Abrir menu principal

Desciclopédia β

Gato Pintado

O Gato Pintando apreciando os livros da Playboy culturais no Castelo

Cquote1.png Desligue essa porra de televisão e vai ler um livro! Cquote2.png
Os caras da MTV aconselhando o Gato Pintado
Cquote1.png Boa ideia! Cquote2.png
Gato Pintado sobre ele ler livros
Cquote1.png Ah, deixe eu te cheirar um pouco, deixe! Cquote2.png
Nino sobre cheirar o Gato Pintado
Cquote1.png Só depois de fazer seus deveres de casa! Cquote2.png
Gato Pintado sendo o professor do Nino

O Gato Pintado é um gato criado para ser um bibliotecário, professor de literatura e uma fonte ilimitada para os vícios de Nino e as outras crianças em cheirar gatinhos.

A Sua origemEditar

Após o Dr. Victor ter construido o Castelo com uma pequena ajuda da magia da Bruxa Morgana, eles desejavam ter uma vida normal de bruxos no castelo.

O Nino, que tinha apenas uns 160 anos de idade, ainda não tinha idade para poder brincar lá fora e nem sequer ir a escola, e assim o Victor teve uma grandiosa ideia de criar uma gigantesca biblioteca de livros roubados doados pelos Europeus, onde lá dariam os estudos ao Nino nos próximos 5 mil anos antes dele completar a idade prematura de bruxo, que seria 16 anos em idade humana.

Para ajudar o Nino nos estudos (já que eles nunca tinham tempo pra isso, ela sempre conversando merda com uma gralha e ele fazendo invenções inúteis que ninguém no mundo vai usar), eles pegaram um gato de rua e com a magia da Bruxa Morgana fizeram com que o Gato Pintado tivesse raciocínio e pudesse falar, e assim o escravizaram contrataram para ser o professor e o dono da Biblioteca do Castelo, além de deixar o Nino o cheirar em troca de bastante peixe e leite fresco. O Gato Pintado aceitou na hora o acordo.

Grandes Livros que o Gato Pintado lêEditar

O Gato Pintado para ser o professor do Nino ele também tem que conhecer as grandes obras de artes contidos no Livro. Eis, alguns livros famosos que ele lê:

  • Formando Campeões (Escrito pelo Parreira)
  • Formando Cabras Omi (Livro adaptado por Jeremias)
  • Técnicas Milenares de Luta (Livro editorado pelo Pai Mei)
  • Doces seduções (Livro adulto feito pela Emanuelle)
  • Os segredos de uma boa vida (Revistinha criado pelo Homer Simpson)
  • Poemas e prosas filósofas (Enciclopédia em 12 volumes criado pelo Seu Madruga)

E o livro mais importante de todos na Biblioteca:

  • Como fazer humor com besteiras da Atualidade (Livro virtual feito pela Desciclopédia)

Apesar disso, normalmente o único livro que realmente alguém lê naquela biblioteca de mais de 8 50 mil livros é uma merda que fica sempre aberta em alguma página como um amuleto. E não, não falo da Bíblia, seu ateu de merda, é um livro de poesias bizarras que nem a criança mais retardada, como o autor desse artigo por exemplo, consegue entender nada. Outros livros, em geral, quando alguém inventa de neles mexer, dá em merda, como o livro secreto que fazia as estações do ano mudarem abruptamente, mas apenas por 3 vezes e não mudando nunca mais (ih, fodeu!) ou quando pegaram um livro de folclore e o saci misteriosamente saiu das páginas do livro cuzão que nem pra segurar uma lenda no papel serve.

Veja tambémEditar