Abrir menu principal

Desciclopédia β

Itaipuaçu

Quevedo25on.gif Este artigo trata de coisas que nón eczisten!

Este artigo trata de algum mito, lenda, conto, história de pescador ou desculpa esfarrapada. Tome cuidado, pois você pode espirrar e ter sua alma levada pelo capeta caso alguém não fale saúde.

Rioband.jpg Coé, merhmão, eshte arhtchigo eh CARIOCA!

Não vandalize, senão a chapa vai ficarh quentche, cara. Agora deixa eu irh na praia pegarh um bronze nesse sol de 50 graush, comendo unsh bishcoitosh.

Cquote1.png Você quis dizer: Terra do Nunca. Cquote2.png
Google sobre Itaipuaçu
Cquote1.png Você quis dizer: Lugar Nenhum. Cquote2.png
Google sobre Itaipuaçu
Cquote1.png Você quis dizer: Tão Tão Distante. Cquote2.png
Google sobre Itaipuaçu
Cquote1.png Eu pego muita mulher gata aqui! Cquote2.png
Habitante local, omitindo duas verdades sobre Itaipuaçu.
Cquote1.png Isso Non Ecziste! Cquote2.png
Padre Quevedo sobre Itaipuaçu.
Cquote1.png Enquanto o chaves respira, morre um motoqueiro em itaipuaçu. Cquote2.png
Professor Girafales sobre Itaipuaçu.
Cquote1.png A festa da 70 foi demais! Cquote2.png
Pinóquio sobre um evento de Itaipuaçu.
Cquote1.png Isso não existe! Cquote2.png
Qualquer um sobre Itaipuaçu
Cquote1.png Eu nunca vi!!! Cquote2.png
Stevie Wonder sobre Itaipuaçu
Cquote1.png O meu Terceiro Filme foi gravado lá. Cquote2.png
Jack Sparrow sobre Itaipuaçu.
Cquote1.png Na União Soviética, a lama enfia o pé em VOCÊ! Cquote2.png
Reversal Russa sobre ruas de Itaipuaçu
Cquote1.png Aqui eu encontrei minha carametade. Cquote2.png
José Cornomanso sobre Itaipuaçu
Cquote1.png Nesse lugar de outro mundo você vai encontrar uma turminha irada que vai viver grandes aventuras para chegar à civilização. Cquote2.png
Narrador da Sessão da Tarde sobre Itaipuaçu.
Cquote1.png Nem eu sei como sair desse lugar! Cquote2.png
Mestre dos Magos sobre Itaipuaçu.
Cquote1.png Minha casa... Cquote2.png
E.T. sobre Itaipuaçu.
Cquote1.png Cliper? Isso é um refrigerante? Cquote2.png
Você sobre bebida que só existe em Itaipuaçu
Cquote1.png Eu moro em Itaipuaçu, não Inoã, viu? Cquote2.png
Morador de favela Inoã sobre lugar onde mora
Cquote1.png Nossa! É maior que o meu! Cquote2.png
Clodovil sobre buracos de Itaipuaçu
Cquote1.png Eu amo esse morar nesse lugar. Cquote2.png
Masoquista sobre morar em Itaipuaçu
Cquote1.png cara não tem locadora nem lan house. Cquote2.png anonimo sobre itaipuamerda itaipuaçu*

Itaipuaçu é um continente perdido que atualmente se encontra em Maricá. No passado fazia parte do inexistente estado do Acre, mas, após um evento cataclísmico, foi transportada par uma região conhecida como Limbo, que fica no meio do caminho entre Niterói e a região dos lagos.

Pré-requisitos para morar em Itaipuaçu, sem falir, ou ficar louco:

- Possuir um carro de titânio, com rodas aro 20 de aço cirúrgico. - Ser aposentado. - Não ter histórico de nenhuma doença nos últimos 20 anos. (Pois não existe hospital em 30 km) - Ser casado, e muito bem casado. - Caso seja solteiro, não estar disposto a encontrar alguém que preste. - Ter bom equilíbrio emocional, perante solidão extrema.

Índice

OrigensEditar

 
Vestígios de tecnologia acreana em Itaipuaçu.
 
Elefante que desafiou Chuck Norris.

Itaipuaçu é um tipo de mundo alternativo distrito do pseudo-município de Maricá, que, segundo as lendas, fazia parte do inexistente estado do Acre, mas que, por uma razão incerta, foi deslocado para sua atual posição. O nome Itaipuaçu sofrerá uma pequena mudança de hortografia pela administração Qua Quá: passara a ser escrito sem o cedilha e com acento agudo na ultima vogal. Ficará portanto assim: ITAIPUACÚ. Dizem que tudo começou quando um elefante gigante desafiou Chuck Norris para uma briga.

