Abrir menu principal

Desciclopédia β

Golgo 13: O Profissional

Spoiler5.JPG ATENÇÃO! O texto abaixo pode conter (ou não) um ou mais SPOILERS!

Ou seja, além de deixar o artigo com mais pressão aerodinâmica nas retas e mais estável nas curvas de alta, ele pode revelar, por exemplo, que Nick Russell é revelado ser o filho de Udonna com Leanbow, que era Koragg, ou que o Michael Myers não morre.

Spoiler3.jpg
Viva a violência!!!
Porrada e muito sangue
Golgo 13: O Profissional é algo relacionado a Seinen

Este artigo tem a ver com animes/mangás muito sanguinários, onde os personagens enfrentam um mundo cruel e preconceituoso, desmembram seus inimigos ou vivem fodendo umas gostosas!
Só mesmo sendo macho pra aguentar esse artigo.


Alerta de spoiler: O artigo talvez contenha alguns spoilers, como:

Duke Togo tinha sido contratado para matar Robert Dawson pelo próprio Robert Dawson, que era suicida..

Agora que você já sabe, pode continuar lendo.
ゴルゴ13
MFk9yyG.png
A capa tosca pra caralho.
93 min.
Direção Ozamu Dezaki
Elenco Foda-se
Gênero Hitman, Assassino de Aluguel, Putaria (Em alguns momentos)
Produtora Tokyo Movie Shinsha, Tv Tokyo
Lançamento 1983
Idioma Japonês
Exibição Em algum canto do planeta (incluindo o Japão)


Cquote1.png Você quis dizer: Hitman Nipônico Cquote2.png
Google sobre Golgo 13: O Profissional
Cquote1.png He shoots... He scores... He'll blow you away! Cquote2.png
Cartaz do filme falando bosta.
Cquote1.png OPA! TEM SEXO? Cquote2.png
Otaku punheteiro sobre as cenas quentes do filme.

Golgo 13 é um daqueles filmes do tipo que passam despercebidos por você, de tão genéricos que são. Mas, basicamente, a história dessa porra se trata sobre as peripécias do rapaz Duke Togo, que, inspirado por seu ídolo assassino de aluguel Hitman, decide seguir tal carreira e ser conhecida pela alcunha de Golgo 13 (Coincidência? Eu acho que não). O filme também é conhecido por ser a primeira animação a usar CG (que, confie em mim, é asquerosa).

O FilmeEditar

 
Duke mirando em Você.

O filme começa com nosso protagonista super-carismático subindo um farol pra matar um de seus alvos (Isso em menos de 10 minutos de filme, esse cara é pica), que inclusive um tempo depois você descobrirá que se trata do filho do vilão (Ups, foi mal). Depois dessa treta, rola umas putcharias e Leonard Dawson descobre que foi Golgo 13 que matou o filho dele. Nesse processo ele contrata uns três assassinos de aluguel (sendo que um deles era um doente mental e estrupou a filha do próprio patrão, tenssíssimo). Por causa dessas tretas, Duke Togo é obrigado a fugir de lugar pra lugar e transar de mulher pra mulher (isso soou estranho, mas ok). Passa um tempo do filme, tem umas cenas de ação com carro e Golgo 13 fazendo umas kills absurdas. E Golgo 13 chega a base do vilão. Treta vai, treta vem, aparecem os tais assassinos que Dawson tinha contratado, dois deles morrem rapidinho, mas o outro não. É também nessa parte que aparece o tal CG terrível, onde uns Roflcopters são vistos passando em uma maquete de uma cidade feita de papelão. Porém foda-se isso, como nosso protagonista é foda, ele mata todo mundo. Surpreendentemente, ele consegue chegar vivo na sala do boss, onde o próprio boss tenta se matar (?). Aí começam a aparecer aqueles flashbacks dramáticos (ao maior estilo Naruto), mas como Duke Togo estava sem paciência, ele dá um tiro na cabeça de Dawson no ar, fazendo com que Golgo 13 cumprisse seu contrato. Depois disso, tudo volta ao normal e rolam os créditos ao som da Ending do filme. O filme é considerado bem mediano pela crítica, provavelmente pelo principal fato de que uma pedra tem mais emoções que o Golgo 13.

VídeoEditar

Um vídeo mostrando o CGI caótico do filme. Só pela foto do vídeo já dá pra ver tudo.