Abrir menu principal

Desciclopédia β

Linha Vermelha

A Linha Vermelha, também conhecida como passagem para o inferno ou coletora de favelados, é uma das vias mais importantes da cidade do Rio de Janeiro. Ela foi criada com o objetivo de conter o crescimento da população. Por dia, morrem centenas de pessoas na Linha Vermelha, vítimas de balas perdidas, falsas blitze ou assaltos. As que não morrem, ficam tretraplégicas e não conseguem mais ter filhos.

Documentos secretos da República mostram que a Linha Vermelha foi uma criação de EMOS, que, descontentes com a alegria irritante dos cariocas, decidiram arquitetar um plano para acabar com o crescimento populacional da raça. Os Emos recrutaram favelados e deram início ao crime organizado na região, distribuindo armas de fogo mais potentes que as dos policiais.

Hoje, os traficantes estão, aos poucos, sendo substituídos pelas milícias, grupos de policiais desertores que descobriram o plano malicioso dos Emos, mas que resolveram tirar uma casquinha da situação. Assim, cria-se uma outra força na República, a dos policiais corruptos antiEmos (graças a Deus).

É conhecida como passagem para o inferno por terminar no bairro mais tenebroso do Rio de Janeiro, a Pavuna.

Rugal mandou uma cartinha para este artigo.
Gaste todas suas fichas para tentar derrotá-lo!