Abrir menu principal

Desciclopédia β

Hector Berlioz


Hector Berlioz foi um compositor francês, um pirralho aos olhos da música clássica, ele nasceu na França, em A com bolinha em cima, que fica na Noruega. Um nascimento francês em uma cidade na Noruega só podia acontecer naquela época. Hector Berlioz sempre foi rebelde e tirou todas as expectativas de seus pais sobre ele.

Índice

InfânciaEditar

 
"Seu pintor idiota! A fez Vesga! Ela não é vesga! IMBECIL! Vem cá amor, você vai ser pendurada no meu escritório!"

Hector tinha nascido para ser médico, o seu pai era um e queria que ele fosse médico como aqueles que se encontra na esquina, esse era o seu pai. Na época ele nunca tinha entendido direito o pai dele. Apesar dele dizer que era "Profissional Médicu" ele nunca entendia porque ele não tinha um consultório então, ou por que as vezes ele pedia o banheiro da casa deles emprestado para consultar UM cliente.

Um cliente no masculino.

O pai queria que ele se tornasse também médico pois já tinha os seus contatos e tinha o "gene". Acontece que Hector gostava mais de música e fugiu de casa onde estava estudando com o pai a "Anatomia Básica" para ele aprender música.

Assim o pai dele, revoltado, disse:

 Quando você não tiver mais dinheiro e for obrigado a vender o corpo e ainda estiver com a bunda assada não venha falar comigo! 
Pai de Hector Berlioz

A infância dele refletiu muito em suas músicas.

Início de CarreiraEditar

Nunca teve um instrumento físico pelo jeito. Afinal em suas biografias só falam de sua composição, provavelmente ele era um Maestro ou alguma coisa assim.

A primeira composição dele foi a... Bem na verdade não se sabe o nome da primeira música mas se tem ela por aí, só comprar um CD dele, quando ele lançou a segunda música dele, em 1830, ele acabou estourando e sendo reconhecido por toda a europa, sendo levado a Turnê para a Áustria e Mônaco.

Foi apontado como a revelação do ano de 1830 até 1835, alguns críticos disserram que foi por falta de pessoas a serem lançadas.

Seja como for, Hector era um amante de teatro e o frequentava bastante, isso iria interfirir em uma de suas maiores obras.

MulheresEditar

 
O grande amor de Hector Berlioz que interpretou Julieta e uma mulher em Otelo ele fez duas músicas em sua homenagem e a perseguiu por 3 anos até descobrir que ela não o queria... Os padrões de beleza da época eram esses?

As mulheres sempre interferiram na música dele. A que mais interferiu foi uma atriz irlandesa que pouco importa o nome, só se sabe que ela fez a Julieta na peça de Shakespeare e que também ela fez uma personagem em Otelo, só não se sabe qual. Hector se mostrava bastante "refinado" para gostar de uma atriz, então ele pensou:

  Vou fazer uma músiquinha legal para ela e então chegarei na terceira base  
Hector Berlioz sobre Seu plano

Ele lançou duas músicas para ela, em uma foi "The Fantastiquè Sinfony of the Collins", mas depois dela não ter entendido a indireta do compositor (isso talvez prove que ele mal conhecia a atriz) ele fez uma música bem direta cuja nunca foi lançada em um álbum dele ou em uma turnê.

Ela foi tocada em Dublin onde a atriz residia e foi quando ela tinha sido convidada para um concerto de Hector, então ele foi bem direto: "Dear Hariet, Hariet Dear/ If you can/ You can give to me well / if you don't understand / english very well / but i gonna to "resumir" / i wanna eat you *****".

Isso foi o bastante para que Hector fosse acusado de Atentado ao Pudor e de Assédio Sexual além de mensagem subliminar.

Então ele concluiu que o seu amor platônico com a atriz não passava de um romance não correspondido, como era de se esperar.

Pós-confusãoEditar

 
Hector esbanjando alegria após seus dois casamentos.

Ficou bem turbulenta a sua vida pessoal após esse causo com a atriz irlandesa, ele teve duas esposas que eram mais "facinhas" e se deixaram levar por suas homenagens, fez várias composições até que foi acusado de ter envenenado secretamente a sua primeira esposa para se casar com a outra.

Mais tarde foi a vez dele morrer depois de 12 anos do seu primeiro casamento.

Era para ele ser enterrado em Paris (sempre lá) só que aconteceu de a carroça que o estava levando ter caído em um rio na Bulgária (o mesmo rio onde Albinoni tinha caído) e seu caixão ter desaparecido, então resolveram encher o caixão de pedras para pensarem que ele ainda estava lá e não matarem os transportadores.

Não foi lá muito digno. Seu caixão foi encontrado na Grécia, na beira de uma praia de Meteora.



v d e h
  ♫♫♫ Compositores da Música Erudita ♫♫♫

AlbinoniBachBalakirevBarberBartókBeethovenBelliniBerliozBeyerBizetBoccheriniBorodinBrahmsBrucknerCarlos GomesChopinClara SchumannCorelliCuiDebussyDelibesDonizettiDenzaDukasDvorakElgarFauréFučíkGambolputtyGluckGounodGriegHandelHaydnHolstJoplinKhachaturianLeoncavalloLisztMahlerMascagniMassenetMendelssohnMonteverdiMontiMozartMussorgskyOffenbachOrffPachelbelPaganiniPalestrinaPeppinoPonchielliProkofievPucciniPurcellRachmaninoffRavelRichard StraussRimsky-KorsakovJuventino RosasRossiniRubinsteinSaint-SaënsSalieriSatieScarlatti PaiScarlatti FilhoSchoenbergShostakovichSchubertSchumannSibeliusSmetanaSousaStrauss FilhoStrauss PaiStravinskySuppéTartiniTchaikovskyTelemannVerdiVilla-LobosVivaldiWagnerWaldteufelWeberZappa