Abrir menu principal

Desciclopédia β

Guaratinguetá Futebol

Guaratinguetá Futebol
Escudo do Guaratinguetá.png
Brasão
Hino Já fui embora!
Nome Oficial Americana Corporation Football Ltda.
Origem link={{{3}}} São Paulo- Americana
Apelidos Marrecos do Vale
Torcedores Emos, Góticos e gays
Torcidas Inexistentes
Fatos Inúteis
Mascote Marreco
Torcedor Ilustre A garça da nota de 5 reais
Estádio Ninho da Avestruz
Capacidade 20.000 boias frias e 15 tratores
Sede Sítio do seu Carlito - Criação de Garças e Aves
Presidente Senhor Otto
Coisas do Time
Treinador Muda toda semana
Pior Jogador Nuvola apps core.png Uns 22
Melhor Jogador Crystal Clear action bookmark.svg.png Richarlyson
Patrocinador Sacolão Pereira e bar do seu mesquita
Time
Material Esportivo Cebolinhas Division
Liga Campeonato Brasileiro
Divisão 2º divisão
Títulos Horta Festival
Ranking Nacional 154380 colocado
Uniformes



Cquote1.png Você quis dizer: Guaratinguetá Cquote2.png
Google sobre Guaratinguetá Futebol
Cquote1.png Vocês trairam o movivento da garça, véio! Cquote2.png
Dado Dolabela sobre Americana FL
Cquote1.png Obaaaaaa, não serei mais freguês... Cquote2.png
São José Esporte Clube ao descobrir que o Guará já era.
Cquote1.png Eu Tambem me livreu ebaaaaaaaaaaaaaaaaa Cquote2.png
E.C Taubate

Guaratinguetá Futebol Ltda., ex-Guaratinguetá Futebol Ltda., ex-Americana Futebol Ltda., também conhecido popularmente por ex-Guaratinguetá, ex-Americana, Guaratinguetá é o time mais odiado do interiorrrr que no ano de 2008, na cagada, chegou as semifinais do Paulistão e agora está rebaixando adoidadamente e falidamente. Seu maior sonho é disputar o Brasileirão, ( principalmente do dono, pois assim encheria as contas bancarias) coisa que segundo Nostradamus, acontecera em 3567.

Pelo menos venceu a cambada de porco por 3x0 mas graças a Deus foi eliminado pela Ponte Rosa. Terminou em primeiro lugar do Paulistão não se sabe como. Tudo que se sabe é que ninguém nunca tinha ouvido falar nesse time.

O Guaratinguetá como é conhecido na mídia nunca disputou um Campeonato Brasileiro, nunca ganhou nada e nunca jogou no Maracanã, o templo mundial do futebol. coisa que o São José EC já fez e com vitórias, fato esse que mata de inveja os torcedores (cerca de 500 vagabundos) que sonham um dia ser igual ao principal time do Vale do Paraíba (região nobre e poluída do estado de São Paulo).

O guaratinguetÁ é ruim, mas passou em poucos anos toda historia dos outros clubes do vale do Paraíba. Taubate e SJC só tem pessoas nojentas e metidas a besta, as quias comem ovo com pão e tentam arrotar caviar.

Índice

HistóriaEditar

FundaçãoEditar

Antigamente conhecido como Esportiva Futebol Clube, o Guarantiguetá foi vendido faliu em 1998 e no mesmo ano os empresários Carlos Arini e Sony Alberto Douer mudaram o nome do time recém-comprado fundaram o Guaratinguetá Futebol Ltda., que eles próprios definem como um "clube-empresa" (com o detalhe de que o próprio nome soa bizarramente como uma fabrica de material esportivo).

Tal fato foi encarado pela torcida formado na maioria por desiludidos, como um ressurgimento do time, visto que qualquer coisa era melhor do que continuar no buraco que estava o time antes de sua venda. Dessa maneira a larga (e arrombada) maioria da torcida achou melhor ver seu time ter um nome de fábrica de material esportivo do que continuar sendo o saco de pancadas da 5ª divisão do paulista.

