Abrir menu principal

Desciclopédia β

Irani

Índice

Irani

"Fim de mundo" Maias sobre Irani

"Cidade" Os colonos que vivem ali sobre Irani

"WTF?" Memes sobre Irani

"Pólo Norte" Google Maps sobre Irani


  Irani é uma pequena cidade desconhecida.
Você pode estar perdendo seu tempo à-toa ao ler sobre essa joça.
Pra pegar sinal de TV aqui, só com antena parabólica.

 
 
Para morar em Irani você tem que botar "Contestado" em todo o lugar que vai, as 10 ruas de lá, por exemplo, tem o nome dos CABOS do vigésimo sargento de Garibaldi, se tivesse isso ainda...

Irani é uma cidadezinha do oeste catarinense, há várias probabilidades essa cidade aqui, por exemplo, tem chances de você nunca saber que esse artigo existe além de outras ironias como a que a cidade tem como destaque ter plantado 1 milhão de árvores e seria 300 mil por mês, mas que raio de cidade fica contando esses números? E ainda quer que esse seja o seu destaque? Pois é exatamente isso que Irani, apesar de que o turismo de outras cidades tiram de letra a de Irani.

Seja como for, essa cidade não foi fundada por indígenas e sim por europeus que aceitaram a modinha de você dar nomes indígenas para cidades que deviam ser europeias, mas ninguém sabe que há um pouco de preconceito nisso pois as cidades com nomes indígenas não crescem bastante... NO OESTE CATARINENSE! Tá mentira, a cidade é uma merda mesmo se não como Blumenau e Itajaí cresceram?

Simples, elas não são cidades do oeste!

História

Muitos Iranienses ou seja lá como os estrangeiros chamam os guaxinins que vivem na área são moradores de uma distinta cidade de 10 ruas de terra e uma avenida principal que todos chamam de "avenida principal", ela foi fundada como a mais importante pois foi lá em que Anita Garibaldi resolveu parar para correr para uma moita.

A cidade de Irani, Iranão, Iranem seja lá qual é o nome da moita, pois foi isso que Anita Garibaldi gemeu quando estava na moita "IRANIIIIIIIIIIIIII" e então resolveram dar esse nome para a cidade, mas na verdade Irani era o nome de Garibaldi e pelo jeito o trabalho não foi fácil e ainda ele gemeu aliviado no final.

A verdade é que Garibaldi estava indo em direção ao oeste do Rio Grande do Sul para fazer algo interessante, algo que eu não quero procurar na Wikipédia.

Seja como for, com certeza essa cidade está pobre em história do mesmo jeito. Garibaldi só parou com a sua tropa para correr a uma moita e mais tarde aquele lugar seria considerado a prefeitura local, hoje os Iranienses batem com orgulho no peito por sua bela prefeitura caindo aos pedaços

Aconteceu algum conflito da guerra por aqui?

Não exatamente, depois que Garibaldi arreou as calças e encontrou-se com a tropa de Anita Garibaldi eles resolveram passar alguns dias na região até que a coroa, ou o imperador, tanto faz, resolvesse responder a sua carta de separação do estado de Santa Catarina do resto do Brasil (se isso pareceu absurdo foi por culpa do autor que não quis olhar a wikiédia).

Porém, em resposta, a guarda real só tentou ir para lá não para responder a carta mas sim para batalhar, então sendo assim a cidade teve uma batalha, algo que devemos considerar.

MAS mesmo tendo um conflito, anos depois foi descoberto que mais ou menos na região de Concórdia que ocorreu esse conflito, então o único museus da cidade e que possuía todas as lembranças da guerra do contestado e também a fonte de todo o investimento da cidade (e a maioria do investimento pessoal do município) acaba se tornando inútil.

E assim, a cidade de Irani que nunca foi famosa fica pior ainda muito triste pois perdeu o seu significado, a sua história, o seu entusiasmo e tudo mais....

Hoje

A cidade pode ter playboyzinhos e essas coisas que só um João Ninguém que mora nessa cidade conhece, então pesso que contribua o seu impressionante conhecimento que adquiriu na cidade de <insert the name here> (que eu não sei nem mais o nome da cidade) e... ah sim! Me esqueci! Nem tem escola aí! MWAHAHAHAHAHA!.

Sem contar que 98% das pessoas que tem internet em casa, SIM eu disse internet, poisé essa desgraça chegou lá, o povo já era tudo vagabunds, e essa praga veio para acabar de vez com a puca voya que o pessoal tinha. Mas como eu estava falando, as pessoas que tem internet, primeiramente ficam mandando aquelas desgraça de corrente no orkut, elas clicam nos links que enviam pra elas por email, e os fdp mandam automaticamente pra toda sua lista de contatos, não é a toa que vortimeia os cara que sabem formatar os computador ganham altas grana com esse povo ingenuo. Antes de começar conversar com alguém novo no seu msn pergunte se ele é de Irani, se for, véi na boa eu excluiria logo pq os pessoal la são tudo interesseiro. 89% das mina que se acham gostosona já tudo ganharam cria, e já tão na segunda gestação, e praticamente nunca é do mesmo tchô. Troca de casais por lá é o que mais se vê, os cara trocam aí tudo na boa.

Mas o que mais pode ser visto em Irani são os mala, os filhinho de papaiz, que tem que vender até seus imóveis [a casinha do cachorrinho e tudo] pra poder pagar os carros que os seus filhos querem ter. Os bicho tipo podem até morar em baixo da ponte, mas o carro tem que ser do ano.

A cidade tem grandes eventos, como o FIMUSI ou FIMOSE sei lá... onde reúnem-se grandes e pequenas pessoas para mostrar seus talentos musicais, interpretando clássicos da mpb como "Éguinha pocotó" onde quem interpretou já chegou a ganhar o 1º lugar. Tem também uma feira de Bovinos, que na realidade junta um pessoal bem "estranho" [e quem não é estranho nessa cidade??] onde os mesmos sendo menores de 18 e muitos menores de 10 anos enchem a cara com uma bebida muito doida conhecida como "Capeta" a qual deixa esses indivíduos muitcho loucos, e os mesmos se dipõem a dançar loucamente e a fazer competições como quem fica com mais em menos tempo. [Ficam e fincam... atrás das moitas].

A cidade também é muito movimentada quando acontece o tal "Arrancadão" no Sítio dos Zenatti, que fica bem localizado no meio do mato. Porém toda vez em que este evento é marcado, neste dia pode ter certeza que irá chover. É por isso que é decidido realizar este evento em épocas de secas.

Aos sábados de noite é possível ver muitos jovens fumando e bebendo digo, se divertindo nas ruas da cidade, principalmente na frente da igreja Matriz. E nos domingos é possível ver algumas almas durante o dia, mas só se você tiver sorte. As pessoas não gostam de ser vistas na rua, pois tem vergonha que algum conhecido seu descubra que ele mora em Irati.

Irani é um grande pedaço de bosta grande pedaço de estrume. AVISO: Se for morar em Irani lembre-se de não contar a ninguém. Em 1950 Hoje a economia de Irani se basseia na criação de porcos, frangos e do setor industrial que planta batatinhas. Também não posso esquecer da plantação de Erva Cannabis Erva-Mate para exportação para grandes metrópoles como Água Doce, Piratuba e Ipumirim.