Abrir menu principal

Desciclopédia β

Há Tempos

Este artigo é sobre um HIT!

É uma música chata, repetitiva e seu vizinho adora. SOLTE O SOM!

Music madonna.jpg
Bob marley.jpg Há Tempos dá um tapa na pantera!

Por isso ninguém entende o que ele(a) diz!

Clique aqui se você quiser dar um tapa também.

Só parece com aquilo que você pensou, mas é só tristeza, amigão!

Há Tempos é mais uma música do Legião Urbana e expressa bem a filosofia Renato Russiana, que deseja levar as pessoas a se perverterem e usarem dorgas com a desculpa estapafúrdia de ser "só tristeza". Ao longo desse artigo sério e bem concentrado, vocês verão o que é perversão mental. Em pedaços.


O CONTEÚDO ABAIXO É SÉRIO!
Ou talvez não, talvez o criador desse artigo copiou o código da {{Sério}} só pra assustar você


Análise do conteúdo filosóficoEditar

Parece cocaína
Mas é só tristeza (ai o Renato Russo está dando desculpinha pra polícia sobre o pó que ozomi acharam)
Talvez tua cidade (a partir daí o resto da música já é sob efeito da "tristeza")
Muitos temores nascem
Do cansaço e da solidão (cheirar pó sozinho dá nisso, tá vendaê? Você começa a ver coisas e nunca dá certo)
Descompasso, desperdício (pó é um gasto foda mesmo)
Herdeiros são agora
Da virtude que perdemos... (QUEM SÃO ESSES, PRA EU PEGAR DE VOLTA DESSES USURPADORES FDPS?)

Há tempos tive um sonho
Não me lembro, não me lembro... (então não cite o sonho, porra, se não se lembra vai citar pra quê?)

Tua tristeza é tão exata (como se mede tristeza? Por Ohms ou por metro é que não deve ser né?)
E hoje o dia é tão bonito (momento emo)
Já estamos acostumados
A não termos mais nem isso... (pior que é, é foda, poluição ferra tudo)

Os sonhos vêm e os sonhos vão
E o resto é imperfeito... (outro momento emo... deve ser efeito da cocaína)

Dissestes que se tua voz
Tivesse força igual
À imensa dor que sentes
Teu grito acordaria
Não só a tua casa
Mas a vizinhança inteira... (É, a dor dessa mina deve ser tensa, ou a voz dela que é altona mesmo)

 
Um pobre cão com ferrugem no sorriso.

E há tempos
Nem os santos têm ao certo
A medida da maldade (outra coisa que não sei como mede, nem os santos, como ele mesmo disse, sabem como medir)
E há tempos são os jovens
Que adoecem (ficam na putaria sem camisinha e pegam DST, é pra se foder mesmo! Literalmente...)
E há tempos
O encanto está ausente
E há ferrugem nos sorrisos (o povo não escova os dentes, dá nisso)
Só o acaso estende os braços
A quem procura
Abrigo e proteção... (forever alone feelings)

Meu amor!
Disciplina é liberdade
Compaixão é fortaleza
Ter bondade é ter coragem (Frases ótimas de menininhas de Facebook!)
Ela disse:
"Lá em casa tem um poço
Mas a água é muito limpa..." (Sorte que aqui a música acaba, pois como vocês podem ver, o pó já consumiu o cérebro do Renato)


  Esse artigo é sobre a filosofia Renato Russiana!
E deve estar cheia de coisas que nem os outros membros da Legião Urbana conseguiam entender...
Faroeste Caboclo - Há Tempos - Metal Contra as Nuvens - Teatro dos Vampiros - Pais e Filhos - Tempo Perdido - "Índios" - Geração Coca-Cola - Eduardo e Mônica