Abrir menu principal

Desciclopédia β

Jangada

Nota: Este artigo fala do município brasileiro de Mato Grosso. Se procura pelo barquinho de madeira consulte Jangada (navegação).


Jangada é um tosco município nos brejos metropolitanos de Cuiabá (como é chamado a região metropolitana da capital matogrossense).

Índice

HistóriaEditar

 
Entrada de Jangada.

Certo dia, um grupo de jangadeiros saiu de Cuiabá a procura do boto-cor-de-burro-quando-foge-da-roça, uma famosa lenda do folclore pantaneiro, que diz que o boto-cor-de-burro-quando-foge-da-roça pode assumir forma de um jumento sem cabeça e sem rabo e seduzir pobres cidadãos desavisados e afogá-los no rio. Aqueles bravos jangadeiros passaram dias naquele labirinto do pantanal e nada encontraram além da informação que estavam perdidos. Decidiram criar um povoado por ali mesmo, e com o tempo ficou conhecida como Jangada devido a seu único acesso ser feito de jangada.

Em 1976, com o lançamento do Telescópio espacial Hubble, após meses de observações no espaço sideral, foi possível comprovar cientificamente a existência do povoado de Jangada e, portanto foi elevado à município.

Atualmente essa coisa insignificante mais parece um sítio do que uma cidade.

GeografiaEditar

Jangada é uma dessas cidades no pantanal. Próximo ao vilarejo passa o famoso Rio Aqueronte, que deságua no Rio Cuiabá.

LazerEditar

A principal fonte de lazer do cidadão jangadeiro é ficar pescando pacu nos lamaçais que cercam a cidade. Jangada organiza uma série de festividades, onde se destaca o Festival do Pastel (uma espécie de festa junina fora de época), e o Jangada Country Fest uma exposição de vacas e bois.

TransportesEditar

O principal meio de transporte obviamente é a jangada.

Veículos terrestres pode esquecer, eles são completamente tragados em todas areias movediças que cercam Jangada. Por ar, só se você alugar um avião da FAB e pular de para-quedas.

Portanto, para chegar em Jangada, só alugando uma jangada no Rio Estige próximo ao Primeiro Círculo do Inferno e navegar rumo a oeste.