Justice League Heroes

Virtualgame.jpg Justice League Heroes é um jogo virtual (game).

Enquanto você lê, uns metroids chupam a Samus.


Justice League Heroes é um plágio dos jogos X-Men Legends e Marvel Ultimate Alliance criado pelo Tabajara Studios e amamentado nas tetas muchas da Warner Bros. Trata-se de um Action RPG disfarçado de Beat em' Up (ou seria um jogo de pancadaria com elementos de RPG?) onde você controla duplas sertanejas da Liga da Justiça do Brasil e tem que ficar batendo em robôs genéricos que estão causando caos e destruição na Cidade do Cabo Caqui.

Champions League Heroes
Jlh-br-cover.jpg
Informações
Desenvolvedor Snowblind Studios
Publicador Warner Bros. Interactive Entertainment
Ano 2006
Gênero Action RPG
Plataformas PlayStation 2, Xbox, PSP e Nintendo DS
Avaliação 66%
Idade para jogar +12

NarrativaEditar

A história começa com uma Rocha Matriz caindo na Terra enquanto o narrador explica quem são os membros da Liga da Justiça (porque quem compra esse tipo de jogo claramente só conhece personagem da Marvel). A rocha radioativa é escavada por arqueólogos e levada até o Laboratório da Umbrella Corporation para estudo, mas robôs aparecem do nada e atacam a cidade enquanto o Batman (com voz de dublador sonolento) espancava dois pais de família em um beco escuro. O marciano Ajax entra em contato com o mamífero sanguessuga e o intima a fazer alguma coisa a respeito enquanto ele fica sozinho na Torre da Liga cheirando sabão em pó.

Batman desce o pinto em alguns robôs, mas tem que ser salvo pelo Superman e agradece o Kryptoniano mandando-o ir se foder. Depois de espancar todos os robôs, o cacetão cabeção de Brainiac surge e desafia os Melhores do Mundo a espanca-lo também. No fim, um robô sobrevive e escapa com a pedra.

O resto do do jogo é sobre os heróis se dividindo em duplas e indo a lugares remotos conter as confusões tamanho família causadas por vilões totalmente secundários contratados para encherem linguiça no roteiro do jogo. No fim, a Liga da Justiça descobrem que Ultron e Thanos Brainiac e Darkseid eram do mal (e que queriam a vaselina do Superman para polir Brainiac e faze-lo transar com um aspirador de pó Ajax até esquentar todo o planeta) e sentam o cacete neles, salvando o mundo.

JogabilidadeEditar

 
Tela de seleção de personagens que só aparece na segunda parte do jogo.

Você joga com dois heróis por vez (não colocaram 4 para não descobrirem que estavam plagiando a Marvel) e só precisa quebrar tudo que aparecer pela frente até surgir um chefe ou uma cutscene feia para descontrair. Você também pode quebrar carros, bater em pedestres (que até agradecem dando dinheiro para você gastar com roupa rendada dos ninjas de Naruto, bijuterias e personagens secretos), destruir o patrimônio publico, fritar chefes com a visão de calor do Superman, bater em robôs com caixas de correio, privadas, ar-condicionados e beliches, alem de poder fugir da briga quase sempre que quiser para recuperar a barra de vida em questão de segundos. Após chupar bastante bolas verdes, os heróis sobem de nível e ganham pontos para fortalecer seus poderosos poderes.

No menu, eles também podem pegar a bosta grudada na bunda que os inimigos dropam e fundir com outros pedaços de fezes que acabam ficando presos nos pelos próximos à região anal de um ser humano após a evacuação, gerando merdas ainda mais supimpas que turbinam os poderes dos heróis e acabam com a dificuldade do jogo.

PersonagensEditar

JogáveisEditar

  • Amável Pinto / Homem-Cueca - Um imigrante ilegal que veio para São Paulo achando que ia ficar rico vendendo água e suco na rua. Ao ser exposto á elevada poluição da capital paulista, Pinto adquiriu vários superpoderes estranhos (visão raio laser, bafo de ar-condicionado, voo sem asas, resistência de barata etc.) e decidiu usá-los para o bem da humanidade.
  • Breno Wally / Viralatman - Um morador de rua que testemunhou a morte dos pais pelo Tribunal do Crime e jurou vingança. Apesar de não ter superpoderes, Wally é Faixa-Preta em capoeira de gaúcho e conta com varias bugigangas de plastico importadas ilegalmente do Paraguai para combater o crime organizado.
 