AscensãoEditar

Depois de deixar de ser a putinha da Série C do Campeonato Paulista por 45 anos, o time mudou de nome e fez de conta que foi fundado em 2000, ano em que finalmente chegou na Série A1 do Paulistão (porra, como que um time desses chegou na semifinal do Paulistão, caralho?!?!), o Guaratinguetá luta para sair do amadorismo (e da Quarta Divisão) e finalmente ingressar na Terceira Divisão do Campeonato Brasileiro, aonde o mesmo espera em 2009 enfrentar os times grandes.

O que já era uma bosta ficou pior ainda! O Guaratinguetá mudou para Americana (uma cidade tão ou mais caipira que Guaratinguetá). Assim serão realizados os sonhos de seus donos que é ter o time mais bosta de todos os tempos, tal que Americana fica na região paulista campineira (Campinas) conhecidíssima pela alta concentração de gays (eu) e afins.

Série A1 de 2007 e 2008Editar

Na sua estreia na Série A1 do Paulistão, ficou num honroso 10º lugar. O destaque porém foi o título do campeonato do interior, disputado entre os times piores colocados do torneio, título este que ninguém dá valor, pois até a Ponte Preta já o tem. No ano seguinte, em 2008 fez o maior feito do time, que foi terminar em primeiro no Paulistão com direito a vencer Palmeiras no processo. Todavia teve toda a chance de amarelar e assim o fez, eliminado na semi-final para a irrisória Ponte Preta, que obviamente perdeu a final para o mesmo Palmeiras que havia sido derrotado pelo Guaratinguetá.

Série C do Brasileirão de 2008Editar

Pela primeira vez num torneio nacional, destacou-se na Série C pela sua campanha mediana a que ninguém deu bola mas que valeu a permanência na divisão inferior.

Série A1 de 2009Editar

Apenas 1 ano depois de liderar o Campeonato Paulista, transtornado em ser eliminado pela porcaria da Ponte Preta, o time do Guaratinguetá entrou em depressão e nunca mais foi o mesmo. Após uma campanha horrível rebaixou graças ao critério de desempate.

Copa do Brasil de 2009Editar

Compôs número na Copa do Brasil de 2009 onde não passou da Segunda Fase. Até criou falsas esperanças ao empatar de 2x2 com o Atlético Mineiro, mas depois perdeu de 2x0 e deu adeus.

Série C 2009Editar

Na Série C de 2009 ganhou acesso para a Série B mesmo nem chegando na final, graças ao fato de enfrentar na competição apenas times cariocas e gaúchos, que apesar de toda marra, são mais falidos que qualquer time nordestino.

Série A2 de 2010Editar

Em 2010 passeou na Série A2 numa tentativa de conquistar pelo menos um mísero título, mesmo que fosse o da série A2 paulista. Até conseguiu subir de divisão, mas o título não veio, pois o Guaratinguetá não possui vocação para tal.

Série B 2010Editar

Por 1 ponto não rebaixou, mas também, o Brasiliense que ficou atrás do Guaratinguetá já havia vendido todo o clube e desistido da permanência na Série B.

Mudança para AmericanaEditar

No ano de 2011 o Guaratinguetá muda-se para a cidade de Americana e altera o nome para Americana Futebol Ltda. Justamente por ser um time-empresa, o Guaratinguetá pouco se lixa para torcida, média de público ou cidade sede, importa é ter alguma prefeitura trouxa bancando os cofres do presidente e seus jogadores que tem como função serem vendidos o mais rápido e o mais superfaturados possíveis.

A campanha do Americana na série B foi razoável, e do começo ao fim sequer teve chances de acesso ou de rebaixamento, exatamente como o clube pretendia ser (embora tenha falhado em 2013 e rebaixado para a Série C).

Retorno à GuaratinguetáEditar

No ano de 2012, após sugar toda prefeitura de Americana, volta à Guaratinguetá com o rabo entre as pernas na maior cara de pau, e se a torcida já era pequena, agora que não iria mais apoiar um time andarilho desses, portanto começou a já anunciada decadência do Guaratinguetá, que foi rebaixado para a Série C do brasileiro e para a Série A2 do Paulista, e disputa apenas com o Guarani o posto de time pequeno mais falido e endividado.