Itaipuaçu, hoje município de Itaipuacú, é conhecido (?) por ser refúgio de migrantes em fuga da violência do Rio de Janeiro. Recém chegados no bairro (conhecidos como "Os iludidos") são facilmente identificados, pelo fato de proferirem elogios quanto à Itaipuaçu. Com o tempo, tais habitantes, percebem que não poderão mais sofrer infartos, fraturas expostas, ataques cardíacos, derrames, síncopes, hemorragias, ou coisas do gênero, devido à distância de anos-luz de um hospital mais próximo.

LocalizaçãoEditar

 
Tecnologia de Transporte Dimensional da Nª Srª do Desamparo

Pouco se sabe sobre o atual paradeiro desse continente perdido, e talvez se encontre algum lugar no meio do caminho entre Niterói e a região dos lagos, no Limbo, no mundo do Mestre dos Magos, depois de onde o vento faz a curva, onde Judas perdeu as botas ou, ainda, em Maricá (essa última hipótese, embora menos provável é a mais aceita pela comunidade científica).

O único acesso a esse mundo perdido é pela tecnologia de viagem dimensional da Empresa de Naves Espaciais Nossa Senhora do DesAmparo. Sabe-se que esta á a única empresa do mundo que tem autorização da NASA e do Star Gate para usar essa tecnologia. Provas de seu uso são a imensa quantidade de ônibus que vão de Maricá para o Rio de Janeiro pela manhã, nunca voltam, mas, ainda assim, passam de novo no dia seguinte.

O único outro jeito conhecido de se chegar nesse lugar é escalando as montanhas da serra de Itaipu, atravessar o portão mágico que lá fica e depois descer a montanha e chegar lá. Ou você pode pagar dois real para pegar uma Kombi que faz todo esse trajeto, o que seria menos interessante.

PopulaçãoEditar

Grande parte da região é habitada por pobres não-assumidos. Facilmente encontrados no local, estes nativos são identificados por possuírem carros importados semi-novos em busca e apreensão e por serem desprovidos de carteira de habilitação, ocasionando uma alta taxa de mortalidade no trânsito. Tais veículos, produzem um alto efeito sonoro, devido ao funk "tocado" nas alturas. Pesquisadores da fauna local dizem que tais ruídos desagradáveis fazem parte de um ritual de acasalamento, como atração de fêmeas (e alguns "machos") no cio.

Ao visitar (pra que?) itaipuaçu, mantenha distância de um animal da fauna local chamado motoqueiro. Caso se depare com ele, fuja para as colinas (Itaipu) ou para as planícies (Saquarema). É um animal traiçoeiro, de hábitos estranhos, aparência horripilante e vocabulário defeituoso. Sua principal função no ecossistema da região é manter o controle demográfico, causando acidentes.

Segundo pesquisas, quatro em cada dez homens residentes da região, afirmam já terem sido traídos por sua namorada/esposa. Por outro lado, a outra parcela admite ter sido traído por sua amante. Tal fato, faz com que uma pequena fração de cidadãos esclarecidos venham buscar relacionamento sério longe da cidade.

Itaipuaçu não é uma referência quando o assunto é diversão para jovens; eles são diversão para adultos. Os poucos eventos que ocorrem na região são realizados em palcos banhados a lama limitados a rapazes na puberdade, já alcóolatras ou drogados, com prancha no cabelo, cantores de funk em decadência, jovens estudantes recém descidos das árvores, mulheres barangas desprovidas de beleza, com meio-quilo de kolene na cabeça.

A passeata gay é um movimento em grande ascensão no local. Apesar do nome, 99% dos frequentadores do evento é formada por mulheres barangas, feias e homens heteros que não ainda assumiram suas tendências homossexuais.

A população de Itaipuaçu é formada principalmente por:

Mafagafos
Primos distantes do Pato Donald (Os Quá-Quá)
Macacos amestrados que dirigem qualquer tipo de veículo
Alienígenas mandados pela MIB, depois que o hotel da Área 51 foi fechado
Turistas
Vampiros
Coragem, o cão covarde.
Você
Fazendeiros Podres-de-rico
Celebridades querendo se esconder da mídia
Daniel Tré - o Homem da cabana
A Cachorra da sua vizinha
Mutantes da Record
Bombeiros e botinhos
Macacos fugitivos do Planeta dos Macacos
Ex-Power Rangers
Oficiais da milícia carioca de baixa-patente
Jogadores de Magic que moram mal
Monges budistas que vivem isolados da civilização
Cobras : Jararaca (90%), mamba verde , jibóias , jaracuçú, e outras aberrações peçonhentas...
Mutucas (mosca de cavalo) - vetor do berne
Preás
Urubus
Fugitivos do Hospício de Niterói
E Você, caso eu não tenha dito antes.

