Abrir menu principal

Desciclopédia β

Genosha

Juggernaut e Tempestade trocando alguns sopapos em Genosha

Genosha é uma cidade-ilha pioneira e utópica se comparada aos Estados Unidos e quase divina se comparada a Flor do Sertão. Genosha é uma cidade com PIB percentual muito maior que o da Bolívia e que escravizava mutantes para que sua cidade se mantivesse em pé.

Quer dizer, toda pessoa que nascesse mutante seria um gigolô da sociedade Genosha e serviria café para os lordes ingleses que tomam chá das 7h lá.

Genosha mais tarde foi destruída pelos próprios mutantes e todos lá morreram. Alguns dizem que a Marvel criou Genosha como uma alusão ao Apartheid embora ninguém nunca note essas coisas pois a única coisa que se pode esperar em um gibi dos X-Men é que a Jean Grey tenha de novo mais um de seus orgasmos repentinos e que a Tempestade seja de novo atirada para a puta que o pariu por algum inimigo dos X-Men parrudão e metido a malvado.

Índice

FundaçãoEditar

Um grupo de empresários queriam pegar uma ilha qualquer no fim do mundo e construir em um grande centro comercial cheio de frescuras e pessoas que ficassem fofocando enquanto nem se davam conta que estavam em uma prisão a céu aberto.

Então eles criaram e deram o nome de Genosha.

HistóriaEditar

 
Genosha após a batalha que foi finalizada após Juggernaut ter decidido ir ao banheiro

À primeira vista, as pessoas pensavam que Genosha era apenas uma nova arma da She-Ra ou a terra do He-Man... Ou até mesmo um país ou cidade da Índia. Mas as coisas mudam quando se trata de quadrinhos da Marvel.

  Ah! A cidade é da Marvel? Por que não disse antes? Estou perdendo tempo com uma cidade inútil!  
Geógrafo sobre Genosha

Após a cidade minusciosamente ter sido cuidada, monitorada com câmeras e pronta, começaram a abrir entradas para pessoas. Só que acontecia que muitos queriam trabalhar nos ramos financeiros da cidade, e não no ramo bruto mesmo de construir casas e trabalharem como garçons e pedreiros.

Então os fundadores usaram o melhor instrumento e mão-de-obra barata que acharam: os mutantes. Foi fácil convencer os primeiros a serem escravizados, já que estavam acostumados pela sociedade apedrejar eles por serem feios.

O número de mutantes aumentou até a cidade ser ocupada por milharesdeles que eram obrigados a obedecer como escravos.

AtualmenteEditar

É apenas um amontoado de cinzas no meio do mare azul...

  Que poético...  
Alguém sobre frase acima
  Foda-se! O objetivo era ofender mesmo!  
Eu sobre minhas intenções

Ver tambémEditar