Maravilha enfrenta a She-Hulk no final secreto.
  • Alice Barbuda / Mulher Maravilhosa - Uma travesti funkeira que foi presa quando fumava em num banheiro feminino e alegou ser mulher para poder ir para a penitenciaria feminina de Orange Is the New Black. Lá ela aprendeu artes marciais com outras detentas e passou a adorar divindades do folclore nacional brasileiro, como a Iara e o Saci Pererê, que lhe deram um chicote de Tiazinha. Junto com o Homem-Cueca e o Viralatman, ela completa a divina trindade brasileira da DC.
  • Antônio Manso Pacífico de Oliveira Sossegado / Lanterninha II - Certo dia, a Liga viu que precisava de um integrante afrodescendente para não ser acusada de racismo, então demitiram Marcos Grilo (o Lanternina original) e deixaram seu posto para o Sossegado, um botânico que vivia como baiano graças a sua aposentadoria por invalidez forjada. Seu poder vem de um farolete mágico que ele comprou no camelô. Aparentemenet sofre de alucinações e diz trabalhar para a Polícia Espacial do Acre.
  • Maycom Géquiçom / Gatorade - Um batedor de carteiras que acabou ganhando super-velocidade de tanto fugir da policia. Sempre bem humorado, ele é o palhaço da turma e anda sempre com o Lanterninha, já que não consegue fazer a Mulher Maravilhosa e a Zarabatana abrirem as pernas para ele entrar.
  • Asteroide Silvério / ET do Panamá - Um habitante de Mercúrio que estava visitando a Terra em seu disco voador quando seu OVNI foi abatido pelo exército americano e caiu no México, onde Silvério faz carreira como boxeador para arrecadar fundos e consertar a nave para voltar pra casa. De tanto apanhar no ringue, sua cara ficou tão deformada que ele aprendeu a mover os ossos do corpo para mudar de forma, e então ganhou uma vaga de super-herói na Liga.
  • Lança Perfume Rodometálico de Andrade / Zarabatana - Uma piriguete macumbeira que trabalha como ilusionista nas horas vagas (para ninguém desconfiar de seus poderes mágicos e queima-la na fogueira). Zarabatana acabou virando a sétima integrante do grupo porque a Mulher-Gaivota foi expulsa por conspirar com os pombos comedores de fetos para espalhar o coronavírus no território nacional e facilitar uma invasão Tamarindiana.

VilõesEditar

 
Brainiac em sua forma final.
  • Robocop Gay - PC da Xuxa que o Homem-Cueca trouxe com ele quando veio para São Paulo. Devido aos avanços tecnológicos, o notebook foi abandonado pelo dono em prol dos smartphones modernos e jurou vingança. Seu plano maligno consiste em libertar perigosos vilões e pedirem para eles causarem caos e destruição em todo lugar para distrair os heróis enquanto ele invade o apartamento da Liga e rouba um Xbox usado para entrega-lo ao maligno Dark Site e pedir para este destruir o mundo.
  • Felicidade do Lar Brasileiro / Mosca de Banheiro - Vilã da segunda fase; uma sem-teto que se acha a rainha da miséria e vive nos vagões de metrô abandonados da cidade cheirando crack e sequestrando homens da região para absorver o sêmen deles e evoluir para a Mosca-das-frutas. Ela é vencida pelo ET do Panamá e pela Zarabatana.
  • Chaves - Chefe da terceira fase, Chaves foi expulso da vila por atropelar o gato do Quico e virou um terrorista. Ele invadiu uma velha base soviética e ameaçou matar os cientistas de lá com seu peido progressivo. Quando Lanterninha e Gatorate invadem o local, Chaves liberta o Churrumino, o outro gato e vários peixinhos coloridos para detê-los, mas é encurralado pela dupla, perde e vai chorar no barril.
  • Uranianos Pretos - Xenomorfos com voz de porco que gritam Kal-El quando são mortos, em desprezo ao Homem de Aço. Eles foram aprisoados pela Ripley em uma nave-prisão abandonada, mas foram soltos pelo Robocop para distrair a Liga. São inimigos naturais do ET do Panamá, mas poucos os conhecem devido à obscuridade de seus gibis.
  • Babuíno Cesar - Um cientista louco do Planeta dos Macacos que inventou um capacete que controla mentes e decidiu usá-lo para conquistar Babuíno City. Usando uma maquina de fazer terremotos, ele se aliou ao Robocop Gay para derrubar a economia mundial e estabelecer sua Republica das Bananas no Congo, mas foi impedido e enjaulado novamente.
  • Arroto do Apocalipse - Um mutante ossudo criado em cativeiro que se infiltrou na Torre da Liga quando os membros desta estavam ocupados fumando charutos cubanos no Havaí, e roubou o Xbox do ET do Panamá, entristecendo-o. Sem querer, o monstro aciona o alarme e os outros voltam para recuperar a torre e engaiolar o ogro depois de uma longa e entediante luta.
  • Dark Site - O ultimo chefe do jogo. Dark Site estava preso na Deep Web, mas conseguiu se comunicar com o Robocop gay por osmose e prometeu lançar um novo Xbox 360 com visual de Batman caso fosse libertado. Robocop o liberta no final, mas é traído e liquidado pelo chefão, que aproveita e torra toda a galera com seu olhar laser teleguiado. Por sorte, o Xbox para de funcionar devido às 3RL e os heróis conseguem fugir do inferno para espancar o bicho e salvar o mundo.