Apenas uma pequena parcela da população é formada por pessoas normais, que normalmente buscam viver no meio do mato de Itaipuaçu para poder escapar da Violência dos centros urbanos, pois preferem enfrentar um rebanho inteiro de mafagafos do que um grupo de traficantes cariocas.

MetereologiaEditar

 
O clima alternativo de Itaipuaçu
 
Cratera causadas por Meteoros Ácidos Invisíveis.

O clima de Itaipuaçu é famosso pelo fato de que, sempre que em todos os outros lugares ao seu redor está chovendo, em Itaipuaçu está sol. Sempre que em todos os lugares ao seu redor está fazendo sol, em Itaipuaçu chove. Talvez esse fato tenha alguma relação com a curva espaço-temporal que existe nos limites desse continente perdido, criando um clima alternativo.

Outro evento meteorológico comum de Itaipuaçu é a chuva de meteoros ácido invisíveis. Como são invisíveis nunca foram vistos, mas muitos relatos atribuem a eles a incrível quantidade de crateras nas ruas do lugar, bem como o derretimento e desaparecimento do asfalto da maioria das ruas (segundo os mapas de Maricá, todas as ruas de Itaipuaçu são asfaltadas, mas, cadê o asfalto? Derreteu).

PolíticaEditar

 
Retrato do tio do prefeito de Maricá

Embora haja um grande movimento de rebeldes que lutam por sua libertação, Itaipuaçu ainda é considerado parte do Pseudo-município de Maricá e por isso está sujeita ao seu governante. O atual rei de Maricá atende pelo nome de Quá-Quá, e é um primo distante do Pato Donald, na realidade é um paturí, sobrinho do Tio Patinhas, pelo qual foi incumbido de tomar conta de suas finanças e fazenda de Mafagafos. O pato pateta, subiu na panela, pulou no poleiro, surrou a galinha, bateu no marreco e fez a maior sujeira.

Muitas tentativas foram feitas para a emancipação de Itaipuaçu, mas, como nos mapas oficiais esse lugar não existe, nada pôde ser feito.

Se você procurar no Google maps por Itaipuaçu, so encontrará um buraco, cientistas acreditam que Itaipuaçu foi o primeiro buraco negro que apareceu no espaço, mas como Itaipuaçu é o fim do mundo fazendo a curva, ate Itaipuaçu se escondeu em Itaipuaçu.

Fatos sobre ItaipuaçuEditar

Há muitos roubos de carros e motos na região. Mas logo os ladrões são capturados, pois não sabiam dirigir.

Antes da primeira versão do programa “No Limite” exibido pela Rede Globo, uma outra versão foi gravada em Itaipuaçu, entretanto toda a equipe, os participantes e o apresentador original foram atacados por um rebanho de Mafagafos. Ninguém sabe o que aconteceu com eles depois disso.

A corporação Umbrella fez alguns testes com o T-Vírus em Itaipuaçu, mas zumbis mutantes forma criados sem querer, mas estes acabaram se acostumando com o local e evoluíram (ou não), se tornando a primeira geração de Otakus de Itaipuaçu.

Itaipuaçu é o principal destino de férias dos alinígenas, por isso a MIB possui uma agência secreta implantada neste lugar, que fica escondida em algum lugar da Floresta Negra, mais conhecida como Itaocaia Valley.

A cidade cenográfica da não-mais-existente emissora de TV Manchete ficava em Itaipuaçu.

A Ilha dos mutantes da Record fica no mar de Itaipuaçu.

Os monstros da Rita Repulsa fazem parte da fauna de Itaipuaçu.

Itaipuaçu também é conhecida como Digimundo.

O Monstro do Lago Ness tira férias em Itaipuaçu.

Elvis Presley, Dercy Gonçalves e Michael Jackson não morreram. Assim como Osama Bin Laden, eles se esconderam em sítios multimilionários localizados em Itaipuaçu.

A ilha onde Tom Hanks se perdeu no filme " Náufrago " fica em Itaipuaçu.

Ver TambémEditar