoso na época que este era engraçado e Everson Zoio, tratava-se apenas de um PC da Xuxa sem CPU com um fundo falso escrito "a sua pesquisa por Galmudug não retornou resultados". Ensandecidos com a situação, acreditando que o resto do mundo não os conhecia, o que é uma verdade incontestável, os negões que ali viviam decidiram começar uma baderna gigantesca para tentar chamar atenção. Declararam unilateralmente independência e tudo mais.

A independência foia té alcançada, afinal não havia mais governo central mesmo pra contestar, havia somente outro pedaço de terra declarando independência e tentando chamar atenção, a região de Puntland. Como a comunidade internacional parecia estar pouco se fodendo para ambos, eles combinaram de entrar numa guerra sangrenta para porra nenhuma, afinal quem se importa com Mudug? Mas percebendo que haviam falhado e que após 5 anos de matança ninguém ainda conhecia Galmudug, decidiram parar e assinaram a paz em 2011.

A partir de 2012 Galmudug chegou a eleger presidente e parlamento, eles realmente acham que são um país da África, mesmo que ninguém sequer os conheça para sequer decidir se os reconhecem ou não. Afinal, falou da Somália, todo mundo já muda de assunto.

EconomiaEditar

Não existe porra nenhuma, só um deserto estéril onde as pessoas fazem pirataria pra sobreviver. Não pirataria paraguaia ou chinesa, mas de roubar umas lanças velhas e ir roubar no Oceano Índico, pois quando leram que a China havia se tornado a maior potência do mundo graças à pirataria, foi isso que eles pensaram. A ideia geral é basicamente só não morrer de fome.

Forças armadasEditar

Como ao sul de Galmudug há uma galerinha amistosa formando grupos como o Conselho Supremo das Cortes Islâmicas e Al-Shabaab, uma milícia foi criada para proteger a região de possíveis invasões. O problema é que não tinha nada, então as forças armadas desse "país" precisou ser construída com sucata achada no oceano. Mas foi assim que Galmudug tornou-se a única força naval do mundo composta por piratas.

África
v d e h

Países: África do Sul | Angola | Argélia | Benim | Botswana | Burkina Faso | Burundi | Cabo Verde | Camarões | Chade | Comores | Congo | Costa do Marfim | Djibouti | Egito | Eritreia | Eswatini | Etiópia | Gabão | Gâmbia | Gana | Guiné | Guiné-Bissau | Guiné Equatorial | Lesoto | Libéria | Líbia | Madagascar | Malawi | Mali | Marrocos | Maurício | Mauritânia | Moçambique | Namíbia | Níger | Nigéria | Quênia | República Centro-Africana | República Democrática do Congo | Ruanda | São Tomé e Príncipe | Senegal | Serra Leoa | Seychelles | Somália | Sudão | Sudão do Sul | Tanzânia | Togo | Tunísia | Uganda | Zâmbia | Zimbabwe

Territórios: Canárias | Ceuta | Galmudug | Mayotte | Melilla | Reunião | Saara Ocidental | Santa Helena, Ascensão e Tristão da Cunha | Somalilândia