Abrir menu principal

Desciclopédia β

Euphausiacea

(Redirecionado de Krill)
Comida de baleia
A grandeza de um krill
A grandeza de um krill
Classificação científica
Reino: Animalia
Filo: Artrofoda
Subfilo: Frutos-do-mar
Classe: Malacabados
Ordem: Epaminondas

Cquote1.png Kri-kri-kri-kri... Cquote2.png
Gafanhoto chamando o Krill pelo seu apelido
Cquote1.png Oi primo Cquote2.png
Camarão sobre Krill

Euphausiacea, ordem de pequenos camarãozinhos chamados pelas baleias de Krill (do latim krills ou criolos quando se há um monte de Krills), é um animal que parece um camarão e vive no fundo do mar, e lembre-se: Não olhe nos olhos.

Índice

AlimentaçãoEditar

Bem um krill não sabe muito bem o que é isso, não se alimenta bem, é tão magrinho que dá para ver os ossos. Bem que comer nunca foi o forte do krill desde criança ele é ensinado a ser comido e que a vida é assim mesmo, e que só serve para ser comida, o que não deixa de ser verdade. De qualquer forma, de vez em quando ele dá umas petiscadas em algumas algas e pedaços de nada...

ComportamentoEditar

Você nunca verá um krill sozinho, pode até encontrar 2 juntos, mas nunca somente 1.

A família de um krill é no mínimo 500 milhões de krills por metro cúbico, e tem criolos (coletivo de krill) que chegam há 20 metros cúbicos, então se é necessário comer mais ou menos uns 900 criolos para se sentir satisfeito.

Ciclo da vidaEditar

Bem um krill nasce se reproduz e é comido, ou nasce é comido e se reproduz, ou é comido nasce se reproduz, ou se reproduz é comido e nasce, ou nasce se reproduz se reproduz de novo e é comido.

 
Dois krills que fizeram uma redução de 80% no tamanho dos olhos.

Perceptível que o krill não tem muitas opções na vida, mas quem disse que ele se importa? Isso mesmo o krill quer mais é ser comido mesmo.

ImportânciaEditar

É o segundo ser menos importante da terra, primeiro lugar vem o plâncton que nem pra ser comido aquela merda serve.

Como para tudo o ser humano transforma em dinheiro, com o Krill não é diferente, muitos krills são sequestrados quando crianças e levados a força, para serem treinadas e entreter os humanos, o que não é um final muito trágico pôr ser comido ou entreter os humanos...

FamíliasEditar