Abrir menu principal

Desciclopédia β

Graham Hill (15 de Fevereiro de 1929 - 29 de Novembro de 1975) foi um piloto de Fórmula 1 que, apesar de nunca ter tido a chance de pilotar um carro realmente bom, conseguiu conquistar dois títulos mundiais (a sua baita cara de Dick Vigarista é só uma mera coincidência). Ou seja, ele é a prova que carro não faz tanta diferença assim, e que pilotos como Rubinho e Trulli não ganham nada por incompetência mesmo.

HistóriaEditar

 
Olhando por esse ângulo, podemos perceber que Graham Hill só conseguiu ser campeão porque o seu nariz chegava antes que o bico do carro dos adversários.

Graham Hill nasceu em alguma daquelas cidadezinhas da Inglaterra que nem mesmo o Google Maps consegue encontrar. Apesar disso, diferente de todos os seus conterrâneos caipiras, que ficavam o dia todo trabalhando na roça, Graham Hill nasceu em uma família rica, que atuava no ramo da mandioca e da batata.

Como limpava a bunda com notas de 100 euros, Graham Hill podia fazer o que quisesse da vida, que iria se dar bem (até porque, se fizesse alguma cagada no serviço, bastaria molhar a mão dos prejudicados com algumas verdinhas). Depois de muito filosofar no banheiro, Graham Hill chegou a conclusão de que queria ser um piloto, pois invejava os pilotos que, após as corridas, sempre conseguiam beber muito champagne e comemorar com algumas gostosas.

Tendo dinheiro em mãos, entrar no mundo do automobilismo foi bastante fácil. Tudo que ele precisou fazer foi mostrar as suas "habilidades" para os diretores da equipe, que ficaram extremamente entusiasmados com todo o "talento" de Graham Hill. Em suas primeiras corridas, Graham Hill foi um desastre completo, pois batia em tudo, menos na zona de pontuação. Porém, após alguns meses, ele já tinha pegado prática, e começou a marcar incríveis dois pontinhos por corrida.

No final da temporada, Graham Hill não conseguiu o título. Na verdade, ele sequer conseguiu ficar entre os dez melhores da temporada. Mesmo assim, ele recebeu uma proposta da Lotus. Obviamente, como correr na Lotus era melhor do que continuar correndo com os karts fudidos que se arrastavam pela pista, Graham Hill aceitou, e estava pronto para iniciar a carreira, mesmo já tendo quase 30 anos nas costas.

Carreira na Fórmula 1Editar

Apesar de todo mundo estar esperando uma grande temporada de Graham Hill, ele decepcionou a todos, e não conseguiu marcar sequer um pontinho. Mesmo assim, ele conseguiu animar todos os fãs da Fórmula 1, pois com as suas batidas espetaculares, ele sempre proporcionava um belíssimo espetáculo pirotécnico.

Na temporada que se seguiu, Graham Hill continuou com esse espírito circense, e passou a temporada inteira batendo em todo mundo e causando o caos nas pistas. Mesmo assim, a Lotus ainda queria investir em Graham Hill, pois apesar dele não conseguir ganhar nada, ele era excelente para atrair patrocinadores!

Em sua terceira temporada, como que por bruxaria, Graham Hill mudou completamente o seu comportamento, e começou a correr de verdade. Por conta disso, ele, que há poucos meses era apenas um figurante que ficava batendo lá na zona intermediária, conseguiu vencer a temporada.

Na próxima temporada, Graham Hill conseguiu vencer outra vez a temporada, talvez porque tenha subornado todos os adversários. Mas os métodos usados não são importantes. O que realmente importa é que ele conseguiu ficar registrado nos anais da Fórmula 1 como um grande campeão.

Depois do segundo título, Graham Hill acabou diminuindo o ritmo, até porque ele não precisava mais se arriscar correndo muito, pois já tinha ganhado na categoria dinheiro suficiente para passar o resto da vida vivendo como um sultão.

Mesmo não tendo mais grande interesse nas competições, Graham Hill continuou correndo apenas para fazer figuração e completar o grid de largada. Depois de alguns anos, ele saiu da Lotus e foi correr em alguma equipe figurante por aí. Como ela não tem nenhuma importância, nem iremos mencioná-la.

AtualmenteEditar

Depois de ter se aposentado, Graham Hill começou a aproveitar a vida, ao lado de algumas gostosas que sõ estavam interessadas em seu dinheiro.

Em uma certa tarde, enquanto estava pilotando o seu jatinho particular, Graham Hill, que não entendia nada de aviação, acabou perdendo o controle de seu avião e caiu na mesma floresta que os Mamonas, e morreu. Ninguém nunca achou o corpo, talvez porque ele tenha sido devorado por alguns leões famintos. Dessa forma, acabou a vida do grande milionário e campeão da Fórmula 1 Graham Hill.

v d e h
Pilotos da Fórmula 1