Abrir menu principal

Desciclopédia β

Longobardos na Itália. Locais do Poder (568-774 d.C.)

Este artigo é um
Patrimônio Mundial da Humanidade.

Pode ser uma ruína, uma cidade
de merda, um matagal abandonado,
mas está protegido!

World Heritage Site logo.png

Leitura recomendada apenas para
pessoas com cultura.

A UNESCO monitora este artigo.


Longobardos na Itália. Locais do Poder (568-774 d.C.) são sete locais onde o finado Lombardi possuía extrema influência entre os anos de 568 e 774 lá na Itália, tanto que mandou construir a sua estátua em cada um deles.

Muitos se perguntam [?] o que aconteceria se os vikings conquistassem a Itália? Não é preciso conjecturar isso, isso ocorreu na realidade, na época que os longobardos ocuparam a Itália. Eles foram os responsáveis pela transição da arquitetura antiga para a arquitetura da Idade Média coma construção de diversas churrasqueiras para assar javalis, por esse conjunto único de monumentos bem conservados dessa época, os locais de poder dos longobardos foram considerados patrimônio mundial pela UNESCO em 2011.

Índice

Longobardos na ItáliaEditar

 
Um longobardo conquistando a Itália e subjugando as bandeiras dos inimigos.

Pouco se sabe sobre as histórias antigas dos longobardos, porém a sua primeira aparição oficial foi em 568, durante o décimo nono episódio de Teletubbies denominado "Os Teletubbies e as Invasões Bárbaras" em que Tinky Winky tem seu primeiro encontro sexual com um viking. Embora alguns historiadores acreditem que isso é apenas uma metáfora sobre a conquista de bárbaros sobre a Itália.

O mito diz que os lombardos eram homens tão cruéis e sem piedade, que o rei dos Vândalos parecia a Madre Teresa de Calcutá comparado com eles.

Você conhece o jogo Age of Empires? Então já sabe o resto da história.

Locais do PoderEditar

Área Gastaldaga e o complexo EpiscopalEditar

Localizado na cidade de Cividale del Friuli na Eslovênia, a Área Gastaldaga é uma antiga feira tipicamente longobarda onde as pessoas gastam a adaga esfaqueando uma outra na disputa de três pacotes de miojo, uma invenção italiana exportada posteriormente ao Japão por Marco Polo, e o local funciona culturalmente até hoje, embora as adagas tenham sido trocadas por pedaços de queijos.

O complexo episcopal fica próximo da Área Gastaldaga, é lá que os bispos longobardos se hospedavam em suas viagens para Tuvalu, local onde o apóstolo Blanka evangelizou.

Complexo monástico de San Salvatore-Santa GiuliaEditar

Localizado na cidade de Brescia, este belo complexo monástico são algumas esculturas em gesso feitos por longobardos que o governo italiano esqueceu de reformar e ficaram lá, abandonadas, até hoje, para a UNESCO descobrir e agora tombar.

Castrum com a Torre Torba e a igreja fora das muralhas, Santa Maria foris portasEditar

 
Longobardos felizes em poder ir construir mais uma basílica na Itália.

Localizado na cidade de Castelseprio, o castrum com a torre do toba é um dos maiores símbolos da arquiteturas longobarda. O castrum era o edifício onde os longobardos castravam e fritavam os ovos para o jantar daqueles que se masturbassem vendo o x videos, enquanto a Torre do Toba os longobardos enfiavam testículos fritos dos castrados no bolso daqueles que foram flagrados vendo a bunda da Monica Bellucci.

A igreja fora das muralhas é uma típica arquitetura longobarda que deixava as igrejas fora das muralhas de propósito porque eles eram hereges. A Igreja de Santa Maria foris portas homenageia a santa padroeira das portas.

A Basílica de San SalvatoreEditar

Localizado na cidade de Spoleto, a Basílica de San Salvatore... é apenas uma basílica, que algum longobardo construiu, e agora historiadores e arquitetos acham aquilo grandes coisa.

Templo ClitunnoEditar

Localizado na cidade de Campello sul Clitunno, o Templo Clitunno (Templo do Clitóris) é local onde os longobardos louvavam o Deus Clitóris. Acredita-se que eram os primeiros praticantes do cunnilingus.

O complexo de Santa SofiaEditar

Localizado na cidade de Benevento, o complexo de Santa Sofia é tão complexo que é difícil falar alguma coisa dele.

Santuário do Monte Sant'ArcangeloEditar

Localizado na cidade de Monte Sant'Angelo, este santuário longobardo é onde os vikings na Itália podiam relembrar os velhos tempos ao assistir torneios de loiras de biquíni lutando numa banheira cheia de sabão.