Série A2 do Paulistão 2015Editar

O time do Guaratinguetá que ficou marcado pra história sem dúvida foi o elenco de guerreiros de 2015. Sem salário, sem estrutura e sem vontade de jogar futebol, a equipe fez uma campanha notável que dificilmente será esquecida. Após 19 jogos a equipe criou um invejável saldo de 18 derrotas e apenas 1 vitória, tornando-se a equipe rebaixada para a Série A3 do Paulistão com a maior quantidade de rodadas de antecedência de toda a história (matematicamente o time foi rebaixado com 8 rodadas de antecedência, e virtualmente foi rebaixado com 15 rodadas de antecedência).

A única vitória foi sobre o Matonense, penúltimo neste campeonato e também rebaixado.

Série C de 2015Editar

Após um campeonato estadual ridículo, o resquício de diretoria do Guaratinguetá tomou vergonha na cara e fechou o clube, deixando apenas peladeiros aleatórios quaisquer para apenas cumprirem tabela na Série C de 2015. O resultado, claro, foi o esperado: 9 derrotas nos primeiros 9 jogos.

Porém um acidente terrível aconteceu no meio do rumo certo a mais um rebaixamento, o Guaratinguetá se deparou com outros dois times incrivelmente ainda mais falidos e ainda mais sem torcida, o Caxias e o Madureira, ambos rivais que não venceram um jogo sequer, e como só haviam duas vagas para a Série D, o Guaratinguetá infelizmente não conseguiu rebaixar, o que levou a ex-diretoria à loucura, porque isso significa mais trabalho em 2016, algo terrível.

O Guaratinguetá não pode nem negociar trocar a vaga de rebaixado com o Águia de Marabá, penúltimo e também rebaixado no outro grupo. Só que o clube paraense foi pior que o Guaratinguetá também.

Série C 2016Editar

Após o ridículo ano de 2015, o Guaratinguetá jogou a Série C de 2016 sem nenhuma pretensão, apenas para cumprir tabela. Após as 5 primeiras rodadas os torcedores desanimaram de ir ao estádio após várias goleadas humilhante sofridas. A torcida estava totalmente desanimada e parou de ir ao estádio EMO Rodrigues Leite que passou a registrar públicos de apenas 3 a 4 emos. Sendo assim foi miseravelmente rebaixado à serie D somando grandiosos 4 pontos.

EstádioEditar

O estádio dos GAYratingueta (da prefeitura) foi construído numa cratera onde caiu um meteoro a 5 bilhões de anos atrás, junto veio um vírus EMO e homossexual que tornou a cidade no principal centro emo do mundo, a cada 5 habitante 6 são emos. tem capacidade para 15 mil torcedores , 7500 sentados e 7500 no colo, em cima do muro cabem mais 5 mil que assistem ao jogo sem pagar e ainda tem uma visão privilegiada, pois o campo fica a 30 metros de desnível com a rua.

TorcidaEditar

Outro grande sonho da torcida é fazer um grande festival no estádio Dario Emo Leite (emodromo) com NXZERO & GOODCHARLOTTE ( as 2 maiores bandas emos do mundo) em comemoração a qualquer título que eles ganhem, coisa que segundo Nostradamus ( de novo) acontecera em 3567 ( de novo ). Mas a torcida deste medíocre do futebol é tão ridícula, que ainda se há dúvidas se é o pior do Vale do Paraíba, de Guaratinguetá ou até mesmo do bairro.

TítulosEditar

  • 18 derrotas em 19 jogos da Série A2 do Paulistão de 2015 um feito que jamais outro time repetirá
  • Permanência na Série C de 2015
  • Extinção um pouco parecida com a dos dinossauros
  • Abandono de sua cidade natal Guaratinguetá para ir para EMUricana ganhar algumas esmolas da prefeitura.
  • Último colocado na Série C com apenas 4 pontos conquistados (em 2016, superando o recorde que parecia imbatível do Rio Branco do Acre fez 6 pontos em 2013).