Abrir menu principal

Desciclopédia β

Um Game Boy com visor em preto e branco.
Jaspion metaltex.jpg

Made in Japan
Este é um artigo com tecnologia do sol nascente né.
A mão de desenhar mangá chega a tremer.

Alexkidd-gen alexkidd jankendance.gif
Game Boy é da época da Velha Guarda dos Games

gráficos 3D? Yo lo no conozco señor...

Wikisplode.gif
Para aqueles sem senso de humor, os espertalhões da Wikipédia têm um artigo (pouco confiável) sobre: Game Boy.

Cquote1.png Nossa, que gráficos reais! E ainda tem som! Cquote2.png
Nerd jogador de Tibia sobre Game Boy

Cquote1.png Não sei porque o Game Boy Color é mais caro... Cquote2.png
Daltônico sobre Game Boy

Cquote1.png NINTENDO GAMEBOY NOOOO!! I WANT NINTEENDO SIXTYY FOOOOOOUUUURR!!! Cquote2.png
Muleque doido do N64 sobre seu presente de natal

Cquote1.png Isso é pra fazer o muro? Cquote2.png
Predeiro sobre Game Boy

GameBoy.gif O Game Boy (em português Menino Jogo) é um tijolo portátil feito pela Nintendo, lançado nos anos 50, com 25 cm de largura e 30 kg, que fez muitas crianças tomarem bomba pra passar uma hora jogando. Foi um grande sucesso de vendas para a Nintendo e para as fábricas de pilhas.

Índice

HistóriaEditar

 
Primeiro protótipo do Game Boy na época do Atari.
 
Game Boy do Milhão edição Silvio Santos.

Ao contrário que muitos acham, o Game Boy não foi o primeiro portátil, foi o Brick Game Jurassic, do ano 4000 a.C, que tinha a altura de um prédio de dez andares feito de madeira e botões de pedra, para resistir às garras dos dinossauros e as unhas de Dercy Gonçalves. Mas aí você pergunta: desde quando essa pº##@ de quinze toneladas é portátil? Desde quando Chuck Norris carrega ele no bolso.

Mas já que nem todos são iguais ao Chuck, o Brick Game foi diminuindo ao longo dos tempos até o Brick Game tróia, que tinha 9 metros. Depois de desistirem de zerar Tetris, os troianos levaram aquela merda em um cavalo de madeira para os gregos, que eram mais competitivos e tentaram zerar até a morte; e finalmente, depois da revolução tecnológica, foi feito em latidos do séc XX o primeiro Brick Game ∞ in 1, com infinitos Tetris, um mais diferente que o outro.

Se aproveitando que o Tetris é impossível de se zerar (só Ciro Bottini e Ray Charles tinham zerado), o que deixava o jogadores putos da vida, a Nuintendo Inc. Sa. Ltda. criou o portátil do Super Mario e dos jogos fáceis de zerar: o "Game & Watch" (ingrês para jogue e enxergue), mas algumas pessoas que entenderam isso ao pé da letra, como jatobá, Geraldo Magela e Ray Charles, jogaram e "não viram" nenhuma diferença, processando a empresa por propaganda enganosa. Mesmo assim, a Nãointendo continuou no ramo de portáteis lançando o revolucionário e leve no bolso (só no bolso) Game Boy! que vendeu mais de 5 milhões de cópias na Terra, 1 milhão em Marte, 10 mil na Lua, 150 mil no Acre e 1.123.456.789.056 trilhões no Planeta-Dos-Ets-Que-Enxergam-Preto-e-Verde.

Lista de jogos do Game BoyEditar

 
Não dava pra ver merda nenhuma nessa tela.
 
Um dos zilhões de acessórios extremamente úteis do Game Boy.

Aqui estão os jogos que mais fizeram sucesso:

Game Boy AdvanceEditar

Game Boy ganhou uma versão "advançada", apelidada carinhosamente de GBA (Grande Bosta Azul/Amarela). O design também mudou, agora ele tinha mais dois botões que mudaram a sua vida, R e L. O portátil da Nuintendo tinha aparelhinhos de celular, pingentes da Hello Kitty, conexão wireless semwork, vibrador e por aí vai, até onde sua imaginação não alcança. Isso multiplicou bilhares de vezes as vendas pois emos e viados começaram a comprar só para ter Internet, celular, um console cor de rosa e o ultravibradô.

Para mais detalhes sobre o "avanço", leia o artigo Game Boy Advance.

Ver tambémEditar